Quarta-Feira, 23 de Agosto

09/02/2013 - Copyleft

A imprensa brasileira não é democrática

por Emir Sader em 09/02/2013 às 08:46



Emir Sader

A imprensa tradicional brasileira, a velha mídia, não é democrática, de qualquer ponto de vista que seja analisada.

Antes de tudo, porque não é pluralista. Do editorial à ultima página, a visão dos donos da publicação permeia tudo, tudo é editorializado. Não podem, assim, ter espaço para várias interpretações da realidade, deformada, esta, pela própria interpretação dominante na publicação, do começo ao fim.

Não é democrática porque não contém espaços para distintos pontos de vista nas páginas de debate, com pequenas exceções, que servem para confirmar a regra.

Não é democrática porque expressa o ponto de vista da minoria do país, que tem sido sistematicamente derrotada desde 2002, e provavelmente seguirá sendo derrotada. Não expressa a nova maioria de opinião política que elegeu e reelegeu Lula, elegeu e provavelmente reelegerá a Dilma. A imprensa brasileira expressa a opinião e os interesses da minoria do país.

Não é democrática, porque não se ancora em empresas públicas, mas em empresas privadas, que vivem do lucro. Assim, busca retorno econômico, o que faz com que dependa, essencialmente, não dos eventuais leitores, ouvintes ou telespectadores, mas das agências de publicidade e das grandes empresas que ocupam os enormes espaços publicitários.

São empresas que buscam rentabilidade para sobreviver. Que não se interessam por ter mais público, mas público “qualificado”, isto é, o de maior poder aquisitivo, para mostrar às agências de publicidade que devem anunciar aí. São financiadas, assim, pelas grandes empresas privadas, com quem têm o rabo preso, contra cujos interesses não vão atuar, o que seria dar um tiro no próprio pé.

Não bastasse tudo isso, as grandes empresas da mídia privada são empresas de propriedade familiar. Marinho, Civita, Frias, Mesquita – são não apenas os proprietários, mas seus familiares ocupam os postos decisivos dentro de cada empresa. Não há nenhuma forma de democracia no funcionamento da imprensa privada - são oligarquias, que escolhem entre seus membros os seus sucessores. Nem sequer pro forma há formas de rotatividade. Os membros das famílias ficam dirigindo a empresa até se aposentarem ou morrerem, e designam o filho para sucedê-los.

Tampouco há democracia, nem sequer formal, nas redações dessas empresas. Não são os jornalistas que escolhem os editores. São estes nomeados – e eventualmente demitidos – pelos donos da empresa, os que decidem as pautas, que têm que ser realizadas pelos jornalistas, com as orientações editorializadas da direção.

Uma mídia que quer classificar quem – partidos, governos etc. – é democrático, é autoritária, ditatorial, no seu funcionamento, tanto na eleição dos seus dirigentes, quanto na dinâmica das suas redações.

Como resultado, não é estranho que essa mídia tenha estado ferreamente contra os mais populares e os mais importantes dirigentes políticos do Brasil – Getúlio e Lula. Não por acaso estiveram contra a Revolução de 30 e a favor do movimento contrarrevolucionário de 1932 e o golpe de 1964, que instalou a mais a sangrenta ditadura da nossa história.

Coerentemente, apoiaram os governos de Fernando Collor e de FHC, e se erigiram em direção da oposição aos governos do Lula e da Dilma.

Em suma, a velha imprensa brasileira não é democrática, é um resquício sobrevivente do passado oligárquico do Brasil, que começa a ser superado por governos a que – obviamente – essa imprensa se opõem frontalmente.

A democratização do país começou pelas esferas econômica e social, precisa agora chegar urgentemente às esferas políticas – Congresso, Judiciário – e à imprensa.

País democrático não é só aquele que distribui de forma relativamente igualitária os bens que a sociedade produz, mas o que tem representações políticas eleitas pela vontade popular, e não pelo poder do dinheiro. E que forma suas opiniões de forma pluralista e não oligárquica. Um país em que ninguém deixa de falar, mas em que todos falam para todos.

Tags: Política





bento - 23/02/2013
Emir.



Apenas o crescimento econômico capitalista lhe basta?Qual será no final o legado?


sergio ALVES - 22/02/2013
nao posso dizer que tenho um site mas posso comentar,sõ não sei se vão publicar.

dizer que a imprensa é mantida pela iniciativa privada é no minimo hipocrisia.

os veiculos de comunicaçao de massa no brasil é não só mantido pelo dinheiro publico como tambem é cooptado e ate chantageado pelo governo de plantão.

basta ver o que tem de propaganda de empresas publicas na tv por exemplo:banco do brasil,caixa economica,correios etc.porque as tvs não contam a verdade sobre o lula-baba e os trocentos ladrões petistas e aliados?

é isso ai,vamos ver se voces "democraticamente"vão publicar meu comentario,talves não por que eu não sou ninguem pra voces.


Riobaldo - 22/02/2013
A democracia da informação, caro Emir, passa pela regulação dos cybers espaços, sob monopólio dos grupos de rádio e televisão brasileiro.Só para exemplificar: as empresas de telefonia detém o monopólio da transmissão de internet, e não investem um centavo em ampliação e modernização do sistema, que está todo travado e congestionado.Soluções alternativas existem para modernizar e tornar acessível as infovias, seja pelo sistema de transmissão das redes elétricas consorciadas com fibras óticas.Acontece que baratear e modernizar são verbos instransitívos e instransitáveis.A Dilma tentou reabilitar a Embratel e não se falou mais no assunto.Outra questão, é forçar o Congresso Nacional a por na pauta e levar para audiências públicas a nossa Lei de Meios, assim como fez os argentinos...sempre à nossa frente em tudo ! Isso é o Brazil, meu caro...


