CM8 Internacional

CM8 Internacional - 29/11/2018

Notícias internacionais sobre o Brasil; Notícias do Mundo; e Artigos

29/11/2018 08:08

 

 
1 - NOTÍCIAS DO MUNDO

FILIPINAS
. Polícia das Filipinas presa por assassinar adolescente sob o abrigo da “guerra contra as drogas” de Duterte.  Três oficiais foram presos por causa da morte de estudantes do ensino médio em primeira convicção desse tipo de assassinato. Um tribunal das Filipinas encontrou três policiais culpados de homicídio pelo assassinato em 2017 de um estudante de 17 anos do ensino médio, a primeira dessas condenações pelas táticas usadas na guerra contra as drogas do presidente Rodrigo Duterte. (THE GUARDIAN, Inglaterra) https://goo.gl/tgVVWT 

FACEBOOK. Tirem o nome de Zuckerberg do hospital de nossa cidade, diz um político de São Francisco. O líder político cita "escândalos contínuos", enquanto outros começam a questionar o custo de reputação de participar de fundos filantrópicos do Facebook, desde que anunciou uma doação de gigante de US $ 100 milhões para o sistema de educação pública de Newark, a ‘generosa filantropia’ de Mark Zuckerberg serviu como uma de suas principais defesas contra as críticas a si mesmo e à sua empresa. (THE GUARDIAN, Inglaterra) https://goo.gl/tFHv7H 

FACEBOOK.  Facebook exposto por cobrar pelo acesso aos dados dos usuários. E-mails internos em arquivos judiciais vistos pelo The Wall Street Journal fornecem uma janela para um documento que um legislador britânico planeja lançar em breve. (THE WALL STREET JOURNAL, EUA) https://goo.gl/pA7JYZ 

ARGENTINA. “Alerta vermelho”. Atos e marchas para rechaçar o G-20. O governo está se preparando para uma possível guerra. No âmbito do G20, os principais hospitais da cidade de Buenos Aires suspenderam as cirurgias e licenças dos profissionais. Eles só tratarão pacientes com PAMI se houver risco de vida. Menciona "a presença de uma hipótese iminente de conflito". (PÁGINA 12, Argentina) https://goo.gl/nDaNfC e https://goo.gl/4tRQ3d 

ARGENTINA. Entre as fantasias de Macri e o conflito social. Atos maciços, marchas de protestos de movimentos políticos, sociais e estudantis que começaram nesta terça-feira nesta cidade sitiada, explicam dois cenários fortemente opostos, um dos quais ocupa uma área privilegiada onde a Cimeira do G20 será realizada, exibida como uma vitrine de luxo que quer mostrar aos seus convidados o Presidente Mauricio Macri e a outra, a verdadeira cidade onde centenas de famílias que dormem nas ruas, despejadas com violência, em um clima de alta tensão, onde o dólar sobe, foram deslocadas anunciar novos aumentos e a crise se acelera em toda a Argentina. (LA JORNADA, México) https://goo.gl/bJvg8m 

BREXIT. O preço do Brexit. O PIB britânico perderia entre 4 e 10 pontos em 15 anos. Segundo um relatório do governo britânico, com ou sem acordo de saída na economia, haverá menos crescimento do que se continuasse a fazer parte da União Europeia. (PÁGINA 12, Argentina) https://goo.gl/LnafH3 

BREXIT. O dia em que o Brexit ficou à deriva: o Bank of England diz que nenhum acordo causará a pior queda desde a grande guerra. O Tesouro também prevê que qualquer saída da UE prejudicará a economia. Os conservadores podem enfrentar a derrota eleitoral "na escala de 1997", adverte Jo Johnson. A confiança do consumidor cai para o menor nível em um ano devido ao Brexit. (THE INDEPENDENT, Inglaterra) https://goo.gl/yxnJNk 

