23/06/2013 - Copyleft

‘Tudo isso que tá aí’

por Emir Sader em 23/06/2013 às 07:35



O campo ideológico estava polarizado entre a prioridade do social – encarnada pelo governo – e o antiestatismo – protagonizado pela oposição. Que o Brasil havia mudado, e para melhor, era um dado consensual. O governo buscando aprofundar e estender as políticas sociais, a oposição denunciando que o estatismo é o obstáculo para o Brasil avançar.

Valendo-se das mobilizações das últimas semanas, a direita trata de impor outra visão, mais radical ainda: a de que nada de importante passou no Brasil, que só agora a população “desperta” e que é preciso se opor “a tudo o que está aí”. Mais radical porque desconhece todos os avanços no combate à desigualdade, à miséria e à pobreza logrados na última década. Tenta fazer tabula rasa e apagar tudo o que os governos do Lula e da Dilma conseguiram.

Só assim é possível a segunda parte da visão: opor-se “a tudo o que está aí”. Neste caso, esse “tudo” se resume ao governo, somando a ele o Congresso. Se absolvem os bancos, os monopólios midiáticos, as grandes corporações econômicas, entre outros, que seriam os beneficiários de uma derrota de “tudo o que está aí”.

Se esse consenso chega a se impor – e ele tem uma massa de jovens mobilizados e sensíveis para impô-lo, multiplicado pela ação da mídia –, se apagariam os avanços da última década e se concentraria o fogo no governo como o “velho” que bloqueia o avanço do país.

Nas acusações sobre os gastos da Copa – desde a suspeita de corrupção até o desvio de recursos de setores vitais –, mais além de que o governo tem argumentos contra – como se viu no discurso da Dilma –, o fracasso da política de comunicação fez com que o governo sofresse uma imensa derrota. É como se esses argumentos fossem já um consenso na opinião pública e na juventude em particular.

Essa visão busca invisibilizar o povo – os trabalhadores, os sem terra, todas as camadas populares beneficiadas pelas políticas governamentais –, reivindicando-se para eles a representação do Brasil, com o argumento forte de que eles são os jovens.

Está em disputa assim o consenso geral no país, a partir de uma nova ofensiva ideológica da direita, agora se valendo dos jovens e da sua disposição espontânea de atacar “o poder, a corrupção”, “isso tudo que está aí”.

Se o governo não mudar políticas fundamentais, a começar pela de comunicações – que falhou estrepitosamente – e desenvolver políticas sobre temas tão caros à juventude – como a ecologia, o aborto, a descriminalização das drogas, a internet –, criando canais de contato e discussão permanente com os jovens, vai ter muita dificuldade para recuperar sua imagem, valorizar o que foi feito e executar seus planos de futuro.

Tags: Movimentos Sociais,  Política




41 Comentários Insira o seu Coméntario !

JOÃO WOLMAR MELO - 26/06/2013
Só para clarear um pouco a "memória" de alguns comentaristas do texto. Se não querem enxergar o que já se mudou neste País em 10 anos e meio (e não doze ainda...) é até aceitável, pois cada um TEM DIREITO À SUA OPINIÃO. O que não se quer admitir mesmo é olhar para os Estados (choques de gestão, ai, ai...) dessa República Federativa do Brasil que, de fato, e as ruas estão a mostrar isso, QUE NÃO AVANCARAM QUASE NADA EM POLÍTICAS PÚBLICAS: São Paulo, Minas Gerais, Rio Grande do Sul (atenuo o atual mandato), PARÁ, GOIÁS, RIO GRANDE DO NORTE, e a imensa maioria das grandes cidades do Brasil "governados por 'partidos da elite, mancomunados com uma mídia golpista e aproveitadora: Globo, Veja, RBS, etc, etc. Vejam TODOS OS INDICADORES SOCIAIS DESSES ESTADOS e comprovarão que os "choques de gestao"neles impetrado deu no que deu... BEM DIFERENTE DOS DEMAIS ESTADOS A QUE NÃO ME REFERI. O governo do PT governou PARA TODOS, SEM EXCECAO. O que fizeram foi desviar, como em SP e MG, quase todos os recursos federais (inclusive o Bolsa-Família) para outros programas onde a iniciativa privada se locupletou deles: saúde privatizada (em contraposicão ao SUS universalizado), merenda escolar privatizada, educacão questionável e sucateada, concessões de rodovias a precos impagáveis (aqui em SC é de apenas R$ 1,70 -era de 1,10 - antes do governo do atual PSD... por praca de pedágio), inseguranca generalizada (vejam onde os bandidos mais atearam fogo em ônibus), etc, etc. As verbas foram encaminhadas proporcionalmente a TODOS OS ESTADOS DA FEDERACAO, de forma republicana. Vamos olhar detidamente para ESSES DETALHES, minha gente, e ver se é apenas "coincidência"essas manifestacões terem iniciado nesses Estados e cidades? Felizmente, temos mais de 100.000.000 (milhões) de cidadãos eleitores (contra pouco mais de 1.400.000 de manifestantes e "manifestantes") e esses saberão (com um bom lembrete do LULA...) separar o joio do trigo. Ah! saberão. Não precisa nem pagar prá ver! O Brasil não merece retornar à fatídica era do demo-tucanato. Só a elite, essa mídia golpista e os privatistas de plantão se locupletaram daquele butim...