Diamond Homes - 21/09/2013
En nombre de este Servicio de DIAMOND EMPRESSA quiero certificar que esta

es una compañía de licencia de préstamo,

estamos certificados prestamista, así como un inversionista ángel hemos estado en

préstamos comerciales como Ángel y tenemos una buena cabeza para los necesitados no

robar.Estamos en nuestro cliente tenga que ayudar a los pobres

Este préstamo viene del Servicio de DIAMOND HOMES

En mi programa de préstamos, las tasas de interés son bajas, pero en el corto plazo

dinero en efectivo. Interés necesaria para el préstamo es del 2% con una duración de no más de 360 ​​meses (31 años), pero puede ser menos.

La duración mínima para este préstamo es de 24 meses, que es de 2 años. en

estos 24 meses, se espera que el prestatario para hacer pagos de préstamos que

hace que sea aún más fácil de pagar. Email; diamondloanhomes@yandex.com también nuestro sitio web http://diamondfinances.ucoz.net

contestar, me envía su número de teléfono.

Espero su respuesta lo antes posible. Para cualquier consulta, no dude en preguntar.

Saludos cordiales


Sergio Uliano - 21/02/2013
No Brasil, a imprensa comercial, sempre foi ferramenta da casa grande contra a senzala. Apoiou todos os golpes de Estado e enriqueceu com a ditadura.



Mas notem, várias pesqisas de opinião atesta que a mídia está perdendo credibilidade. Isto abre espaço para a regulação.

Estamos caminhando.


Amauri - 20/02/2013
Bem como a "imprensa alternativa", não é democratica, só conta o que lhe interessa e é tendenciosa.


José Carlos Melgarejo Cavalcante - 20/02/2013
Segundo a publicação, qual seria a solução? O Governo dizer o que deve ser escrito? Não, a solução é mais educação e mais liberdade. Quanto o PT investiu em educação? Ele já desenvolveu sistemas e facilitem as pessoas a ter maior acesso a informação? Facilitou as pessoas a serem donos de TV´s e jornais? Não, fez justamente ao contrário. Por favor para com esse papo para boi dormir.


orlando f filho - 19/02/2013
Acho covardes pessoas que se escondem atrás de siglas(MB011 por exemplo). Ou então não acreditam no escrevem. Pessoas de caráter, de opinião, não se escondem atrás de siglas obscuras, mas assumem suas opiniões. Deixem de ser covardes.


Wesley - 19/02/2013
Orlando, o prof. Emir é muito democrático. Naquele blog nazista do Olavo Carvalho, só aqueles loucos direitistas que comentam.


DANIEL JOSE DE CARVALHO - 19/02/2013
É isso mesmo Emir, e se vacilarmos esta mesma mídia hipócrita que manda e desmanda, como uma espécie de ditadura midiática e a golpes rasteiros, haja visto o seu posicionamento no julgamento da AP 470. Daqui a pouco teremos o quarto poder neste país, se já não temos, e aliado ao Judiciário, então... É o fim, conclamos por democracia já nos meios de comunicação (Lei de Médios e Regulamentação já do que trata o capítulo das Comunicações na Constituição Brasileira. É inconcebível apenas 6 famílias explorar e mandar nos meios de comunicação deste país, logo não temos o exercício pleno da democracia de fato. É o que nos resta neste País para consolidarmos a verdaeira democracia e o exercício da cidadania.


spin - 19/02/2013
Entrevista de Zé Dirceu ao Roda Viva em 2010, os golpistas estão calando uma das figuras que arquitetaram o novo Brasil, Dirceu está sendo condenado por seus acertos, nem a ditadura fez com Dirceu o que os golpistas conseguiram

http://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=wga4YSFyQYE


ze - 19/02/2013
eles são livres. e o Povo tb. cabe construir um jornal público, do povo, da polis, político, tb. e desfazer o liberalismo pelas entranhas ao engulirem a força o jornal popular, do governo, do estado. TVBR2, TVBR 3, TVBR 4, etc.


Wesley - 18/02/2013
Interessante com os direitistas escrostos desmerecem a esquerda. Dizem que a esquerda foi responsável por milhões de mortos, pois bem, vou citar um exemplo o que o capitalismo da direita democrática é capaz de fazer com o ser humano. Durante a colonização belga no antigo Zaire, atual Congo, foi marcada pela morte de 10 milhões de seres humanos. Os ingleses mataram milhares de aborigenes na Nova Zelândia e Tasmãnia, povo esse puro pelo isolamente geográfico de 10.000 anos, e, temos o exemplo clássico da exploração da revolução industrial que gerou poucos industriários ricos e uma população miserável que viviam em esgotos à volta das indústrias, numa jornada de até 18 a 20 horas por dia. Nesse ambiente é que surgiu as primeiras idéias marxistas. Marx contribuiu muito para o mundo. Outra coisa, por causa do capitalismo democráticos, bilhões de seres humanos não tem o que comer e o que beber, isso sem dizer os humilhados por falta de emprego orindos de políticas conservadoras da Europa e USA.


Marcell Bruno Sousae Silva - 18/02/2013
Parabéns Emir Sader pelo excelente artigo, a mídia brasileira mente descarada e deslavadamente, é um ente na sociedade que a meu ver gera muito pouco de positivo para a mesma, devendo ser repensada o seu modelo.

