Quinta-Feira, 22 de Junho

09/09/2014 - Copyleft

Artistas e intelectuais com a Dilma

De forma similar ao ato de 2010, artistas e intelectuais se reunirão com Dilma, com a presença de Lula, no Teatro Casa Grande, no Rio, no dia 15 de setembro.

por Emir Sader em 09/09/2014 às 11:34



Emir Sader


De forma similar ao ato de 2010, artistas e intelectuais se reunirão com a Dilma – desta vez também com a presença do Lula – no Teatro Casa Grande, no Rio, no dia 15 de setembro, às 19 horas. O ato contará com a participação de grande e expressivo numero de artistas e intelectuais, entre eles também cientistas, representantes de movimentos religiosos e de movimentos sociais.

Circula um abaixo assinado de apoio à Dilma, com o seguinte texto:

A PRIMAVERA DOS DIREITOS DE TODOS: GANHAR PARA AVANÇAR

"Os brasileiros decidem agora se o caminho em que o país está desde 2003 é positivo e deve ser mantido, melhorado e aprofundado, ou se devemos voltar ao Brasil de antes  - o do desemprego, da entrega, da pobreza e da humilhação.

Nós consideramos que nunca o Brasil havia vivido um processo tão profundo e prolongado de mudança e de justiça social, reconhecendo e assegurando os direitos daqueles que sempre foram abandonados. Consideramos que é essencial assegurar as transformações que ocorreram e ocorrem no país, e que devem ser consolidadas e aprofundadas. So’ assim o Brasil será de verdade um país internacionalmente soberano, menos injusto, menos desigual, mais solidario.

Abandonar esse caminho para retomar formulas econômicas que protegem os privilegiados de sempre seria um enorme retrocesso. O brasileiro já pagou um preço demasiado para beneficiar os especuladores e os gananciosos. Não se pode admitir voltar atrás e eliminar os programas sociais, tirar do Estado sua responsabilidade básica e fundamental.

O Brasil precisa, sim, de mudanças, como as próprias manifestações de rua do ano passado revelaram. Precisa, sem duvida, reformular as suas políticas de segurança publica e de mobilidade urbana. Precisa aprofundas as transformações na educação e na saúde públicas, na agricultura, consolidando com ousadia as politicas de cultura, meio ambiente, ciencia e tecnologia, e combatendo, sem tregua, todas as discriminações.

O Brasil precisa urgentemente de uma reforma política. Mas precisa mudar avançando e não recuando. Necessita fortalecer e não enfraquecer o combate às desigualdades. O caminho iniciado por Lula e continuado por Dilma é o da primavera de todos os brasileiros. Por isso apoiamos Dilma Rousseff.”

O abaixo assinado já está assinado por grande quantidade de artistas e intelectuais, entre eles os que confirmaram – conforme lista abaixo – sua participação no ato de 15 de setembro e outros que, impossibilitados de participar, se somam pela assinatura do documento como, entre tantos outros, Luis Fernando Verissimo, Paulo Jose, Frei Beto, Flavio Aguiar.

Está confirmada a participação no ato de personalidades como Leonardo Boff, Marilena Chaui, Maria Conceição Tavares, Beth Carvalho, Fernando Morais, Alcione, Chico Cesar, Teresa Cristina, Wagner Tiso, Silviano Santiago, Luis Pinguelli, João Pedro Stedile, Emir Sader, Ivana Bentes, Hugo Carvana, Juca Ferreira, Eric Nepomuceno, Chico Diaz, Silvia Buarque, Osmar Prado, Vera Niemeyer, Noca da Portela, Monarco, Nelson Sargento, Sergio Ricardo, Cecilia Boal, Claude Troigross, Paulo Lins, Oto Ferreira, Dudu Falcao, Samuel Pinheiro Guimarães, Sergio Ricardo, Luis Nassif, Benvindo Siqueira, Amir Hadad, Sergio Mamberti, Candido de Oliveira, Beth Mendes, Angela Vieira, Miguel Paiva, Tonico Pereira, Zezé Motta, Rildo Hora, Isabel Lustosa, Julita Lengruber, Caique Botkay, entre tantos outros.