Alexandre Souza - 25/06/2013
Que mundo simplista as pessoas pintam. Forças populares, conservadores de 500 anos, Sistema Financeiro Internacional, etc. Um monte de abstrações que não ajudam a resolver e esclarecer nossos problemas...


Raimundo W.S. Melo - 25/06/2013
Excelente e oportuno comentário. É chegada a hora das forças populares apoiarem o encaminhamento das propostas da presidente Dilma, que já se encontram sob ameaças de neutralização por parte dos conservadores de quinhentos anos. Agora, mais que antes, é imprescindível a ida às ruas de partidos, sindicatos, movimentos e demais organizações progressistas, em apoio massivo à presidente Dilma, evitando, assim, que as cinco propostas pautadas sejam abortadas pelas oligarquias que insistem em emperrar a evolução político-social do país.


JORGE - 24/06/2013
Parabenizo pelo Artigo, porém, em um vasto contraponto, coloco algumas palavras:



*As manifestações não tem caráter partidário ou ao menos partem de um ideologismo retrógrado e ultrapassado, se perfazendo de Direita e Esquerda. Elas possuem uma indignação pela falta de comprometimento do Gestor Público com a res publica. A falta de resultados comprometidos com o POVO (gostam tanto de falar essa palavra), entendam meus caros Esquerdistas e Direitistas extremos, o POVO está mudando seu jeito de Pensar.

Fácil colocar a culpa do que não deu certo na Direita, Esquerda, Centro ou na Mídia, e etc, sem verificar o que há de errado na própria condução do Sistema Político.



Analisem os fatos, desde a tomada de poder pela chamada Direita, nos anos 60, essa turma não sai do Poder, e os governantes, vitimados com a eloquência do parasitismo Politico que virou o nosso Sistema, vitima eterna de Politicagem.



O POVO está cansado de Politicagem, nós, da nova geração queremos resultados na Gestão e não Eleitoreiros como os fazem, DILMA, FHC, LULA SARNEY etc.



Aos que querem o Brasil pra frente, peçam a Reforma Politica, Tributária e Fiscal, Melhoria na Gestão Publica com melhores gastos do $$$$ Publico, reduçao da inflação, o Resto é consequência de um bom administrador. Pena que isso não sabem fazer, e vão patinar nos movimentos que não conseguem controlar.


Alexandre Souza - 24/06/2013
Complementando: achei o texto tendencioso e quase cínico.


Edu Montesanti - 24/06/2013
Parabéns pelas belas reflexões, professor. Se a Carta e o senhor me permitem fazer uma observações, fundamental neste momento: o que se deve questionar é o que e quem está por trás dessas manifestações. Está colocando em risco, pela forma (midiática, policial, social) ,o Estado de direito. Se petista,em nome dos interesses político-partidários tentarem defender o indefensável deslegitimizando os protestos em si, desde o início, com frases de efeito idiotizadoras para justificar as outras frases de efeito que não cabem mais, "os povos estão felizes, e isto é oque importa",e imbecilidades do tipo, não contribuirá nada para um golpe iminente. O Brsil tem TODOS os motivos para mobilizações semanalmente massivas, como o professor e outros colunistas aqui na Carta têm deixado claro, porém a questão essencial que se coloca, em nome da liberdade agora, vai além disso. O momento é delicado, eu abro mão de divergências governamentais em nome desse regime democrático que custou o sangue de meus antepassados. Que os petistas deem um tempo neste porre de defesas sectárias. Não se parará as massas (s quais vocês saudariam se fosse oposição no governo) esse discurso tao pobre quanto o dos setores reacionários nas ruas, prontos para darem o golpe.


Alexandre Souza - 24/06/2013
O senhor vá me desculpar, mas dizer que a oposição não reconhece os avanços do PT é de lascar. A oposição ( e falo aqui do PSDB) entregou para o PT um país muito melhor do que herdou do Itamar. Fez várias reformas impopulares, mas necessárias, sempre fustigada pelo PT. Este se aproveita delas e da bonança mundial e avança, claro. E, ingrato, nunca reconheceu o trabalho anterior. Aí o Lula fica 8 anos no palanque e não dá prosseguimento às reformas. O resultado taí!


André Terra - 24/06/2013
O dito “movimento” É UMA ESQUERDA ENVERGONHADA ou finge de sonso “apartidário” p tentar arrebanhar o máximo de apoio possível, porque as demandas levantadas nos protesto TEM ENDEREÇO CERTO, só falta nomear! Quem é o responsável pela LEI DA COPA e pelas obras bilionárias ? O PT ! Quem CONCEDEU ISENÇÃO FISCAL aos eventos da FIFA ? O PT ! Quem é o responsável pela política macroeconômica e aumento da inflação que impacta os custos de vida e do transporte? O PT ! Qual governo possui 39 ministérios p atender afilhados políticos? O PT ! Quem está patrocinando a aprovação da PEC 37 no congresso ? O PT ! Quem completará 12 anos no poder e o Brasil continua com portos, aeroportos, rodovias, ferrovias, transporte urbano, saúde e educação SUCATEADAS, além de não ter feito NENHUMA das reformas essenciais: política, administrativa e tributária? Podem chorar as pitangas à vontade,;sem ser objetivo e verdadeiro nada irá mudar!!!