Exemplo, desde 2008 que os EUA quebraram, em 2010 Obama foi a China implorar por dinheiro emprestado, o número de pessoas abaixo da linha de pobreza nos EUA já está em 15% da população, a derrota na guerra contra o Iraque foi pior do que a derrota contra o Vietnã, no entanto, o grupo de entreguistas chamado de mídia brasileira, além de não informar nada disso à nossa população ainda minimiza a crise dos EUA, volta e meia dizendo que saíram da crise, fazendo a única coisa que se pode esperar deles, MENTIR.

Por isso sou a favor de um orgão regulador para a mídia mentirosa brasileira.



Forte abraço.


Luiz Antônio Laner - 17/02/2013
A imprensa no Brasil realmente não é Democrática e CARTA MAIOR, segue a mesma trilha, assim como os artigos publicados e seus autores! Publicam apenas os comentários que são do seu interesse, por vezes deixando passar alguns com conteúdo mais ameno, para disfarçar! Desta forma, NUNCA vão atingir o grande público, e com isto NÃO farão jus as VERBAS ESTATAIS, que são destinadas à atingir o grande público, independente se de Direita ou Esquerda! Mas a autodenominada "esquerda" é assim mesmo! Usam de ampla retórica mas no fundo o seu interesse é o mesmo das elites tradicionais ou Direita! DINHEIRO E PODER, não importam os meios! VIVA a "esquerda fascista"!


Vlasik - 16/02/2013
Acho engraçado essa mídia golpista. A editora abril liga toda semana na minha casa oferecendo assinaturas da Revista Veja, e eu sempre digo que sou servidor público e progressista e que a revista não atinge meus objetivos. Metem o pau nos progressistas e depois querem que pagamos para ler suas idiotices. Isso tá parecendo síndrome de Stocolmo.


MB011 - 16/02/2013
Em suma: para ser democrático tem que ser alinhado com o PT. hahaha!


Wesley - 16/02/2013
Prof. Emir, é sempre muito bom poder ler seus textos. Na minha opinião essa direita rançosa nunca mais voltará ao poder para nos desgraçar. Um brinde as políticas progressistas latino-americanas!!


Jose Carlos de Almeida - 16/02/2013
Interessante o posicionamento dos srs. Orlando e Nando. E' muito comum ver aqui na CM, principalmente no blog do Emir, comparacoes entre Lula e Getulio, sendo que Getulio e' descrito em caracteristicas altamente positivas, por ter enfrentado o "golpe" constitucionalista de 32. Que nada mais era, diga-se, que uma reacao ao golpe de 30.

A maior parte dos leitores aqui sabe quem foi Getulio. E se formos olhar os pontos positivos (Petrobras, etc) deveriamos usar os mesmos criterios para com os governos militares (FGTS, BNH, etc).

Enfim, quem estabelece comparacoes ente Lula e Getulio, sempre no sentido positivo, sao alguns articulistas aqui.


nando brown - 15/02/2013
Sr. luiz antonio laner(seu nome deve ser escrito em minusculas mesmo) Prá mim, alguém que exalta um sujeito que mandou para a morte Olga Benário pelo simples fato de ser mulher do Grande Prestes, já demonstra bem o seu caráter. Prá mim, Getulio foi um ditador de meia tijela que, quando lhe foi conveniente, tornou-se "democrático". Seu único feito positivo tenha sido a Petrobrás. Não dá prá comparar Lula com Getúlio. Lula é muito melhor, sem dúvida. Ganhou a confiança do povo nas urnas e nas atitudes, não precisou ser ditador para concluir sua obra.


Vicente Lino - 15/02/2013


Não há inimigos poderosos Sr. Rui. Há a imprensa independente e que não sobrevive às custas de dinheiro público.Esta imprensa tornou possível à nação, conhecer os assaltantes do dinheiro público, do seu partido. Foi esta imprensa que denunciou, além do mensalão, as maracutaias da Erenice Guerra, os barcos da Ideli Salvatti, os dossiês falsos do Aloisio Mercadante, os dólares na cueca e nas meias e os "aconchegos" da Rosemary Noronha, com o Babalorixá. Quando foram denunciados os casos dos larápios Roberto Arruda, do DEM e Demóstenes Torres, do PMDB, o Sr. aplaudiu. Porém, quando as bandalheiras do PT são expostas, o Sr. condena e ataca a imprensa, as instituições, o STF. O Sr. ataca, enfim, o Brasil decente. Falta-lhe Sr. Rui Falcão, vergonha na cara. Como de resto, ao seu líder Lula e ao partido que o Sr. tão, descaradamente, defende. O Brasil que presta conta com o STF. O dia do seu babalorixá há de chegar!



nando brown para vicente lino - 15/02/2013
Sr. Vicente Lino seu ódio pelo PT é tão evidente que o sr.parece não entender que um partido político não acaba porque alguns membros cometeram crimes. O que está em discussão aqui, o que o sr. parece não entender, é que a mesma imprensa que publcou uma ficha falsa do DOPS de Dilma, mesmo tendo a afirmação de um coronel da ditadura que aquele impresso não era utilizado pelo DOPS; uma imprensa que solenemente ignorou o mensalão mineiro(onde tudo começou). Ainda pior, uma imprensa que apoiou uma ditadura sangrenta e assassina, agora clama por liberdade de expressão por causa do projeto de Rui Falcão; que o sr, deve desconhecer que a mesma regulamentação existe na Alemanha e lá(ao contrário daqui) existem jornais de esquerda. Desculpe se pareço arrogante, mas o sr. parece destilar apenas um ódio reacionário e direitoso(como alguns aqui também) contra Lula, que até hoje o PIG não conseguiu descobrir nenhuma fraude. E olha que espalham por aí que ele tem uma fazenda no valor de 100 MILHÕES DE REAIS, mas está morando no mesmo apto, em São Bernardo, levando a mesma vida de antes de ser presidente. Mas voces não se conformam, pois talvez seus candidatos ficaram milionários após sairem do poder. O que voces querem é ter o que falar, mesmo que seja esse monte de besteiras. Ah, adianto que não do PT. SOU ANARQUISTA, viu seu Vicente. Portanto, procure informar-se melhor. Parece de ler essa porcaria que o PIG te vende.


