CM8 Internacional

CM8 Internacional - 14/06/2018

A eleição mexicana: esperança e medo. Argentina decide sobre o aborto com o país e o Congresso divididos. A Nicarágua afunda na crise. A Europa briga sobre a questão migratória. Macron avança em seu programa neoliberal. A Volkswagen faz acordo pagando com dinheiro sua pilantragem com a emissão de poluentes. E a ONU condena Israel uma vez mais para os EUA vetarem

14/06/2018 08:23

Guillaume Moncel - «Cuatro fantásticos», 2007 www.imageslatines.com

Créditos da foto: Guillaume Moncel - «Cuatro fantásticos», 2007 www.imageslatines.com

 
1 - NOTÍCIAS DO MUNDO

América Latina


Le Monde Diplomatique, França

No México, a tentação da esperança O candidato López Obrador contra "a máfia no poder". Em 1º de julho, os mexicanos elegerão 500 deputados, 128 senadores, 9 governadores e um novo presidente. Um dos favoritos das pesquisas, o candidato esquerdista Andrés Manuel López Obrador oferece uma resposta moderada ao coquetel explosivo que assola o país: violência, corrupção e miséria. Mas a elite - cujas fronteiras, econômica, política e mafiosa se fundiram - aceitará o jogo democrático?

https://www.monde-diplomatique.fr/2018/06/LAMBERT/58744

ABC, Espanha

México já tem 113 políticos assassinados na campanha eleitoral. O partido mais atingido é o PRI com 44 mortos.

http://www.abc.es/internacional/abci-mexico-suma-113-politicos-asesinados-campana-electoral-201806140230_noticia.html

Página 12, Argentina

Uma multidão a favor da legalização do aborto transbordou seu espaço nas ruas e tomou espaço dos manifestantes contra. Embora a Plaza del Congreso fosse dividida em dois setores iguais, o verde foi disseminado por toda a área, encheu as ruas adjacentes de Corrientes e chegou até o dia 9 de julho pela Avenida de Mayo. O setor celeste, do antidireitos, estava confinado em dois cantos de Entre Ríos. O Congresso vota uma lei sobre a legalização do aborto e está dividido.

https://www.pagina12.com.ar/121540-el-verde-por-goleada

El Espectador, Colômbia

Nicarágua se prepara para uma greve nacional convocada pela oposição e por empresários.

https://www.elespectador.com/noticias/el-mundo/nicaragua-se-alista-para-paro-nacional-convocado-por-la-oposicion-articulo-794094

El País, Espanha

Las grandes desigualdades del sistema sanitario en Argentina. A democracia argentina ainda não resolveu as desigualdades que o próprio sistema de saúde reproduz. Embora a população como um todo tenha a possibilidade de acessar os serviços oferecidos pelo setor público, ainda existem lacunas importantes e assuntos pendentes, principalmente em relação à sua qualidade. Por um lado, o gasto total com serviços de saúde excede 8,5% do PIB, um dos níveis mais altos da América Latina. Por outro lado, há uma dívida social com as populações mais pobres.

https://elpais.com/elpais/2018/05/28/planeta_futuro/1527542153_576805.html

Europa e EUA

The Wall Street Journal, EUA


EUA preparam-se para seguir com a elevação das tarifas de produtos chineses. Decisão sobre medidas aguarda aprovação final do Presidente Trump. A administração Trump, aprofundando sua ofensiva comercial global, está se preparando para impor tarifas sobre dezenas de bilhões de dólares de produtos chineses na próxima semana, talvez já na sexta-feira - uma medida que provavelmente provocará retaliações pesadas de Pequim.

https://www.wsj.com/articles/u-s-preparing-to-proceed-with-tariffs-on-chinese-goods-1528915167?mod=hp_lead_pos2

L’Humanité, França

Emmanuel Macron busca ainda mais precariedade para os pobres. Durante um discurso para as sociedades de previdência francesas, o chefe de Estado retornou mais amplamente aos contornos da sociedade que ele sonha para o país. Defendendo os "estatutos", ele propõe, em nome da "mobilidade", menos proteção, em um mercado de fragilizados.

https://www.humanite.fr/emmanuel-macron-veut-encore-plus-de-precarite-pour-les-pauvres-656800

DW em inglês, Alemanha

A disputa de política de migração alemã continua entre Angela Merkel e seu ministro do Interior Seehofer. As conversações entre eles não conseguiram produzir um resultado antes de uma reunião de líderes do Estado. Seehofer insiste em verificações de fronteira mais rigorosas, enquanto Merkel se concentra em uma estratégia para toda a UE.