Messias Franca de Macedo - 24/06/2013
…Ô golpistas de meia tigela, pensem bem, se é possível golpistas de meia tigela pensarem bem (sic): “ocês” acham mesmo que uma mulher que, quando jovem, foi torturada covardemente durante 03 anos no interior do DOPS e de outras masmorras sórdidas da ‘ditabranda dos Frias e das organizações(!) globo’… “Cês” acham mesmo que uma mulher assim tão corajosa e competente irá ter medo das caretas do mesmos e eternos opositores da nação brasileira?!…



… Ah! Esses golpistas!…



(“As elites são tão estúpidas que desprezam as próprias ignorâncias!” Eminente escritor e pensador humanista uruguaio Eduardo Galeano – e autor do ‘best-seller’ ‘As Veias Abertas da América Latina’.)



República Desses Bananas da [eterna] OPOSIÇÃO AO BRASIL, ‘o cheiro dos cavalos ao do povo’!

Bahia, Feira de Santana

Messias Franca de Macedo


Eugênia - 24/06/2013
Se o PT e o governo atual não conseguirem quem vai? Seria bom a superação do tom negativo de tantos analistas. A maioria dos analistas que opina se mostra muito desiformada. Como se o PT não representasse apenas 27% do eleitorado, da Câmara e do Senado é ainda pior. Parece até que a situação não está melhor por conta do PT? E todos os projetos de lei que estão na Câmara e não são aprovados por falta de maioria. Não vejo nenhum candidato no horizonte que possa representar o atendimento das reivindicações que não o PT e Dilma. Aécio não consegue dar conta de Serra, Marina não conseguiu nem dar conta do PV, eduardo campos aparece com menos de traço nas pesuisas. Barbosão? o negócio dele é a maré mansa do STF sob comendo da mídia. Então é melhor que todo esse movimento seja canalizado para mudanças reais com Dilma em 2014


4:20 - 24/06/2013
O que não está sendo pensado é que se as políticas socias implantadas pelo PT acabarem teremos uma guerra civil.

O resultado seria uma revolta jamais vista antes no país.

Seria o estopim da guerra.

Os presos do sistema carcerário estão mais organizados do que se possa imaginar, e TODOS eles tem familias do lado de fora.

E não creio que as Forças Armadas tem efetivo suficiente para combater isso.

Pode até parecer bizarro, porém essa hipótese não deve ser descartada.

O que acontecerá depois...quem viver poderá contar.



renato - 24/06/2013
Ia falar um monte contra a direita.

MAS... pensando melhor, tem um

evento vindo aí, muito bom. Onde

o Mestre do Evento não tem lado,

E vai trazer bastante souvenir.

camelos e agulhas.


Messias Franca de Macedo - 24/06/2013
FAUSTÃO “DA GLOBO” É UM INFAUSTO (sic) INÚTIL! ENTENDA POR ELE MESMO!...



###############################



FAUSTÃO PILOTA NA GLOBO: "CHAPA ESTÁ ESQUENTANDO"



Emissora da família Marinho libera seu principal âncora popular para aderir e, mais ainda, tentar pautar protestos estudantis; "Alienado é o cacete", disse Fausto Silva, chamando para novas manifestações, sobre temas como segurança, saúde e educação; "Todo mundo agora vai se informar mais para votar melhor", disse ele, sob aplausos da platéia; "Quem está mandando sabe que a chapa está quente, está fervendo", sublinhou; estratégia será capaz de superar o tradicional coro popular "o povo não é bobo, abaixo a Rede Globo"?; controle social da mídia não entra no pacote global

(...)



em http://www.brasil247.com/pt/247/midiatech/106346/Faust%C3%A3o-pilota-na-Globo-Chapa-est%C3%A1-esquentando.htm



######################



... ‘O INFAUSTO FAUSTÃO’ “DA GLOBO”(!): UM ‘ANONYMUS’ NÃO TÃO ANÔNIMO ASSIM, CONVENHAMOS!...



(“As elites são tão estúpidas que desprezam as próprias ignorâncias!” Eminente escritor e pensador humanista uruguaio Eduardo Galeano – e autor do ‘best-seller’ ‘As Veias Abertas da América Latina’.)



República Desses Bananas da [eterna] OPOSIÇÃO AO BRASIL, ‘o cheiro dos cavalos ao do povo’!

Bahia, Feira de Santana

Messias Franca de Macedo



Bruno - 24/06/2013
Luiz Antônio Laner, em que país você vive???



Sucateamento da educação na "última década"? Você tem 10 anos de idade ou está completamente alucinado?



Argumentos meu caro, você precisa de argumentos.


Pedro - 24/06/2013
Por acaso, Emir, essa sua juventude falou, alguma vez, de acelerar o programa de redução da pobreza do PT, que é a base fundamental do governo da Dilma? Não. Não falou e não poderia ter falado. O programa deles é de aumento da pobreza. Por isso é que eu disse que ler, agora, O Capital faria muito bem à esquerda.


Pedro - 24/06/2013
De que juventude você está falando, Emir? Desta que quer dar o golpe na Dilma? Que quer tirar o PT do poder para desfazer tudo aquilo que está sendo feito. Emir, essas "reinvindicações" que essa malta fascista - que você chama de juventude - está fazendo só não pode ser atendida por ela. As razões estão no fato de que a classe que ela representa não vai mexer nos seus lucros dividindo-os com os trabalhadores. Ler O Capital permite entender melhor o que está acontecendo nas ruas.