Em 2010 o ato teve um significado político e simbólico muito forte, marcando a caminhada final de Dilma Rousseff para a vitória. Este ano o ato deve ter um significado similar, com a Dilma, o Lula, o Leonardo Boff e milhares de artistas e intelectuais.

Tags: Política





Ricardo Berçot Barroso - 23/09/2014
Artistas e intelectuais? Quais? Alcione e José de Abreu? Bolsa "Rouant" é o que buscam. Quanta mediocridade.


vicente torres mourão - 17/09/2014
Só em pensar no retrocesso que seria a volta da direita ao poder executivo fico com insônia . O brasil ser governado por esta santinha de barro que se julga acima do bem e do mal ,Imagine um crente que considera os adversários como anticristo? Meu Deus não merecemos tanta ignominha .


Rui - 17/09/2014
Por um sinal de vida inteligente: Esses tucanos que vem atormentar aqui podiam voltar para o ninho e postar na Vesga, até porque, o tucano de nariz grande já não tem nem doação mais para pagar esses militantes digitais.


roberto danunzio - 15/09/2014
Entendo perfeitamente que é preciso andar com cautela, avançando passo a passo. Mas o dia em que ficou impossível colocar um índio na presidência da Funai, o dia em que ficou impossível uma presidente do partido dito dos Trabalhadores assentar para negociar com os trabalhadores sob seu comando questões de salário e condições de trabalho, nossas expectativas têm que se rebaixar tanto à direita que temos a sensação, se votamos no PT, de, adivinhem, estar votando na direita. Querem que eu declare meu voto? Tudo bem, mas querem que eu declare meu voto em Dilma sem nenhuma perspectiva, a mínima possível, de avançarmos em certas questões, em seu segundo mandato? Campanha eleitoral não é para isto, avaliarmos os projetos que nos são apresentados? Onde estão estes projetos, aliás? É assim no escuro que querem que eu declare meu voto? Ou será que querem me forçar a votar em Dilma com sua argumentação agressiva? É isto que estou repetindo sem cessar, dizendo que estou pedindo ao PT alguns sinais mínimos de que vai voltar a avançar um só passinho à esquerda depois que recuou três à direita, durante o governo Dilma. É tão difícil assim de entender ou alguns comentaristas só conseguem enxergar no outro o que for um reflexo de suas próprias opiniões? Será pedir demais, em época de campanha eleitoral, a promessa de um partido dito de esquerda para setores de esquerda? Enquanto repito isto sem cessar, Orlando e outros, sempre surdos, repetem sem cessar que sou analfabeto político, que não li Marx e os marxistas, que não entendo de história e não sei dos recuos que o próprio Lenin teve que fazer, etc., etc. Alguém aí me viu cobrando do PT uma revolução socialista? Um índio na presidência da Funai agora tornou-se uma utopia, coisa tão simples, meu Deus, que sequer depende da aprovação do congresso? E conversar com o trabalhador do serviço público tornou-se uma utopia também? Não era de se esperar esta falta de diálogo apenas em figurinhas tarimbadas como Aécio Neves? E quanto à cultura, tema do artigo, existe alguma proposta do PT para o campo da cultura que supere a privatização ocorrida desde FHC? Vamos continuar a possuir uma política da cultura meramente marginal dentro do espírito tecnocrático que dá a tônica dos demais partidos? O Cirque de Soleil vai continuar se beneficiando, junto com o grande banco que o financia, com as compensações da Lei Rouanet, fazendo arte elitista e alienada com o dinheiro do contribuinte? Onde estão as propostas progressistas para recuperar e aperfeiçoar a Funai, o Ibama, o IBGE? Onde estão as propostas progressistas para ver se estamos dispostos a avançar alguns centímetros? Estou pedindo tanto assim? Estou esperando para definir meu voto para a presidência, mas para deputados e senadores estou sugerindo votarmos na esquerda combativa, começando desde já um projeto de constituição de uma oposição forte à esquerda do PT. É uma estratégia burra esta de fortalecer uma futura governabilidade à esquerda do PT? Se o PT continua esquerda e quer avançar para a esquerda, não deveria estar favorecendo esta evolução ao invés de tentar isolar os partidos de esquerda, cooptar as centrais sindicais e jogar sujo e pesado contra sindicato independente? Deu para entender, camaradas?