ARÁBIA SAUDITA. Caso Khashoggi: o Senado inflige uma derrota a Donald Trump. Os senadores dos EUA enviaram na quarta-feira o forte sinal de que querem punir a Arábia Saudita por seu papel no assassinato do jornalista. (LE MONDE, França) https://goo.gl/nCcnJg 

IÊMEN. Senadores de ambos os partidos votaram a favor de acabar com o apoio militar americano à guerra apoiada pelos sauditas no Iêmen. A votação mostrou uma desaprovação generalizada da adoção do presidente Trump da Arábia Saudita após o assassinato do jornalista Jamal Khashoggi. (THE NEW YORK TIMES, EUA) https://goo.gl/CheuBK 

GRÉCIA. Grécia em greve não quer mais austeridade. Na chamada do sindicato do setor privado, os funcionários pararam o trabalho ontem. Eles exigem que o governo de Tsipras rompa mais com os cortes. Uma quinzena depois de uma primeira mobilização bem-sucedida no setor público, são os funcionários privados que entram na dança, reunidos por dezenas de milhares em diferentes procissões. (L’HUMANITÉ, França) https://goo.gl/QdW4pv 

FRANÇA. Os "coletes amarelos" estão com mais apoio. No menu do despertar político. os "coletes amarelos" também são geralmente apoiados, independentemente da preferência partidária dos entrevistados: 91% entre os eleitores de Marine Le Pen, 86% entre os de Jean-Luc Mélenchon, 72% entre os de Benoît Hamon, 70% nos de François Fillon e até 52% entre os eleitores Emmanuel Macron. (LE NOUVEL OBSERVATEUR, França) https://goo.gl/tFQthj 

ISRAEL. O governo mais ultra da história de Israel entra em decomposição. Netanyahu está relutante em realizar eleições apesar da renúncia do ministro da Defesa. (EL PAÍS, Espanha) https://goo.gl/myV5vE 

HONDURAS. Caravana a fugir do inferno de Honduras, O êxodo de hondurenhos em um grupo para os EUA torna visível a crise e a violência que o país centro-americano está sofrendo, de onde 300 pessoas escapam por dia. Depois de uma migração invisível, eles decidiram sair juntos para se proteger das máfias. (EL MUNDO, Espanha) https://goo.gl/dUqgak 

HONDURAS. “Não é um desastre natural”: Dana Frank sobre como o golpe apoiado pelos EUA em Honduras alimentou a crise dos imigrantes. (DEMOCRACY NOW, EUA) https://goo.gl/srr9db 

UCRÂNIA. Cenário “Pinochet” na Ucrânia. O presidente Poroshenko usou um confronto com a Rússia para tentar impedir a oposição interna? (THE NATION, EUA) https://goo.gl/tgJrE8

TRUMP. O estado de corrupção em torno de Trump. Os interesses ocultos em seu entorno. O presidente Donald Trump, sua família e seu círculo mais próximo aproveitam o status de poder de que desfrutam. Além dos já evidentes conflitos de interesse do governo, as recentes decisões do presidente afirmam que sua administração não tem sido transparente com o povo. (EL ESPECTADOR, Colômbia) https://goo.gl/dnq6nt 

2 - NOTÍCIAS INTERNACIONAIS SOBRE O BRASIL

RFI, França |
Bolsonaro pratica “política da paranoia” em país com “patologia histórica profunda”, diz psicanalista. Um mês após a eleição de Jair Bolsonaro (PSL) à presidência do Brasil, intelectuais e pesquisadores ainda tentam entender o que levou um povo conhecido internacionalmente por sua cordialidade e alegria a eleger um candidato de extrema direita. Para o psicanalista, ensaísta e professor de Filosofia da Psicanálise na Unifesp Tales Ab’Saber, a própria psicanálise, mas também a filosofia e a literatura podem explicar as contradições de um Brasil em crise de identidade. https://goo.gl/fc32we