Alexandre - 24/06/2013
As demandas das ruas são idênticas às do PT histórico, antes da "carta aos brasileiros" e submissão ao grande capital. O PT precisa urgentemente guinar à esquerda e, mais difícil ainda, guinar o Governo para a esquerda. Mas como faze-lo com os "aliados" que tem? Acho que uma ruptura é inevitável, é até mesmo mandatório no momento atual, caso contrário, o "peemedebismo" sairá limpo dessa e a "culpa" toda recairá sobre o PT. Para o PIG, o PT tem que ser identificado com o "tudo que está aí"...O PT tem culhões para fazer as mudanças que pregava na sua origem, antes de ser cooptado por marketeiros e pela "crença da governabilidade"? Mesmo que o movimento seja difuso no momento atual, já dá para tirar pelo menos 5 linhas de ação que atenderiam aos anseios mais imediatos por mudanças do povo brasileiro:

1) Nova politica de mobilidade urbana, com o controle publico das operações dos diversos modais de transporte urbano (abrir as "caixas pretas" das mafias dos ônibus), em direção paulatina e progressivamente à "tarifa zero";

2) Saneamento e Saúde publica e gratuita para todos (10% do PIB);

3) 100% dos Recursos do Pre-Sal para a Educação PUBLICA do Brasil (não à drenagem de dinheiro publico para os estabelecimentos privados!);

4) Convocação de uma Assembleia Nacional Constituinte ESPECIFICA para implementar uma REFORMA POLITICA no Brasil, pois é claro que o Congresso não irá propor mudanças de verdade na própria carne;

5) Regulamentação IMEDIATA do que diz a Constituição Federal sobre o funcionamento da mídia no Brasil (Art. 220 a 224). Democratização das Comunicações, quebra dos oligopólios midiáticos.



Impulsionado pelas ruas, ou o PT rompe com seu arco de aliados conservadores e implementa as mudanças demandadas pela população em aliança com o toda a Esquerda e demais movimentos sociais, ou vamos todos pro buraco, seja agora com a direita armando seu golpe midiático, seja em 2014 nas eleições que serão usadas para "varrer tudo o que está aí".


Edu Montesanti - 24/06/2013
Existe muita gente indignada, sincera se manifestando como eu mesmo saí às ruas, mas logo tirei o time de campo. De maneira bem organizada, tudo indicando que previamnte arquitetada, existe amplosetor reacionário, ultraconservador homogêneo de norte a sul do Brasil, o qual tomou conta ao mesmo tepo que a mídia balofa traduz tudo isso como "festa da democracia". Alguem ainda acredita? Se nao buscarmos na historia resposta para tudo isso ainda intrigante, obscuro,sem muitas resposas, e para a conjuntura internacional que WikiLeaks e Snowden nos fizram o favor de entregar para ajudar MUITO, so ficaremos sabendo o que aconteceu em meados de 2013 nos livros de Historia algum dia, segundo a versao desse brucutus que, financiados e comandados por nao sei quem, estao dominando tudo isso. Vale apontar:possuo mil divergências com o governo federal. A Dilma deve ser elogiada pela postura como sempre, e preservada como vem em grande parte sendo, enquanto muitos dizem que não é pessoal nem com sua administração em particular, com ela, mas com o sistema. O Brasil deve acordar. Será que em nosso subconsciente Hollywood conseguiu colocar ue conspiração externa é coisa de cinema? Se tudo der errado, o Brasil não sofrerá golpe. S tudo der certo, providenciem as passagens...


Messias Franca de Macedo - 24/06/2013
A PRESIDENTE DILMA ROUSSEFF E O POVO “JOGARAM LIMONADA NA CARA DOS CARETAS”!



... A presidente Dilma Vana Rousseff, A Magnífica, foi brindada pela "sorte": as ações, medidas e atitudes que seriam tachadas de "subversivas", agora, são, explícita e ostensivamente, demandas reconhecidas, legítimas e urgentes da população brasileira. Portanto, os primeiros encaminhamentos oficiais e os que virão serão respaldados pela democrática vontade e necessidades populares...



... Caberá à população acompanhar as manifestações dos atores institucionais, ou seja, a postura de todos os representantes dos três Poderes. De agora em diante os bravateiros não passarão de meros bravateiros: as máscaras não deverão mais causar espantos nem tampouco servir para ocultar interesses inconfessáveis, notoriamente impopulares, antidemocráticos e antinacionalistas. Surge, no Brasil, pois, uma espécie de democracia participativa a substituir a democracia representativa, essa última radicalmente rejeitada e hostilizada pelas vozes das ruas...



ALVÍSSARAS: ... A presidente Dilma Rousseff compreendeu o chamamento e o clamor das ruas. E, por verdadeiramente compartilhar desses anseios, conclama a todos e a todas pela construção de um Brasil efetivamente novo, forjado mais do que nunca pelo seu povo... No horizonte, a nação começa a ser materializada! "O gigante parece ter encontrado a bússola!"...



BRASIL (QUASE-)NAÇÃO [depende de nós enquanto ações e reações!]

Bahia, Feira de Santana

Messias Franca de Macedo



Messias Franca de Macedo - 24/06/2013


... ATENÇÃO, ATENÇÃO!... SAINDO DO FORNO!...