orlando f filho para luiz antonio laner - 15/02/2013
Vou contar algo bem interessante: Getúlio entregou Olga Benário, esposa de Prestes, para ser assassinada pelo polícia política nazista. Me parece que Lula não tem isso em seu currículo. Só entrou na guerra ao lado dos Aliados porque sabia que Hitler iria perder a guerra e não havia futuro. Getúlio foi ditador e Lula concorreu e ganhou democraticamente as eleições para Pfresidente. Deve concluir que o sr não sabe nada de Getúlio e muito menos de Lula, o qual conseguiu dar mobilidade social para 40 milhões de pessoas deste pais. Se o sr. acha pouco, então diga o que seu candidato fez pelo pais, caso ganhasse ou tenha conseguido ser Presidente. Emir, às vezes fico farto dessa gente reacionária, antidemocrática que destilam apenas um ódio irracional. Dizer que Lula ficou na cola do Plano Real. Parece que Obama disse que Lulá é o cara e não FHC. Talvez porque Obama não pertença a mesma elite do "príncipe da filosofia" e sentiu na pele também as agruras pelas quais Lula passou até chegar ser Presidente. Sabe, vou passar a ignorar pessoas como o sr. porque parece que não adianta tentar enfiar bom senso e coerência em certas cabeças. É perda de tempo. Ou seria perca de tempo ahahaha


Marcelo Xavier - 15/02/2013
Daí a necessidade de se regulamentar o art. 221 da Constituição e regular a estrutura de mercado das concessões públicas de rádio e tv. Só assim, teremos alguma brisa de democracia da informação


Itair Paulo Gama Linchim - 14/02/2013
EDITORIAL:

IMPRENSA CENSURADA NO CARNAVAL 2013 EM PORTO ALEGRE



FONTE: http://rdcnoticias.blogspot.com.br/ E

http://www.rdcwebbrasil.com/noticia.php?id=287



Na tarde desta terça-feira, dia 12 de fevereiro de 2013, repórteres de diversos órgãos de imprensa, foram impedidos pela Brigada Militar, de prosseguirem com a cobertura do Carnaval 2013 de Porto Alegre - nas dependências do Complexo Cultural do Porto Seco, região norte da Capital Gaúcha. Dentre os repórteres censurados, estavam Itair Linchim e Elzamir Ferreira, da RDC Brasil. RDC Brasil que este ano cobre o Carnaval de Porto Alegre pela décima-segunda vez consecutiva. Neste dia, os dois foram enviados ao Porto Seco para acompanhar o resultado dos votos dos jurados, que apontaria os Campeões do Carnaval 2013. Segundo testemunho dos presentes ao episódio, foi informado pelos policiais que bloqueavam as catracas de acesso ao local da apuração dos votos, alto e bom som, o seguinte: “Vocês que são da outra imprensa estão proibidos de entrar aqui ou de terem acesso à pista, onde estão os diretores das escolas de samba e as torcidas que acompanham a divugação”. Tendo percebido que havia sido instaurado Estado de Sítio no Porto Seco, os dois repórteres da RDC Brasil, tentaram escapar do Complexo Cultural, pelo mesmo portão através do qual chegaram. Quando alcançaram o portão, encontraram do lado esquerdo funcionários da Prefeitura Municipal – encostados num muro, visivelmente constrangidos – e, do lado direito, em frente ao portão, uma coluna militar bloqueando a passagem. Os Brigadianos foram taxativos: “Vocês, mesmo munidos de crachás de identificação, não passarão por aqui – são ordens superiores”. Horrorizados com o risco que estavam correndo, os repórteres fugiram por uma passagem do lado oposto, onde as forças militares ainda não haviam chegado. Saíram a pé da vasta área do evento, em busca de um transporte rápido. No local da apuração do carnaval, ficaram seus protagonistas. O andamento dos trabalhos de apuração deve ter prosseguido, por conta e direção de uma Empresa de Comunicação Hegemônica, cujo resultado final das Escolas de Samba vencedoras desse carnaval deve, por Ela, ter sido “divulgado com exclusividade”. Como não assinamos qualquer contrato de “Direito de Imagens”, “Direito de Sons” ou “Direito de Ir e Vir”, neste ou em outro carnaval, estamos impedidos de divulgar seus resultados. Se divulgarmos, talvez, a Polícia e a Justiça nos procurem por termos plageado os Proprietários desses Direitos. Temos por dever respeitar as Leis, os Tratados Internacionais e a Constituição da República Federativa do Brasil. Mas, o que testemunhamos nesta triste tarde de carnaval nos fez dar razão aos teóricos, que dizem que há duas imprensas – cada qual com seus aliados. Prometemos aos Governos neste País, que jamais iremos voltar a executar o “Nosso Papel Constitucional de Imprensa”, jamais os afrontaremos com a divulgação dos fatos reais do cotidiano. Sabemos, agora, que fazemos parte da “Outra Imprensa” e que a melhor coisa é procurarmos um País Amigo, no exterior, que respeite, por exemplo, o Pacto de San Jose, Tratado firmado na Costa Rica e do qual o Brasil, por incrível que pareça, é signatário.





