Arte

Mostra gratuita "Olhares Artesanais" fica até o dia 11 de agosto do CCSP

Com novo olhar, exposição apresenta cenários do Porto de Santos e região utilizando câmeras pinhole

17/07/2019 11:36

(Anna Clara Hokama)

Créditos da foto: (Anna Clara Hokama)

 
Há mais de uma década o Cidade Invertida, grupo que reúne fotógrafos, educadores e artistas, investe em ações culturais relacionadas à imagem, buscando despertar em seu público um olhar mais criativo e consciente em relação às imagens que nos cercam cotidianamente.

Na exposição “Olhares Artesanais”, a equipe composta por Adelino Matias, Anna Clara Hokama, Andre Solnik, Gustavo Falqueiro, Marcella Marigo, Mauricio Sapata e Ricardo Hantzschel, concebe sua versão imagética da região do Porto de Santos/SP utilizando câmeras manualmente construídas, ou pinhole. Esses dispositivos ópticos são construídos com latas, caixas, ou qualquer aparato vedado à luz, que recebe um furo de agulha em um de seus lados, permitindo a formação de imagens em seu interior, sem a necessidade de lentes.

Em cartaz no Centro Cultural São Paulo, a exposição é resultado de dois anos de trabalho em equipe, que, embora voluntariamente inserida na cultura digital, valoriza também o tempo como parceiro, mergulhando numa fotografia lenta, incerta e experimental que começa no projeto da câmera e se estende até a revelação química da imagem.

O consagrado artista luso-brasileiro Fernando Lemos, assina um dos textos da mostra, que conta com 38 fotografias impressas em papel fine art em tamanhos variados, sob curadoria de Ricardo Hantzschel. Complementa o trabalho um livro com 48 páginas, representando todo o conteúdo da exposição.

Tanto o processo de captação quanto a edição final das imagens, foram realizados em conjunto pelos profissionais envolvidos no projeto, contemplado pelo 1º Edital de Apoio à Criação e Exposição Fotográfica da Secretaria Municipal de Cultura da Cidade de São Paulo. Ele ocupará parte do espaço expositivo do Centro Cultural São Paulo (CCSP), no Piso Flávio de Carvalho (fundos), ao lado de mais três exposições: Cores Nyotas, Idílio e Poéticas Visuais.

A exposição, com entrada gratuita, vai até o dia 11 de agosto.

SOBRE O CIDADE INVERTIDA
O Cidade Invertida é um grupo de educadores e artistas que tem se dedicado a elaborar experiências visuais, em sua maioria mediadas pela fotografia, objetivando encantar as pessoas e ao mesmo tempo despertar uma postura mais consciente na relação delas com as imagens que nos cercam cotidianamente.

Em pouco mais de uma década, o trailer, símbolo de referência do projeto, foi adaptado como laboratório fotográfico e câmara obscura, e já percorreu cerca de 35.000 km viabilizando cursos e oficinas para um público diverso. Com forte caráter itinerante, o Cidade Invertida tem também um espaço cultural na Vila Madalena, em São Paulo, onde a intenção é oferecer possibilidades de capacitação teórica e prática para artistas, fotógrafos, educadores e interessados por imagens em geral. Temos um compromisso com as bases históricas da fotografia tradicional e as mesclamos sem preconceito com as técnicas digitais de última geração.

Site: www.cidadeinvertida.com.br

SINOPSE
A exposição “Olhares Artesanais” reúne 38 fotografias captadas com câmeras manualmente construídas e tem como tema a região portuária da cidade de Santos, litoral do Estado de São Paulo. As imagens expostas foram captadas por câmeras de orifício (pinhole) e reveladas quimicamente em laboratório analógico preto e branco.

O resultado desse projeto é um recorte ao mesmo tempo caótico e poético, que desconstrói o seu referente, para imediatamente reconstruí-lo dentro dos aparatos concebidos pelos fotógrafos do Cidade Invertida. Os autores recriam a cena urbana, em imagens que só existem na diversidade de formatos, orifícios e suportes sensíveis das câmeras pinhole.

SERVIÇO
Local: Centro Cultural São Paulo – Piso Flávio de Carvalho
End.: Rua Vergueiro, 1000 – Paraíso – São Paulo
Tel.: (11) 3397-4002
Quando: Até 11 de agosto.
Horário: Terça a sexta, das 10h às 20h - Sábados, domingos e feriados, das 10h às 18h
Site: www.centrocultural.sp.gov.br





Conteúdo Relacionado