Henrique Fanti - 15/09/2014
Sou Dilma 13 e não abro. Agora achei que entre os artistas, personalidades e intelectuais, não configura ou aparece nome de jovens artistas. E é necessário a presença deles, pois eles conseguem comunicar melhor com a juventude.


Clara - 15/09/2014
Gente, pra assinar o manifesto é aqui:

http://manifesto.dilma.com.br/


Marcia Eloy - 15/09/2014
professor, me desculpe, eu sempre ou quase sempre concordo com o senhor, em suas opiniões. Eu pedi ao senhor para organizar mas um evento em homenagem a Dilma no Teatro casa grande. É claro que não foi por minha causa que o senhor organizou, mas pela necessidade de uma arrancada da eleição de Dilma agora no 1º turno. Fui ao teatro casa Grande, por pensar que o candidato Molon havia posto meu nome da lista. mas, não gostei da organização. O PT é um partido de massa e quem faz o PT é a sua militância, ela é que deve ser homenageada e privilegiada, não artistas e convidados. Foi-se a época que artistas faziam shows gratuitos para determinador políticos, não vejo mais isto. Logo a importância deles diminuiu, mas a militância não, sem ela o PT não existiria. Logo ou se faz um homenagem a candidata do PT em um lugar em que todos possam entrar ou se faz na rua, porque rua e PT tem muita coisa em comum. O PT, na minha opinião é um partido de rua e custou muito este ano para ir as ruas e responder as passeatas dos jovens de classe média, mostrando o que está mostrando agora no seu programa eleitoral, tudo o que ele construiu nos últimos 12 anos. A próxima homenagem , se houver, que seja no Maracanãzinho ou qualquer outro lugar que possa abrigar a militância, pois quem vai para as ruas, quem carrega bandeiras, quem panfleta, não são os artistas é a militância.


Mariozinho Telles - 15/09/2014
A Dilma representa o futuro que nós queremos e o Brasil merece!!!


Mariozinho Telles - 15/09/2014
Dilma representa o futuro que nós desejamos e que o Brasil merece!

Mariozinho Telles


Ubiratan dos santos - 14/09/2014
Voto Marina a decepção com o PT foi tanta que a mim torna-se insuportável verificar as inúmeras falcatruas e alianças com o que há de pior no brasil(Collor,Sarney,Renan etc) deixou infiltrar gente sem caráter e por ai vai,aparelhou o suas prefeituras com gente sem escrupulos ,eu que fui militante de carterinha no passado vi quanto estava equivocado.O pT quer só o poder e democracia é um partido de coronéis.Veja esta revista quem a banca,quanto ganha um articulista qual o critério de de contratação é a esquerda festiva que vive com o suor e o sangue do povo trabalhador.Pt saudações.


José de Oliveira Santos - 14/09/2014
Está faltando a segunda parte.. A que se refere a arte e a cultura..



Aguardo a publicação...


ALDECYR MENDES DAMAZIO - 13/09/2014
Que bom ver esse pessoal apoiando a Dilma,pena que no meu Estado ,Santa Catarina, e principalmente minha Cidade(Criciuma) a elite burra e conservadora em conjunto com as igrejas(principalmente católica e evangélicas ) fazem campanha contra o PT e pasmem,pedem voto pro Aécio.

Nosso Governador a tempos atrás declarou que nunca o Estado recebeu tanto apoio do governo federal como no governo Dilma mas, agora se alia novamente as oligarquias do estado e faz campanha pro Aécio. Que pena..

Mas vamos em frente rumo a vitória .


Suman Gaertner Geenen - 13/09/2014
Quero informar a pessoa que informou que artistas como Chico Buarque migraram para o Psol, se enganou ou está de má fé. Ele apenas apoiou o candidato do Psol em 2012, porque o PT não tinha candidato. Em 2014 declarou seu apoio a Dilma, claro! Não haveria possibilidade dele não apoiar o PT e suas propostas em favor do social e do povo brasileiro.