DIREÇÃO DA RDC BRASIL - PORTO ALEGRE / RS







Postado por Editoria RDC Brasil às 00:00 Nenhum comentário:


Franco - 14/02/2013
Concordo plenamente que a imprensa não é democrática , só que o PT também não tem nada de democrático haja vista as atitudes do Sr. Lulla na condução do partido, com mão de ferro, diga-se de passagem. O PT se apossou do plano real com afinco e passou a aprovar medidas que antes era contra como mudar as regras de previdência por exemplo. O dragão começou a mexer o rabo e logo vai acordar e corremos seriamente o risco de ver todas estas "conquistas sociais" irem para o ralo. "Povo que não conhece sua história está condenado a repeti-la".


alberto sojo - 14/02/2013
é lamentavel o que vejo no facebook pessoas influenciadas por esta midia que nao tem outra saida aliás nem tem candidato mais para conpetir com pt,eles postam figuras deturpando um governo que mudou a cara do pais.

sao pessoas que conheço pessoalmente que nao tiveram condiçoes de estudar,nem emprego digno,nem moradia nem altomovel bom,inclusive suas divida com antigo banespa foram para crdito de liquidaçao.

hoje suas vidas mudaram porque desfrutam de tudo que melhorou neste pais,mas acha bonito esculachar com o governo.

claro que nem tudo esta perfeito mas caminha sempre para melhora.

o pais é muito grande e difissel de ser fiscalizado e a corrupiçao esta em todo o mundo.

o mensalao do psdb se chamava caixa dois,ja o do pt esta sendo bem explorado por esta midia.

o governo lula talves tenha sido obrigado a pagar para que os projetos fossen aprovados e o pais sair de onde estava na pobresa,mas chegou a dilma e colocou muitos membros fora que nós sabemos e nem assin está bom.

usaram o stf e ainda assin perderam em sao paulo.

olha! nao suporto aquele josé n pinto do sbt,

descupe mas desabafei ,nao tenho boa escolaridade mas enchergo muito bem .

grato


Lúcia Adélia Fernandes - 14/02/2013
Pois é Mestre, e ainda assim o Congresso nacional e o Executivo dizem que não farão nada para mudar essa situação e pasmem, ainda criticam os Países que estão fazendo a sua lição de casa nesse quesito. Deve ser para não perder o posto de ser sempre o último...


reynaldo - 14/02/2013
O ministro Cardoso outro dia foi enaltecido pela edição do Jornal Nacional. A montagem espertalhona serviu para todos, desde que uma quadrilha mequetrefe foi flagrada traficando mulheres da Bahia para a Espanha. A notícia foi clara: a parente de uma vítima, naturalmente, assistiu à novela das nove, de forte conteúdo social, que traz à tona o tema do tráfico humano, e denunciou o esquema. A Polícia agiu de pronto e o ministro aproveitou a deixa para dizer que desmantelaram uma perigosa quadrilha internacional. Povo estupidificado por novelas e jornais nacionais, rede Globo, produtora dos conteúdos dramáticos e jornalísticos estupidificantes, ministro de governo e futuro candidato a governo ou prefeitura, todos saem ganhando do episódio. Essa mesma imprensa gosta de dizer que o governo gasta mal, imaginem, pagando o salário devido ao funcionário público que faz o estado, que é o estado. Esse funcionalismo faz campanha por reajuste de salário, ninguém escuta, então é forçado a fazer greve em face da falta de política salarial (nunca um governo de qualquer partido dá reajustes salariais a não ser em caso de greve). A grande imprensa não gosta de greves, naturalmente, Dilma não quer saber de conversa com o trabalhador, e pega carona, sem a menor cerimônia, no discurso hegemônico da responsabilidade fiscal, isto é, da fórmula que consiste em tirar do trabalhador para pagar dívida pública, ou seja, para dar de mão beijada à aristocracia financeira, que não precisa tomar sol e chuva e ficar gritando em microfone para garantir a sobrevivência.


Zallas - 14/02/2013
Não são democráticas as empresas privadas citadas, vendem idéias de democracia que lhes convém, esforçam por imporem idéias vencidas como as únicas possíveis por onde rechaçam as outras que as contradizem mas são as que abocanham as maiores fatias de anúncios dos governos, ao menos é o que me parece, sobretudo do governo federal. Se houvesse senso democrático na distribuição ou uso das verbas publicitárias governamentais haveria mais lustro nas mídias alternativas que não destas citadas famílias, melhor, deste feudo midiático que de carcomido vem de longe minguando suas tiragens e importância na formação de opiniões. Quantas pessoas hoje leem Estadão, Folha, Veja e cia? Vivem oferecendo prêmios via telefones pescados via internet e outros recursos até ilegais para garantirem lugar no mercado de assinaturas. Governo Serra jogou pesado para salvar grupo Abril com assinatura da revista voltada para professores da rede pública de São Paulo durante seu governo e eu cá tenho minhas dúvidas se 30% dos professores leram aqueles lixos.


spin - 14/02/2013
Saiba pq o tucano Lucio Bolonha Funaro foi excluido do processo do “menslaão” com base na lei da delação premiada, e põe prêmio nisso!

http://www.advivo.com.br/blog/luisnassif/as-criticas-a-lei-da-delacao-premiada


Carlos de Almeida - 14/02/2013
De novo esse assunto, caro Emir? Todos já sabemos isso.


Marcos Antônio - 13/02/2013
Lei dos Medios urgente!