... O FAUSTÃO “DA GLOBO” É UM 'INFAUSTÃO' (sic) INÚTIL!



E VAPT VUPT!



É a tal da coisa: "'Nois' sofre, mas 'nois' goza!" Macaco Simão



LÁ VEM O MATUTO 'BANANIENSE' "COM AS ORELHAS EM PÉ"(!) - "E LIMPANDO OS OUVIDOS!" ARRI ÉGUA!...



E VAMOS *“AOS FINALMENTES”(!): … “Inté”! "Numsabe"?! Eu também "tô" protestando!...

*lembrando o saudoso Odorico Paraguaçu! Bom político – e militante(!) – aquele!



(“As elites são tão estúpidas que desprezam as próprias ignorâncias!” Eminente escritor e pensador humanista uruguaio Eduardo Galeano – e autor do ‘best-seller’ ‘As Veias Abertas da América Latina’.)



República Desses Bananas da [eterna] OPOSIÇÃO AO BRASIL, ‘o cheiro dos cavalos ao do povo’!



Bahia, Feira de Santana

Messias Franca de Macedo



keyloser - 24/06/2013
Lula jogou uma bomba no colo da Dilma, pois não fez nenhuma restrição aos encargos da FIFA para a Copa do Mundo. Poderia vetar as doze sedes, por exemplo, e ficar com apenas seis(SP, RJ, PA, BH e Brasília), sendo que, como foi na Inglaterra, que a iniciativa privada construísse estádios com sua grana ou reformasse os já existentes de acordo com as exigências da FIFA. Caso, contrário, anunciasse a desistência do Brasil. Agiu irresponsavelmente. O Brasil gastou até agora o equivalente a gastos das 3 últimas copas realizadas, me parece que 28 bilhões, algo assim. Até 2014, já viu. Não vamos esquecer que 2016 são as olimpíadas e o vélodromo não servirá, o conjunto aquático Delamare também não servirá. Mais do mesmo ou alguém tinha alguma dúvida.


EDSON EUGENIO DE CASTRO - 24/06/2013
Mas não creio que a juventude tenha bagagem política para maximizar esse processo.


Leonardo Lobianco - 24/06/2013
Até quando vão ficar dizendo sobre as melhorias sociais do Governo Lula e Dilma?

Já são dez anos de governo de PT e o argumento é sempre o mesmo, nada além disso.

Parece-me que a única coisa boa que o governo fez nesses anos todos foram medidas sociais e nada mais.

O povo brasileiro que ver as mudanças, não apenas para as classe sociais miseráveis que já estão sentido os efeitos de preços altos e uma economia instável e dependente de fatores externos.

O sociologo deve ir a campo e largar teorias governistas-partidarias e de defesa do governo e ver a realidade em questão;


Marcela - 24/06/2013
Também são temas caros à juventude os temas que são caros a toda a população, especialmente para as classes mais baixas. Há também um novo movimento de esquerda vindo das ruas e falar em "políticas para a juventude" nesse momento é querer negar o fato e operar um reducionismo político de no mínimo duvidosa filiação ideológica.


Pedro - 24/06/2013
A esquerda perdeu o bonde e agora tenta invadir o reboque.


celso - 24/06/2013
CHEGA SER PATETICO: QUANDO FOI ANUNCIADO A COMPOSIÇÃO DO MINISTÉRIOS, HOUVE PROTESTO DOS MOVIENTOS SOCIAIS QUANDO A INDICAÇÃO DO PALOCCI, PULO BERNARDO, CARDOSO E.... AGORA ? O LULISMO NÃO FEZ NADA ,A NÃO SER ANESTESIAR A PLEBE. SIMPLES ... MAS NÃO HÁ PORQUE SE PREOCUPAAR, A KATIA ABREU DARÁ OS VOTOS PARA A REELEIÇÃO!!!


Paulo Luna - 23/06/2013
Não resta dúvida que o momento é de conversar, debatar, esclarecer. Que precisamos de melhor educação, melhor saúde, transporte mais barato, preços mais justos de modo geral, mais poder de compras nos salários, tudo isso é certo. E poderíamos acrescentar: reforma agrária, respeito ao meio ambiente, transparência e fim do monopólio midiático, e etc. O governo Dilma tem suas falhas, mas foi democraticamente eleito e precisa avançar. Os grandes empresário que realmente mandam no país desde sempre, nesses, ninguém fala. Quanto é o lucro dos donos das empresas de ônibus que entulharam as cidades de micro ônibus só com motoristas que trabalham dobrado? E os donos dos supermercados que precarizam o trabalho e o salário de seus funcionários? E os latifundiários, grileiros e invasores de terra? A massa nas ruas precisa pegar as bandeiras de verdade e entender que é preciso fazer o governo Dilma avançar e se livrar dos entraves. Assim poderemos construir esse país belo e justo que todos queremos. Certas coisas demandam tempo. Mas seria possível avançar mais, se os empresários lucrassem menos e tudo fosse mais bem distribuído e tivéssemos, por exemplo, uma mídia que divulgasse mensagens verdadeiras de solidariedade e não incentivasse o tempo todo a ganância e o consumismo. No final dos anos 1960, uma música de Tom Zé dizia: "Cuidado, há um morcego na porta principal". Há os que querem se apoderar da democracia e nós, o povo, não podemos deixar. O governo é democrático e precisa avançar. Vamos dizer não aos baderneiros que se ocultam e disseminam interesses excusos. Como dizia o ex presidente Lula, e parafraseando suas palavras "Deixa a mulher trabalhar".