Orlando F. Filho - 12/09/2014
As três últimas pesquisas apontam empate técnico entre dilma e marina no primeiro turno. Isso significa que marina parou de crescer e é um indicativo que o segundo turno pode mudar. Marina conseguiu até agora enganar muita gente, mas como dizia Lincon "vc pode enganar muitos..." Pesquisa é apenas um referencial mas no Brasil muita gente trata pesquisa como corrida de cavalo, ou seja, votam em quem "está na frente prá não perder o voto". Veja que pensamento mais tacanho, sem contar aqueles que, sabe-se lá porque, odeiam o PT e muitos da classe média e elite se tivessem que escolher, hipoteticamente, entre um candidato do PT e Hitler, votariam neste mesmo sabendo dos horrores por ele praticado. Isso chama-se preconceito. Aliás Tom Jobim já dizia que brasileiro odeia quem faz sucesso. Quando ele fez um comercial para a coca-cola, muita gente o chamou de traidor mas o cara que criticava Tom estava no bar bebendo coca-cola. Bem brasil mesmo. Votarei em Dilma pois qualquer outro candidato com as exceções de Zé Maria do PSTU e Luciana Genro e o candidato do PCO de quem não lembro o nome no momento, são pessoas do bem e são mais à esquerda que o PT. Então não precisa outro partido mais à esquerda que o PT e eu só votaria no PSTU caso meu voto fosse de protesto por não ter outra alternativa política. Penso que algumas pessoas que aqui escrevem descem a lenha no PT e Dilma mas curiosamente não declaram seus votos. Assim é muito fácil: ser apenas a pedra e não querer ser a vidraça. Tenho 60 anos e meu pai, assim como Dilma e tantos outros brasileiros, foi preso político porque lutou pela volta da democracia no Brasil e devemos respeitar Dilma pois ela teve a coragem de pegar em armas e não ficou só no blá blá. Foi barbaramente torturada assim como outros presos políticos, inclusive meu pai assistiu a morte de vários companheiros na tortura(Leiam o livro "Tortura Nunca Mais" e lá estão os nomes dos presos políticos e os nomes dos torturadores. Devemos, no mínimo, ter um pouco de respeito com Dilma e todos aqueles que morreram para que hoje a liberdade de expressão(sei que ainda não é total...) seja um bem conquistado para todos os brasileiros e estamos aqui criticando, sugerindo porém com sem sermos analfabetos políticos e taxarmos as pessoas com adjetivos ridículos como "a dama de ferro do planalto" e não entender que, no Brasil, apesar do regime ser presidencialista, quem faz cortes e aprova o orçamento da união é o Congresso é analfabetismo político.


jeferson nascimento - 12/09/2014
A questão maior não é se a Dilma é boa ou ruim.. ou se o PT é bom ou ruim...



O mais importante é observar os grupos que estão por trás do Aécio e da Marina..



É impossível e indesejável a volta desses que se locupletam do país e o pior.. sem dar nada em troca.



Por isso voto na Dilma



Marcia Eloy - 11/09/2014
É uma pena Venceslau, pois o programa do PSOL é o mesmo do PCB, da época do meu pai. Está lá, para quem quiser ver no estatuto: Ditadura do Proletariado. Mas retrógrado que isto só o PSTU...Nem na Rússia atual o PCB de lá, defende esta ideia.


José Pereira dos Reis - 11/09/2014
Eu, só quero saber onde esta o abaixo assinado, quero assinar! onde?