Silvio - 13/02/2013
"Não é democrática porque não depende de empresas públicas", Será que entendi: Para ser democrática, a imprensa tem que ser "chapa branca. int...falar bem do governo de plantão.........É isso.int....


framcisco covre - 13/02/2013
Pois é caro amigo Emir, essa mídia que somos obrigado a engolir é verdadeiro ranso, os amigos dos donos dessas empresas jamais serão taxados de bandidos, como nesse último episódio em que o global José Abreu , tornou público sua simpátia e filiou-se ao PT já está sofrendo na pele o que desafiar a máfia.


leandro alves - 13/02/2013
Mais de 95% da a mídia nacional está alinhada com o imperialismo dos EUA. Esta mídia imprestável e deprimente, capitaneada pela rede globo, em sua maioria, está em completa sintonia com os interesses da embaixada ianque aqui, ou seja, manter a ditadura midiática alienante e imbecilizante. Enquanto o governo Dilma não cria coragem prá enfrentar a mídia imperial (como Cristina, Chávez, Correa, ...) vai uma sugestão a tod@s:

Veja tv pela web!

www.telesurtv.net/ [Multiestatal latinoamericana]

www.camara.gov.br/tv/ [Brasil]

tvbrasil.ebc.com.br/ [Brasil]

www.canal.fiocruz.br/ [Canal Saúde – Brasil]

www.almg.gov.br/acompanhe/tvassembleia/index.html [Brasil/MG]

www.vtv.gob.ve/ [Venezuela]

www.cubavision.icrt.cu/ [Cuba]

www.tvpublica.com.ar/tvpublica/ [Argentina]

www.ecuadortv.ec/ [Equador]

www.vive.gob.ve/ [Venezuela]

envivo.encuentro.gov.ar/ [Argentina]

www.presstv.ir/ [Irã]

www.rtp.pt/ [Portugual]

www.tves.gob.ve [Venezuela]

www.hispantv.com [Irã]

actualidad.rt.com/ [Russia]

Estes canais são melhor sintonizados com o navegador Mozilla Firefox [http://www.mozilla.org/pt-BR/firefox/central/], baixe-o e assista.

“Desligue a tv da sala, leve o sofá para o quarto e veja tv pela web!!”







Luiz Antônio Laner - 12/02/2013
Sra Márcia Eloy: Me conte algo que eu não sei sobre Getúlio e sobre Lula. Em contrapartida eu te conto o que tu não sabes sobre o meu comentário: Pegar carona com Getúlio, O Presidente mais Popular que este Brasil já teve, é simplesmente TÁTICA . Comparar LULA com Getúlio Vargas é ridículo, porém estabelece uma posição para Lula ao lado de Getúlio e acima de JK, JANGO, e tantas outras personalidades. Pergunto: O que LULA e seus 40 aloprados fizeram em favor da REDEMOCRATIZAÇÃO? Lula foi deputado constituinte e fez o que? NADA!


rodrigo - 12/02/2013
Essa mídia "Brasileira" é podre e fedorenta!! É só analisar o tipo de jornalismo praticado !! É lamentável !! Tem jornalista em nosso país que aundo contrariado fica ameaçando os leitores !! Aí pode ???


orlando f filho - 11/03/2013
Fico abismado com a ingenuidade de algumas pessoas aqui. "esquerda facista"?!!! Uuau!!! Isso é que é conhecimento de polítco. Já dizia Bertold Bretch: "O pior analfabeto, é o analfabeto político". Achar que existe liberdade de imprensa onde meia dúzia de famílias mandam na informação, é demais. Outra coisa: é claro que a mídia vai entrevistar Lula, Cardoso, eles são governo. O PIG não é burro, pessoal. Tenham a santa paciência!!!! Vamos parar com esse primarismo semântico e político.


Lúcia Ribeiro - 11/02/2013
Para os que não entenderam o recado do Prof. Emir, cuidado: o Chile é um exemplo de como as coisas podem ser revertidas....


Irance Esteves - 11/02/2013
Puxa,Emir,ler você acalma o nosso interior e nos dá esperanças de que algo ainda pode ser feito em várias áreas como política,saúde,educação,imprensa... isso se contarmos não só com a nossa boa vontade mas com a das tais autoridades.Obrigada por existir--e no Brasil!Adoro vc.


martha - 11/02/2013
Emir Sader, sempre agradeços seus textos / reflexões / demuncias, indignação... etc.

Grande recado.

Seu blog é pura Democracia... transpira democracia!

Exemplo de Democracia!


Joseph Cuervolist - 11/02/2013
Por quê será que a esquerda,tão democrática,tão unida e tão combatente,não consegue criar a sua imprensa democrática,combativa e propositiva?


Veronica - 11/02/2013
Nunca existirá mídia imparcial.



O que é preciso é uma educação de qualidade para formar um povo que seja crítico o suficiente para não se deixar manipular.



E de reboque todo este problema de mídia corrupta e riscos de novas ditaduras (tanto pela direita quanto pela esquerda) se resolve.





ROBERTO GOMES DIAS - 11/02/2013
A IMPRESSA BRASILEIRA PARA SER DEMOCRATICA DEVERIA INOCENTAR O RENAN, O ROMERO JUCA, O JOSE DIRCEU, O SARNEY E TANTOS OUTROS???????



FICO AGUARDANDO SUA RESPOSTA.