Amauri - 23/06/2013
Na verdade a causa principal dos "descontentamentos" são elevado CUSTO DE VIDA.

Existe um sistema perverso que penaliza as pessoas nas coisas mais elementares como alimentação e vestuário por exemplo.

Não é possível fechar os olhos para uma fato, qual seja, economistas ficam alarmados porque a inflação ficou acima da meta, mas dentro do controle inflacionário 6%a.a.a.

Ora, não é preciso ser economita para perceber que está conta não fecha.

Se a inflação fosse de fato 6%.a.a, a mesma compra de 500 reais em supermercado feita a um ano, custa hoje 503,oo reais.

Mas na pratica não é assim, se voce tiver o CAPRICHO de guardar um TICKET de mercado de um ano atraz, e for agora comprar a mesma lista de produtos e as mesmas marcas, vai se surpreender, voce precisará de pelo menos 700,00 reais para trazer os mesmos produtos para casa.

Em resumo a inflação real gira em torno de 40%a.a, mas a inflação para reajustar salários e poupança é de 6%a.a., e com isso o CUSTO DE VIDA torna-se cada dia mais insuportável.

O mais incrivel é que a OPOSIÇÃO não fala disso, o governo não fala disso, os intelectuais nem publicam os comentários que falam disso.

A QUEM VOCES QUEREM ENGANAR?


Wesley - 23/06/2013
Se o povo eleger Aécio e seus patifes, não dou um ano e o povo está pedindo a volta do PT no poder. Muito bom o texto do Emir Sader. O movimento começou bem pelo MPL, mas foi infectado por fascistas "direitopatas" que na verdade querem é retirar direitos de trabalhadores e servidores públicos.


carlos oliveira - 23/06/2013
Lula e Dilma são governantes de um período em que classes dominantes vivem num governo de esquerda (ou predominantemente de esquerda), incomodadas com a Internet que eles não podem dominar, com suas empregadas ficando caras, ENEM e sistemas de cotas quebrando paradigmas e com o Brasil conseguindo um protagonismo internacional sem precedentes.



As classes dominantes têm sentido as mudanças. Têm visto a crise do liberalismo, a China comunista, o naufrágio da ALCA, as esquerdas pós-ditaduras da américa latina e muito mais. O que fazem diante disto? O de sempre: defender-se. Mudar algumas coisas para que tudo fique como está. O que esperar dos membros desta classe que detêm meios de comunicação? O óbvio: que defendam com unhas e dentes seu status quo. Que ataquem qualquer forma de atitude progressista. Que sejam implacáveis com qualquer deslize. Que sejam desonestos, mentirosos e principalmente oportunistas.



Sabemos o que a direita está fazendo, mas o que estamos fazendo? O que estão fazendo os teóricos-de-esquerda-da-internet? Estes que estão aqui num diálogo de alto nível com um intelectual de esquerda?



Dilma precisa seguir implementando as reformas sociais como vemos desde 2003. É uma luta incessante. Ao lado do governo temos a militância de esquerda como os que estão por aqui. E o que fazer quando se é de esquerda num período como este afinal? Impressionante como surgem esquerdistas que discordam do governo neste momento. Como quem discorda do Felipão todos têm uma análise crítica e sugestões. Todos têm alguma coisa para apontar que já poderia ter sido feita. Muitos reclamam que o governo não promove a Ley de Medios, que não atua na comissão da verdade como deveria, que cede ao satanás ao subir os juros, que não ataca a Veja, que faz omelete com a Ana Maria Braga, etc... mas: O que fazer quando se é de esquerda com a esquerda no poder?



Apontar erros e imperfeições de um governo de esquerda é muito fácil porque qualquer governo é fácil de se criticar por algum ponto de vista. Simplesmente porque governar é mais difícil que teorizar e apontar erros. Ao concentrar energias e críticas sempre bem embasadas ao governo Dilma, os teóricos-de-esquerda-da-internet não fazem mais que fornecer munição a quem precisa atacar o governo, como uma espécie de PSOL à paisana e sem representação no congresso.



Existe um contraponto: Dilma pode se beneficiar das ideias destes teóricos? Pode ser, mas sem dúvida estes mesmos teóricos em relação a Lula aprenderam muito mais que ensinaram. Mas refaço a pergunta: o que fazer quando se é de esquerda com a esquerda no poder? A direita se arma em seus editoriais, articulistas, insufla golpes, denigre opositores e faz tudo para defender seus ideais. E a esquerda?



Proponho inicialmente que a energia gasta em cada análise brilhante sobre a necessidade da ley de médios por exemplo seja canalizada para uma defesa aberta e contundente da presidenta Dilma. Há os que se preocupam mais com o pós-Dilma do que com a atualidade. Vamos valorizar as conquistas e criar um verdadeiro Anti-PIG!. Vamos criar um jornal de esquerda com todas as dificuldades de orçamento! Vamos chegar próximo ao povo e promover seções de conscientização in loco. Vamos panfletar nas ruas da periferia para reforçar as conquistas dos últimos anos e dizer ao povo que o governo Dilma está a seu lado! Vamos usar a internet para além dos blogs de esquerda autopromocionais! Vamos abandonar uma certa vaidade intelectual! Vamos ser humildes como o povo é e aprender nas associações de bairro! Vamos efetivamente disseminar de maneira parcial, mas realista as realizações do governo Dilma! Vamos declarar-nos radicalmente partidários.