Orlando F. Filho - 11/09/2014
Putz, marco antonio teu comentário é perfeito. Aliás, devo lembrar que já existem partidos mais à esquerda que o PT: pstu, psol. O cara é tão mal informado que acho que ele quer mesmo é criar o partido do danunzio que aí seria ideal pois ele seria o dono. O cara é artista e mais uma vez já criticou também o atuação do partido na cultura. Um partido que está apenas 12 anos governando não pode mudar tudo de uma vez e, na minha opinião, quem acha que em política muda-se tudo num estalar de dedos, é analfabeto político mesmo. Não sei se esse "artista"(ja que ele falou que é artista, eu também sou guitarrista de uma banda, mas e daí, vou ficar esperando o governo dar subsídios culturais ou vou procurar trabalho? Se rolar uma chance de ter apoio do governo em matéria de grana, infra, tudo bem. Partidos mais à esquerda que esses, só se pregarem a luta armada e vc, danunzio, pegaria em armas para mudar as coisas. Não sei se vc algum dia da sua vida leu Marx ou Lenin, mas Lenin disse à época da revolução bolchequevique que sairia da guerra e publicaria os tratados secretos do tzar com a alemanha. Quando chegou ao poder, não fez uma coisa nem outra. Por que? Ai que está né talvez Lenin enxergou problemas políticos caso isso acontecesse. Devemos lembrar que os cossacos eram inimigos dos bolcheviques e tinham um exército próprio e foi difícil pois os socialistas revolucionários(os tucanos da época) estavam inclinados em apoiar os Cadetes que seria a direita da época. Então, vejam que governar não jogar búzios e ficar adivinhando o futuro e ficar acusando um partido de conivente com a CNA, isso é brincadeira. O cara é tão ignorante que talvez não saiba que Dilma pegou em armas, foi barbaramente torturada para defender a democracia e o babaca a chama de "dama de ferro do planalto". É ser muito analfabeto mesmo


venceslau alves de souza - 11/09/2014
Desculpem-me pela insistência, mas esqueceram de dizer que Chico Buarque, Lenine, Wagner Moura, Zé Padilha, Letícia Sabatela, Martinho da Vila, e outros 172 artistas e intelectuais foram embora, para o Psol. É uma questão de vergonha na cara, não de verbas públicas para espaços de propaganda partidária...


Ezequiel Faria - 11/09/2014
Danilo com Ron Paul.



http://www.youtube.com/watch?v=QFO_Bg0QVK4



Artistas brasileiros todos esquerdinhas movidos pelas emoções, verdadeiro democrata é racional.


Sebastião Laércio Machado - 11/09/2014
Aos 72 anos, ativo e ligado às questões públicas sobretudo às sociais, jamais vi, em governo algum desde 1950, políticas públicas de tamanha amplitude e profundidade. Com luta e enormes sacrifícios pessoais, numa família de 12 irmãos, formei-me engenheiro, mas nuca esqueci do olhar dos humildes que sempre cercaram meu pai aos quais socorria sem medir esforços. Também não me esqueço de quanto Lula foi importante, a partir de São Bernardo do Campo, na defesa do emprego e do salário dos trabalhadores, durante a ditadura, quando muitos se escondiam ou a ele se juntavam. Votei em Lula, votarei em Dilma para que mais brasileiros ascendam à planície das oportunidades de emprego e renda.


Suzana Guerra Albornoz - 11/09/2014
Quem está longe do Rio de Janeiro, como pode associar-se a esse apoio?



Elissomar Sousa - 10/09/2014
Esse evento foi tão celebrado por parte dos "artistas e intelectuais" quase esquecidos e beneficiários de alguma campanha publicitária federal, mas cadê o apoio do Gilberto Gil (ex-ministro do Lula), Caetano Veloso, Marcos Palmeira, Fernando Meireles, Leandra Leal, Rogério Flausino, Zezé Di Camargo, Luciano Huck, Giovane do Volei, ???

PT vendeu uma mudança e não entregou a mercadoria....Viva o Brasil...


Maria Helena Correa - 10/09/2014
Estive no Casa Grande na primeira campanha (ficamos do lado de fora, mas foi ótimo pq tinha telão). Pode contar que estarei novamente ajudando a mostrar a força do povo e da Dilma.