Marcia Eloy - 11/02/2013
Luiz Antonio

Getulio tinha uma certa simpatia por Hittler, Demorou a se decidir a entrar na guerra, coisa que Lula nunca teve.Getúlio tinha um lado nacionalista, começou a industrialização num país que era quase todo agrícula, mas enviou a mulher do Prestes para o campo de concentração para morrer numa câmara de gás.


mark rose - 10/09/2013
Oi, Se você precisar de ajuda urgentemente de um empréstimo? Será que está sendo negado um empréstimo do seu banco ou empresa de serviços financeiros? precisam de apoio financeiro? Você precisa de um empréstimo para pagar suas contas ou comprar uma casa que você quer comprar? Quer ter seu próprio negócio e precisa de ajuda para ajuda financeira? Contacte-nos hoje para ajuda financeira. Estamos dispostos a ajudar a negócios ou empréstimos pessoais estão disponíveis e oferecer taxa de interesse económico de 2% das pessoas devem enviar um e-mail: interbiucreditunion34@gmail.com Contato: E-mail:bankiloal22@gmail.com============================ Sinceramente,bankiloal22@gmail.com


Fernando - 10/02/2013
"É aviltante que o governo estimule e financie a ação de grupos que pedem abertamente restrições à liberdade de imprensa, propondo mecanismos autoritários de submissão de jornalistas e de empresas de comunicação às determinações de um partido político e de seus interesses."

Hélio Bicudo. Ex Vice prefeito de São Paulo pelo PT.


Franklin de Paula Júnior - 10/02/2013
A democracia não é um carpicho qualquer. Boaventura Sousa diz algo como que ela não deve se restringir ao Estado, mas só faz sentido se se realizar em todas as instâncias da sociedade (nas empresas, na família, nas ruas, no bairro etc).


alice franca leite - 10/02/2013
Sempre se dirigiu às elites,logo como há de ser democrática,veja o caso de Sarney,Calheiros,Collor et caterva!Isso com dinheiro público!

Aqui mesmo na Carta Maior se diz que na "democracia" de Obama proibiram notícias sobre o Iran e com os filmes que andam lançando agora... INVASÃO E OCUPAÇÃO,GENOCÍDIOS NO IRAN Á VISTA!!!

Hora de botar a boca no trombone!



SÓ VAMOS ARREGAÇAR AS MANGAS DEPOIS DO FATO CONSUMADO?????????????


Luiz Antônio Laner - 10/02/2013
É digno de espanto, a insistência em querer pegar carona em GETÚLIO VARGAS, o Pai da Pátria. Comparar Lula a Getúlio? O sapo barbudo ao Grande Estadista que derramou seu sangue pela Pátria? Ora, tá valendo tudo? Comparar o líder do período onde a corrupção é a marca maior , com o período Getulista, marcadamente NACIONALISTA? É UMA VERGONHA NACIONAL!


roberto pereira - 10/02/2013
É claro que, quando a mídia oligopolizada inventa o fato e não se retrata, não está sendo democrática. Quando escolhe a matéria que deva ser notícia, ela está manipulando o direito de informar no intuito de favorecer os interesses de seus proprietários. Quando é contra, por exemplo, a queda nas tarifas de energia, está sendo contra os interesses da população apenas para defender as vantagens da elite que representa. Contra a queda dos juros, contra a redistribuição de renda, contra as cotas nas universidades, etc, essa mídia elitista tem que ser contida através de uma regulação que impeça a propriedade cruzada dos meios de comunicação.


AlvaroTadeu - 10/02/2013
É por isso que em algum lugar por aí (manifestação de estudantes) li a seguinte frase, que considerei lapidar:

"Veja: não compre;

Se comprar, não abra;

Se abrir, não leia;

Se ler, não acredite;

Se acreditar, relinche."


Jorge Milan - 10/02/2013
Parabéns pelo artigo, concordo plenamente com suas colocações. A deturpação da informação em nosso país é coisa ridícula.


Marcia Eloiy - 10/02/2013
Eo concordo com o texto do Prof. Em vários países ditos democráticos, há jornais a favor do governo e outros contra. No Brasil NÂO exite os que são a favor, todos são contra. Logo onde está a democracia? Eu suspendi assinatura do Globo, da Folha, etc... embora vivem me ofercendo assinaturas com N vantagens, inclusive por que sou hipertensa, e não quero correr o risco de ter um AVC lendo Merval Pereira . Mas aqueles que tem estômago, continuem lendo...


carlos silveira - 10/02/2013
Uma mídia que escolhe a notícia que deva ser veiculada. Pior: cria o fato. Posiciona-se contra os interesses da população, por exemplo: baixa nas tarifas de energia; queda nos juros; redistribuição de renda, cotas nas universidades, etc, contra tudo isso, apenas para defender a elite do país, ela precisa ser regulamentada com o objetivo de impedir a propriedade cruzada dos meios. A imprensa não pode se organizar como oligopólio, com meia dúzia de famílias dominando o direito à informação.


Barcarola do São Francisco - 09/02/2013
Emir, só tem uma saída, lei dos médios. Entretanto, não cultivemos ilusões de que seja simples limitar esta mídia gora da lei neste instante. Uma guerra só se ganha aos poucos. Agora é necessário levar a voz do Brasil para a tv em horário gratuito e em formato de programa eleitoral gratuito.


José Carlos Alencar - 09/02/2013
O prof Emir, há muito, tem produzido artigos inócuos, sem grande base a não ser de argumentação (no que ele é realmente bom), partidarizando o jornalismo (erro que ele mesmo critica, mas para o lado dos progressistas vale por quê?), e muitas vezes espalhando até ódio entre as pessoas, levando talvez o que acredita ser luta de classes às últimas consequências, fragmentando a sociedade. Milite politicamente em seu partido e nas urnas e onde mais quer que seja, não na mídia. Para isso ela precisa ser regulada, professor? Não vale.