RFI, França | Decisão de anular COP25 no Brasil é vista como sinal de retrocesso. A decisão do governo brasileiro de não acolher a próxima cúpula mundial do clima (COP25) em 2019, foi bastante criticada pela imprensa internacional e pelas organizações ambientalistas. Para as ONGs, ao desistir de sediar o evento, o Brasil envia sinais negativos sobre a política ambiental que o país pretende adotar nos próximos anos.  https://goo.gl/yYNwtG 

RFI, França | Escola sem Partido vigia professores e impõe clima tenso nas escolas do Brasil, diz jornal francês. O jornal católico francês La Croix traz nesta quarta-feira (28) uma reportagem de sua correspondente no Rio de Janeiro, Aglaé de Chalus, sobre o debate em torno do projeto Escola sem Partido. "O Brasil prestes a vigiar professores", diz o título, que trata da ofensiva do presidente eleito, Jair Bolsonaro, contra as escolas, que ele acusa de doutrinar os alunos. Já os professores, diz o diário, se preocupam com o clima pesado nas salas de aula. https://goo.gl/fWh8MT

PÁGINA 12, Argentina | Bolsonaro reduziu os ministérios. O presidente eleito do Brasil, Jair Bolsonaro, nomeou três novos ministros ontem com o que já conta com 18 membros. Em sua intenção de reduzir o tamanho do Estado, Bolsonaro fundiu os ministério de Desenvolvimento Social, Esporte e Cultura no Ministério da Cidadania, que será liderado pelo deputado do Movimento Democrático Brasileiro (MDB), Osmar Terra. Ele também fundiu os Ministérios da Integração Nacional e das Cidades no Desenvolvimento Regional. O engenheiro Gustavo Canuto estará encarregado de seu comando. Já o Ministério do Turismo, que mantém as administrações anteriores, será ocupado pelo deputado do Partido da República (PR) Marcelo Álvaro Antonio. https://goo.gl/x7bfEC

LE MONDE, França | Luta contra a mudança climática: o Brasil se recusa a receber a COP25 em 2019. O presidente eleito do Brasil, Jair Bolsonaro, foi duramente criticado durante a campanha de grupos ambientalistas pelo seu programa ambiental. https://goo.gl/T1wfKn

LE NOUVEL OBSERVATEUR, França | As feministas se remobilizam após a eleição de Bolsonaro. As mulheres no Brasil tentavam impedir a eleição de Bolsonaro, que desde então se tornou presidente do país. no Rio de Janeiro, 20 de outubro de 2018. Elas fizeram tudo para impedir sua eleição como chefe do país. Agora que ele está no poder, as feministas continuam lutando. https://goo.gl/cGzDQ2

LA VANGUARDIA, Espanha | Bolsonaro retira oferta do Brasil para sediar a Cúpula do Clima de 2019. 0 Presidente eleito ameaçou durante a campanha sair do Acordo de Paris, embora mais tarde recuasse, mas criticou o pacto porque põe em perigo a soberania nacional. https://goo.gl/Dui7RR

DIÁRIO DE NOTÍCIAS, Portugal | Quatro ministros e o próprio Bolsonaro têm problemas na justiça. Presidente, que também é réu no Supremo, diz confiar nos titulares da Economia, da Casa Civil, da Saúde e da Agricultura. Eventual irregularidade do ministro que é astronauta prescreveu. https://goo.gl/Wvm8be

THE NEW YORK TIMES, EUA | Brasil desiste de sediar reunião sobre mudanças climáticas em 2019. O Brasil foi um ator influente nos esforços para domar o aquecimento do clima e mitigar seus efeitos. Agora está se movendo na direção oposta. https://goo.gl/aw4dnm

3 - ARTIGOS/ENTREVISTAS

Eduardo Febbro – Política, França (Página 12, Argentina): “A rebelião dos ‘jalecos amarelos’” https://goo.gl/ZPoqTm

Jennifer Finney Boylan – Política, EUA (The New York Times, EUA): “Trump, o monstro que se alimenta do medo” https://goo.gl/N45MXE

Conteúdo Relacionado