A direita está fazendo seu trabalho, e nós?



Luiz Antônio Laner - 23/06/2013
Está cada vez mais difícil defender o grupo encastelado no Planalto Central! Já não é qualquer intelectual que consegue retórica para defender tais interesses! Chamem os advogados, porque sociólogo não dá conta mais! Chama o Tarso Genro, O Ex-ministro da Justiça Márcio Thomaz Bastos! OPA! Este é muito caro? Ora, bolas! O Zé Dirceu está com muito escondido! Pode pagar! Na hora do desespero vale a pena! Defender a auto denominada esquerda para acusar a Extrema direita ficou um exercício difícil! Até o mar de analfabetos funcionais produzidos pelo sucateamento da educação na última década já não conseguem ser seduzidos pelo canto destas sereias rotas, desequilibradas! Nem mesmo a enorme multidão de "aloprados" militantes consegue acreditar nas mentiras veiculadas! A Casa está caindo! Pode espernear a vontade!


Alê - 23/06/2013
eu acho que esta certo o artigo, tem muitas coisas que o governo fez pelo povo, e tem muita coisa ainda para fazer, porque as pessoas nao fazem protesto contra as empresas que construim os preços?? contra os politicos corrutos, nao importa o partido deles.... contra mas midias como O Globo que nao sao boas, nem fazem jornalismo bom, eles nao informam deformam... Brasil acordou? Nao acredito


marcelo duarte - 23/06/2013
sua análise está corretíssima. quanto ao que vc chama de "políticas fundamentais", o governo deveria ter entendido desde o começo que jamais poderiam ter sido moeda de troca pela governabilidade. direitos humanos são inegociáveis e por eles não se faz concessões.


Marcia Eloy - 23/06/2013
Prof.

Eu não sou jovem e acho, me desculpe a falta de humildade, a melhor parte do povo brasileiro porque eu leio, estudo, procuro informação, trnho uma biblioteca em casa( coisa rara entre os brasileiros), conheço o mapa do mundo, conheço a História do mundo, a História do meu país, já assisti várias palestras políticas,assisto palestras que não são políticas mas aumentam a minha cultura. Pergunta a um jovem que está na rua a definição de capítalismo? E de socialism^? A diferença entre eles? Eles dizem que não acreditam em nada, só neles mesmos. E eles são capazes de governar o que? Se até agora moram com os pais e não governam a própria vida. Eles não sabem mas são uma espécie de robô, que são acionados e não sabem por quem.


Marcio Prado - 23/06/2013
Em tempo, caro Emir, gostaria de ressaltar que o referendo tem tanta força na deliberação de um determinado assunto, que hoje ninguém, com um mínimo de juízo, discute mudanças no regime de governo.

Finalmente, sem querer ser grosseiro, só enfático:é ou não é o povo quem deve mandar nessa merda mesmo?


carlos oliveira - 23/06/2013
Texto interessante.


Messias Franca de Macedo - 23/06/2013
[AINDA SOBRE 'TUDO ISSO QUE TÁ AÍ'!]



... O JORNALISMO FASCISTA E AS CONSPIRAÇÕES COMUNS! ENTENDA



LÁ VEM O MATUTO “COM AS ORELHAS EM PÉ”!



... Depois da 'veja' estampar em capa: 'O menino pobre que mudou o Brasil'... Agora, a mesma 'veja': 'Sete dias que mudaram o Brasil' - 'depois dos protestos, nada será como antes'...

... E, aí, a *'jornalista amiga dos patrões barões da “grande” mídia nativa’ "levantou um 'dedinho'” e afirmou: "**'Meninos', 'eu não te conto', o Datafolha fez uma pesquisa nas ruas entre os manifestantes dos protestos! Vocês sabem quem ficou em primeiríssimo(!) lugar na preferência pela corrida presidencial?” [Toda a pantomima acompanhada de um sorriso 'verde oliva (sic) de felicidade e regozijo'! - a(de)n(do) sujo nosso!] A resposta pela própria inquisidora (idem sic): "Joaquim Barbosa!" Em seguida, a mesma 'jornalista amiga dos patrões', levantou... Dois 'dedinhos' - e: "E vocês sabem quem ficou em segundo lugar? Sim, a Marina Silva! Mesmo porque ela não tem vínculos com partidos políticos, apesar de ter vindo do PT, rompido com o PT, e, agora, está organizando a 'Rede'!" ["Pode 'to be'?!" - de novo, a(de)n(do) sujo do matuto!] Fala, Cantanhêde, afinal de contas, quem tem microfones e câmeras de TV à disposição, convenhamos, falar o que quer! Não é para isso que serve a democracia?! (ibidem sic) "E vocês sabem quem ficou em terceiro lugar? Nesta mesma pesquisa do Datafolha, realizada nas ruas e entre os manifestantes dos protestos, a presidente Dilma Rousseff fica com, apenas, 10% das intenções de votos! A mesma presidente Dilma Rousseff que, na pesquisa geral do Datafolha, vence as próximas eleições, em primeiro turno, com 51% dos votos...”