http://www.dw.com/en/german-migration-policy-feuding-continues-between-angela-merkel-and-interior-minister/a-44214062

The New Yorker, EUA

Porque apenas Justin Trudeau, o primeiro ministro canadense, é capaz de se contrapor a Donald Trump?

https://www.newyorker.com/news/daily-comment/why-justin-trudeau-is-able-to-stand-up-to-donald-trump

Euronews, Portugal

Volkswagen vai pagar mil milhões em multa pelo caso "Dieselgate". A empresa aceitou a decisão do tribunal de Braunschweig, na Alemanha. O grupo automóvel alemão terá adulterado os níveis de emissão de partículas nocivas de diesel em 11 milhões de carros no mundo inteiro, causando o maior escândalo dos últimos tempos na indústria automóvel mundial. Em certos casos, os carros estavam a emitir mais de 40 vezes os níveis permitidos de certas substâncias. Em 2015, a construtora automóvel alemã, maior grupo mundial do setor, assumiu ter usado um software para falsificar estes dados.

http://pt.euronews.com/2018/06/13/volkswagen-vai-pagar-mil-milhoes-em-multa-pelo-caso-dieselgate-

Página 12, Argentina

A Itália foi "irresponsável" e a França "hipócrita". Escalada verbal entre Roma e Paris para o manejo da chegada de imigrantes africanos à Europa.Roma poderia cancelar a cúpula franco-italiana marcada para esta sexta-feira. O novo governo pediu consultas com seu embaixador em Paris depois que o governo de Macron criticou a recusa italiana em receber um navio de migrantes.

https://www.pagina12.com.ar/121399-italia-fue-irresponsable-y-francia-hipocrita

Oriente Médio

Democracy Now, EUA

Uma catástrofe humanitária: Forças apoiadas pela Arábia Saudita e pelos EUA atacam um porto chave do Iêmen ameaçando milhões.

https://www.democracynow.org/2018/6/13/a_humanitarian_catastrophe_us_backed_forces

Le Monde, França

ONU condena o uso excessivo de força por parte de Israel em Gaza. Uma emenda dos Estados Unidos para condenar o Hamas pela mesma violência foi, no entanto, rejeitada pela Assembléia Geral. Também pede ao Secretário-Geral, Antonio Guterres, que recomende o estabelecimento de um "mecanismo de proteção internacional" nos territórios ocupados. Tal mecanismo, no entanto, é improvável que tenha sucesso porque deve ser validado pelo Conselho de Segurança da ONU, onde os Estados Unidos têm o direito de veto.

https://www.lemonde.fr/international/article/2018/06/14/a-une-large-majorite-l-onu-condamne-israel-pour-les-violences-a-gaza_5314519_3210.html

2 - NOTÍCIAS INTERNACIONAIS SOBRE O BRASIL

 Les Echos, França


Brasil está emburrado com a Copa do Mundo de Futebol de 2018. Surpresa no país de Pelé: os brasileiros mostram muito pouco entusiasmo pela Copa do Mundo de 2018.... Por enquanto!

https://www.lesechos.fr/monde/ameriques/0301810131831-le-bresil-boude-la-coupe-du-monde-de-football-2018-2184024.php

RFI, França

“Temos que lutar para que não haja adiamento das eleições no Brasil”, diz Celso Amorim. O ex-ministro brasileiro das Relações Exteriores, Celso Amorim, está em Paris para participar de uma conferência sobre o Brasil. De passagem pelos estúdios da RFI, o diplomata falou sobre o impacto da crise brasileira na imagem do país e defendeu a participação do ex-presidente Lula na eleição de outubro. Para ele, só assim “o próximo governo terá legitimidade”.

http://m.br.rfi.fr/brasil/20180613-temos-que-lutar-para-que-nao-haja-adiamento-das-eleicoes-no-brasil-diz-celso-amorim

3 - ARTIGOS/ENTREVISTAS

Emir Sader – Política (Página 12, Argentina)

“Uma proposta indecente”

https://www.pagina12.com.ar/121427-una-propuesta-indecente

Simon Chadwick. – Pelo Mundo (Esquerda.net, Portugal)

“O que é que a Fifa quer mesmo deste Mundial?”

https://www.esquerda.net/artigo/o-que-e-que-fifa-quer-mesmo-deste-mundial-de-futebol/55608





Conteúdo Relacionado