Renato Leite Alves - 10/09/2014
Estão faltando o Barretão e a Lucy. O chamamento dos bambas Noca da Portela, Monarco, Nelson Sargento, maestro Rildo Hora, Beth Carvalho, Alcione, Tereza Cristina conduzirá o povo carioca para consagrar, nas urnas, a política social que esperamos décadas para ser implementada. É samba no pé e Dilma presidenta reeleita. Os bambas do samba carioca, sob as bênçãos de Cartola e Nelson Cavaquinho, são a vanguarda da cultura popular e jamais deixaram de apoiar a política de inclusão em curso no país. Recomendo que ouçam "Maioria sem Nenhum", de Mauro Duarte e Elton Medeiros para entender o porquê de não podermos eleger gente comprometida com banqueiros, rentistas e demais entreguistas da riqueza nacional.


Antônio Alberto (Pe.Alberto) Mendes Ferreira - 10/09/2014
.

CORRUPÇÃO ...

Por vêzes, NÃO conseguimos controlar/evitar nem o desaparecimento de bens de nossa própria casa ...

Como controlar/evitar de um País inteiro ???

Pode e deve punir o corrupto, mas evitar a Corrupção NÃO É FÁCIL , NÃO ...

" A existência de corrupção depende de inúmeros SUJEITOS corruptos presentes nas mais diversas posições estruturais de governança de um país - NÃO DEPENDE DE UMA PESSOA OU DE UM GRUPO PEQUENO DE PESSOAS como os REDUCIONISTAS ESPERTALHÕES forçam o entendimento. O combate efetivo É COLETIVO e passa por mudanças estruturais no sistema eleitoral e político, pela educação do cidadão que deve ser instrumentalizado para vigiar o bem comum, por um poder judiciário eficiente e menos partidário, por um poder legislativo comprometido com o povo e não apenas com sua sobrevivência, por agentes públicos federais, estaduais e municipais controlados por mecanismos democráticos participativos populares... E é por isso convivemos com ela desde a independência do país! "



LUIZ CARLOS PORTUGAL - 10/09/2014
Chama a atenção a ausência de artistas que, tem como publico alvo a juventude: Pitty, Crioulo, Marcelo D2, Ana Cannãs. Essa velharia ao lado de Dilma, pouco ajuda a campanha dela.


LUIZ CARLOS PORTUGAL - 10/09/2014
Chama a atenção a ausência de artistas que, tem como publico alvo a juventude: Pitty, Crioulo, Marcelo D2, Ana Cannãs. Essa velharia ao lado de Dilma, pouco ajuda a campanha dela.


Nilo Moraes de Campos - 10/09/2014
Fico muito feliz com a noticia! A presidente merece esse apoio! Sou servidor público federal há 28 anos. Nunca vi um governo tão bom como os de Lula e de Dilma, posto que investiram pesado em varias áreas. Na educação, onde atuo, foi algo fantástico. O país, hoje, tem um débito de gratidão aos dois. O que mais me emociona é ver a busca por atender aos mais pobres. Antes, estes eram ignorados pelos governos anteriores. O país merece mais 4 anos de um governo tão comprometido com as politicas sociais. Talvez seja isso que incomode aos mais elitizados. Devem pensar: o que vai ser se acabarem com os pobres no país, tornando-os pessoas prestigiadas e com tratamento digno? Sempre quis ver o governo atender a quem mais precisa deste apoio estatal. Graças a Deus, não preciso (e não sou rico. Sou servidor público e tenho minhas contas a pagar), mas só em ver fico extremamente feliz! Lula e Dilma já entraram para a História deste Brasil. Sorte e sucesso a ambos!


paulo de tarso celebrone - 10/09/2014
Caro Venceslau Alves de Souza, todos que vc citou estarão ao lado de Dilma num eventual 2º turno. Marina é mais retrocesso do que Dilma. É uma aventura de consequências imprevisíveis, mais para o mal do que para o bem dos, como diz o Gaspari, do andar de baixo.


Marcia Eloy - 10/09/2014
Os artistas que de livre e espontânea vontade, se dispuserem a ir, serão bem, vindos, quem não quiser fique em casa. O PT já está nas ruas. Domingo, teve uma passeata em Copacabana, todo dia tem bandeiraço, no Largo da Carioca ao meio dia, e ás 6 horas na Cinelândia. Amanhã terá bandeiraço na Praça XV e sábado em todos os bairros.


arquimedes andrade - 10/09/2014
Parabéns aos intelectuais e artistas do Brasil pela iniciativa do Ato com Dilma e Lula, e pelo Manifesto, que assino em baixo.