Dois 'dedinhos de prosa do matuto'! A Cantanhêde não esqueceu de levantar 'os três dedinhos da mãozinha direita'(!!!) ao informar o nome do terceiro colocado na pesquisa [realizada nas ruas, entre os manifestantes dos protestos!]; Os sorrisos progressivamente contagiaram o outro 'convidado a dedo' pela âncora do programa e a própria âncora, óbvio!

*Eliane Cantanhêde “da Folha da ‘ditabranda dos Frias’ & dos Marinhos das organizações(!) Globo”!

**’os meninos’: o outro convidado a ‘dedinho’ pela âncora do programa, o Sérgio Fadul [“do jornal ‘O Globo’”] e a âncora do programa ‘Fatos & distorções’(!), GloboNews!

“CINCO(!) ‘DEDINHOS’ DE PERGUNTAS!”:

1- por que será que os três ‘jornalistas amigos dos patrões’ não informaram ao ‘eleitor assinante’ acerca da “metodologia” aplicada na tal pesquisa Datafolha?! [realizada entre os manifestantes dos protestos(!)];

2- será que os três ‘jornalistas amigos dos patrões’ deram conta de que, ao corroborar com uma “pesquisa” que “pesquisa” desqualificar os partidos políticos, estão difundindo um dos preceitos clássicos do fascismo?!...

3- o que está acontecendo no Brasil – em meio à realização da Copa das Confederações(!) – evidencia alguma coincidência com a tal ‘primavera árabe’?!

4 - o que está acontecendo no Brasil – em meio à realização da Copa das Confederações(!) – tem alguma correspondência com o fascismo?!

5- lá isso é jornalismo?!...



NOTA ACAUTELATÓRIA: com relação à questão de número 3, o primeiro-ministro da Turquia, Recep Tayyip Erdogan, já nos deu a contundente e peremptória resposta:

“Os protestos registrados nos últimos dias no Brasil fazem parte uma conspiração para desestabilizar a presidente Dilma Rousseff, assim como está acontecendo comigo.” Em Denúncias

Erdogan diz que mesma conspiração atua na Turquia e no Brasil

publicado em 22 de junho de 2013 às 21:13



FONTE: http://www.viomundo.com.br/denuncias/erdogan-diz-que-mesma-conspiracao-atua-na-turquia-e-no-brasil.html



E VAMOS ***“AOS FINALMENTES”(!): “inté”!...

***lembrando o saudoso Odorico Paraguaçu! Bom político – e militante(!) – aquele!



República de ‘Nois’ Bananas

Bahia, Feira de Santana

Messias Franca de Macedo



arlene laurenti ayala - 23/06/2013
Porque o governo Dilma nega:

- a revisão das escandalosas privatizações?

- um ordem tributária justa?



Por que mantem ataque à previdência social pública?



Por que mantem os lucros estratosféricos de bancos, e empreiteiras?

Por que segue a orientação do Banco Mundial - assistencia social pobre para os pobres.

Por que mantem a alta rentabilidade do capital, a ampliação do consumo e o endividamento de pobres e classe média?

Por que retira orçamento do setor público de saúde?


SSAM - 23/06/2013
Fui nos protestos, e pude observar vários participantes.

Tinha gente de todas as classes sociais, e embora

o tema central fosse o preço do ônibus, o que pude

sentir é que ali estava a manifestação de uma mistura

heterôgenea de reinvindicações e frustrações. A verdade é que não só o Brasil, mas o mundo mudou. O velho mundo com suas velhas fórmulas acabou, e o grande problema que emerge com força total é: o que

colocar no lugar? Esse mundo brilhante e high tech,

com seu alto padrão de consumo, não tem condições

de incluir todas as pessoas, nem o planeta suportará.

Antigamente a precariedade das comunicações, filtrava

e segmentava a população. Hoje todos veêm todos e

tudo em tempo real e tiram suas próprias conclusões.

Discutir como serão divididas as benesses da civilização daqui pra frente será um desafio real.


Marcio Prado - 23/06/2013
O curioso disso tudo é que a constituição de 88 previu o referendo e a iniciativa popular de leis como forma de democracia direta. Os constituintes democratas do PT, PMDB e PSDB apoiaram estes espaços de democracia direta, mas pouco aplicaram quando no governo. Nos países desenvolvidos, a população vota em referendos o tempo inteiro. Se a Lei geral da Copa tivesse sido submetida a referendo, Dilma não estaria levando este tapa na cara agora, sob as vaias humilhantes da extrema direita. O Sec. XXI chegou ao Brasil e o PT não pode mais confundir eleitores com submissos militantes.


egidio manoel - 05/07/2013
foi ano passado, não lembro em qual publicação li uma entrevista do jaques wagner dizendo que as demanadas mudaram muito nestes 10 anos. quem a 10 anos atras ficou feliz por se alimentar de forma decente, agora quer mais, oque deve ser visto como algo positivo. lula e chaves definiram uma realidade, não da para governar sem auxiliar os mais nescessitados, so lembrando que isso começlou com fhc.

ningeum vai ser louco de tirar o bolsa familia, pelo menos alguem que deseje sobreviver politicamente. o proprio joão santana ja havia indicado a dilma para dentro de casa, as coisas melhoraram, para so piorou.