Jose Carlos de Almeida - 09/02/2013
Pesquei esse trecho porque me chamou a atencao. Vejam o primor de argumentacao:

" Não é democrática, porque não se ancora em empresas públicas, mas em empresas privadas, que vivem do lucro"



Ou seja, democracia nao e' compativel com empresas privadas, ou empresas publicas nao vivem de lucro.



Vemos constantemente "nossas" empresas (CEF, BB, Petrobras) praticando o que ha' de mais agressivo no mercado, em termosde precos e tarifas, em busca de resultados positivos (lucro) para que os cofres dos seus planos de pensao nao venham a sofrer,

Algo errado com isso ? Nada.



Ja' a argumentacao deste senhor, que nao somente e' sociologo mas uma das cabecas pensantes do PT, e' assustadoramente primaria e confusa.



Parece que o objetivo dele - e outros articulistas aqui - e' uma publicacao unica, obviamente controlada pelo governo (deles), que seja o unico meio divulgador de informacao. A exemplo dos PRAVDAs, GRANMAs e outras joias da midia, dita esquerdista.

Haja pluralismo


Franklin Jr - 09/02/2013
A comunicação não é um produto qualquer, é um bem estratégico para a cidadania, a autodeterminação, a soberania, a independência, a liberdade e a cidadania de um povo e de uma nação, é também um serviço público quase tão importante quanto a educação formal. Mas no Brasil é o contrário, aqui coexistem monarquias comunicativas e latifúndios midiáticos, uma aberração que não foi enfrentada desde a inconclusa redemocratização. É preciso desmercantilizar e desmonopolizar este bem estratégico e por isso urge regulamentar os artigos da nossa Lei Magna que preconizam a democratização dos meios de comunicação. Em meio ao acintoso jogo político e ante o ultra-super-mega poder das grandes corporações, será possível?..


Franklin Jr - 09/02/2013
A acintosa situação brasileira causa espanto além mar, confira aqui: http://www.direitoacomunicacao.org.br/content.php?option=com_content&task=view&id=9601

e aqui: http://www.brasil247.com/pt/247/mundo/92535/Seis-fam%C3%ADlias-controlam-70-da-imprensa-no-Brasil.htm


Ophelia Cerineia Brochado - 09/02/2013
Tenho acompanhado o trabalho do prof. Emir ao longo dos anos, seja do ponto de vista da militância como também das suas pesquisas e reflexão sobre o Brasil. América Latina e o mundo em geral. Uma contribuição para o movimento progressista da história do nosso país frente as forças conservadoras e reacionarias que se reproduziram ao longo do tempo e, estão aí, presentes, concretas, em toda parte, principalmente, na mídia contra os avanços sociais do governo Lula e Dilma. Que venham muitos textos do prof. Emir, trazendo luz neste movimento da história.


Ronald Mansur - 09/02/2013
abra e verás



http://www.anj.org.br/a-industria-jornalistica/jornais-no-brasil/maiores-jornais-do-brasil


Rodrigo Carlos - 09/02/2013
Você sempre me diverte, seus textos me levantam sempre quando estou para baixo! Abaixo a ditadura imperialista burguesa do PiG! Te adoro, Emir!


João Roberto - 09/02/2013
Com todo respeito, seu texto é péssimo do ponto de vista linguístico, lógico e não tem senso da realidade! É uma besteira que qualquer meio possa dizer o que é ou quem é democrático e autoritário e a mídia não. isso é autoritarismo, cara.


MARCOS KARRO - 09/02/2013
Sob o ponto de vista linguístico, precário. Sob o ponto de vista histórico, político e econômico, vazio. Ou seja, um exemplo de como a ditadura antidemocrática, reacionária e fundamentalista do PT consegue "criar" analfabetos funcionais. Esse sujeito ou é débil mental ou mau caráter. E existem pessoas que se "alimentam" das escrotices que esse idiota escreve. O que ele defende é inspirado no que o regime militar fez. Abaixo a ditadura!


Thais Rocha - 09/02/2013
Os jornalecos em geral não são democráticos porque são parciais do outro lado, porque são mantidos por órgãos do governo ou ligados a ele; não são democráticos porque fazem pró-governo aquilo que criticam no que chamam de jornalões; não são democráticos porque ocultam os desatinos de seu governo e maquiam em grande parte determinadas políticas enfim, a outra face da mesma moeda da qual o escritor acima faz parte


Leonardo Mesquita - 09/02/2013
Tem que rir deste tipo de "raciocínio". Segundo o sr. Emir sader uma mídia que aponta os setores mais ou menos democráticos é autoritária. E um governo, ou partido governamental, que tem infinitamente mais poder que qualquer mída, então, tem a capacidade de dizer quem é ou não é democrático? Este senhor ficou gagá, e eesqueceram o remédio dele.


sergio torres - 02/03/2013
Faz-me rir com esa ideia de perseguiçâo da midia contra as ações petistas!Ora, vide o entusiasmo dessa midia em relação a linha economica adotada pelo NEO PT!Acolhem sordidamente a colocaçâo da formação de uma nova classe media,com milhões de brasileiros ascendendo a piramide socialOra, apos eleito a primeira entrevista de Lula foi pra TV GLOBO; o SBT e a Record estão com o Cara; em 10 anos de PT nada foi feito contra o monopolio das comunicaçôes.

Caiam na Real e abandonem o modelo liberal periferico que endivida, desindustrializa, desnacionaliza e reprimariza o Brasil !

PARCERIAS