E mais:

Vote 13 pelo crescimento econômico com inclusão social;

Vote 13 pela Saúde e Educação pública de qualidade;

Vote 13 pela segurança com cidadania;

Vote 13 pelo convívio pacífico entre as pessoas

Vote 13 pelo Brasil saudável e para todos;

Vote 13 pelo fim da corrupção e do capital especulativo (parasitário).

Vote em você, vote 13 de ponta a ponta, vote PT.

Dilma lá, de novo, com o seu voto no 13 e a força do povo.



Marcia Eloy - 10/09/2014
Parabéns ao professor por mais esta iniciativa, é importantíssima neste momento. Vamos em frente!


jose carlos lima - 10/09/2014
Whatsapp da Dilma



Adicione nossos números por região. Escolha o número de sua região e mande uma mensagem para nós!



Sudeste (37) 8417-3104

Norte (69) 8110-7526

Nordeste (79) 9161-2368

Sul (51) 9909-4240

Centro Oeste (61) 9180-6847



http://mudamais.com/whatsap


roberto danunzio - 10/09/2014
Marco Antonio, a fuga ao debate é uma característica dos Tiranos, e sua candidata está fugindo ao debate como você, meu amigo, o que acho bastante sintomático. Imagine uma presidente de um partido dito dos trabalhadores que não se senta para negociar salário e condições de trabalho com seus subordinados. Pergunto ao leitor: trabalhador que não respeita trabalhador é o que, afinal?


luiz cezare vieira - 10/09/2014
Voto em Dilma, mas achei o texto do abaixo assinado profundamente conservador. Acho que o governo deve mudar radicalmente em termos institucionais. A politica e a democracia representativa brasileira (e do mundo) está no último degrau de sua crise. O Estado está transformado em espaço de privilégios de toda ordem e de disputa de interesses privados, as empresas públicas, todas, privatizadas por políticos e caixas 2 para corrupção. E o povo que saiu às ruas deseja não apenas mais saúde, educação, transporte público, mas, principalmente um novo pacto social, a refundação de Estado com reformas radicais inclusive constitucionais. A hora de fazer este debate é agora, e as propostas da Dilma são muito tímidas ou inexistentes neste sentido. Os intelectuais e artistas, ao invés de reiterar a mediocridade existente deveriam elevar o debate. Marina pode ter vários problemas, mas pelo menos está imbuída do espírito do tempo, este espírito que saiu às ruas em junho de 2013.


apolinario pereira - 10/09/2014
ESTOU COM DILMA E NÃO ABRO, 13 NAS CABEÇAS. PARABENS POR ESSE EONTRO E ATO DE ARTISTAS E INTELECTUAIS.


Andrea Maria Altino de Campos Loparic - 10/09/2014
Onde posso aderir?

Andrea Loparic DF-USP


Antônio Alberto (Pe.Alberto) Mendes Ferreira - 10/09/2014
.

CORRUPÇÃO ...

Por vêzes, NÃO conseguimos controlar/evitar nem o desaparecimento de bens de nossa própria casa ...

Como controlar/evitar de um País inteiro ???

Pode e deve punir o corrupto, mas evitar a Corrupção NÃO É FÁCIL , NÃO ...

" A existência de corrupção depende de inúmeros SUJEITOS corruptos presentes nas mais diversas posições estruturais de governança de um país - NÃO DEPENDE DE UMA PESSOA OU DE UM GRUPO PEQUENO DE PESSOAS como os REDUCIONISTAS ESPERTALHÕES forçam o entendimento. O combate efetivo É COLETIVO e passa por mudanças estruturais no sistema eleitoral e político, pela educação do cidadão que deve ser instrumentalizado para vigiar o bem comum, por um poder judiciário eficiente e menos partidário, por um poder legislativo comprometido com o povo e não apenas com sua sobrevivência, por agentes públicos federais, estaduais e municipais controlados por mecanismos democráticos participativos populares... E é por isso convivemos com ela desde a independência do país! "



Valdemar Mazurana - 10/09/2014
Sou escritor e fico muito feliz por ver que os artistas voltam a dar importante apoio político a uma proposta que não pode cair por ação daqueles que pretendem roubar o voto do povo brasileiro para entregar o Governo aos especuladores e às oligarquias treinadíssimas numa linguagem que alicia e depois esquece as promessas, indo para escritórios, dando as costas para o povo. Quando vejo as ruas da minha cidade cheias de carros, quando vou aos aeroportos e vejo tanta gente viajando de avião, quando ouço alguém dizer que agora comprou geladeira e também a carne que não conseguia comprar antes de Lula, quando vejo um de meus netos ir para a faculdade sorridente e esperançoso porque vai se unir a muitos outros que jamais fariam faculdade antes de Lula e Dilma, e quando vejo meu neto mais velho indo a um curso técnico porque vê com esperança o futuro, eu penso: Todos os artistas deste país, todos os intelectuais, todos os brasileiros esclarecidos e todos os que têm bom senso deveriam ir a este encontro, ou pelo menos apoiá-lo, porque Lula e Dilma com o PT e seus aliados colocaram o Brasil num caminho no qual deve continuar. As transformações para melhor já foram muitas, mas ainda há muito para fazer. E não vai ser com as indefinições da Marina, nem com a linguagem típica das oligarquias do Aécio que o Brasil vai continuar mudando. Isto só se consolidará com a reeleição de Dilma.





Nelson marisco - 09/09/2014
Eu apoio Dilma. Meus modestos cumprimentos a todos por esse importante e fundamental gesto de apoio à Dilma.


Marco Antonio Loguercio Collares - 09/09/2014
Oh!Danunzio,se és artista,aproveita e te junta à Neca Setubal,que também,como tu,é artista!


Fabio - 09/09/2014
E o Chico Buarque?


Clara - 09/09/2014
oi Emir, onde que assina?


venceslau alves de souza - 09/09/2014
Esqueceram de dizer que Chico Buarque, Lenine, Wagner Moura, Zé Padilha, Letícia Sabatela, Martinho da Vila, e outros 172 artistas e intelectuais foram embora, para o Psol. É uma questão de vergonha na cara, não de verbas públicas para espaços de propaganda partidária...


roberto danunzio - 09/09/2014
O medo de que as coisas piorem, medo que é o enredo da campanha do PT depois que há muito renunciou ao enredo do sonho, o medo de que as coisas piorem é tão grande, que os artistas, jamais considerados, jamais ouvidos, jamais contemplados nas capengas e privatistas políticas públicas federais para a área da cultura, ainda se reúnem para apoiar a candidata da catástrofe menor. Todos estes governos de Sarney a Dilma possuem implantadas na medula espinhal o gene da tecnocracia. Cultura para esta gente é um luxo, uma excrecência que só não é eliminada do orçamento e dos ministérios porque é praxe que figurem em algum lugar, mesmo que a título figurativo. Eu sou artista e eu proponho a construção de uma oposição forte à esquerda do PT. E uma nova esquerda que não entenda e que não promova a centralidade da arte não será, naturalmente, uma nova esquerda.


ANA TERRA - 09/09/2014
Meu apoio de sempre à Dilma.

Ana Terra- compositora/escritora


Rosalie Correa - 09/09/2014
Estive no encontro de 2010 e quero ir também a este. Haverá alguma inscrição on-line?


MARIA LUIZA OLIVEIRA COUTINHO - 09/09/2014
Todo o meu apoio à nossa Presidenta Dilma e meus agradecimentos a todos aqueles que estão assinando este apoio, assumindo publicamente o desejo de ver o país crescer cada vez mais, e que não pode em momento algum, ceder aos caprichos de uma elite minoritária que NUNCA teve compromisso com as minorias, menos favorecidos e excluídos. Espero que muitos outros compareçam e mostrem que além de talentosos, são comprometidos com o presente e futuro da nossa nação!

PARCERIAS