CM8 Internacional

CM8 Internacional - 30/11/2018

Notícias internacionais sobre o Brasil; Notícias do Mundo; e Artigos

30/11/2018 09:07

A polícia instalou cercas de segurança no centro de Buenos Aires, na quarta-feira antes da reunião do G20 (Martin Bernetti/Agência France-Presse)

Créditos da foto: A polícia instalou cercas de segurança no centro de Buenos Aires, na quarta-feira antes da reunião do G20 (Martin Bernetti/Agência France-Presse)

 
1 - NOTÍCIAS DO MUNDO

CÚPULA DO G-20.
os líderes mundiais podem encontrar unidade - ou é simplesmente uma exibição? Agora em seu décimo ano, um fórum destinado a garantir a governança global tornou-se um palco para líderes cada vez mais populistas. Este ano será na Argentina. Os líderes das 20 maiores economias do mundo convergem para Buenos Aires na sexta-feira em busca de um consenso sobre os fluxos globais de comércio e investimento - em um momento em que esse consenso tem sido cada vez mais difícil de ser obtido. (THE GUARDIAN, Inglaterra) https://goo.gl/Zud2BW 

CÚPULA DO G-20. Donald Trump vai ao G20 na Argentina sob tensão. Após o cancelamento de várias reuniões, o G20 do presidente americano deve ser resumido na entrevista marcada para o sábado com seu colega chinês, Xi Jinping. Donald Trump não gosta das reuniões de cúpula multilaterais, onde os Estados Unidos estão agora isolados em questões relacionadas com o meio ambiente ou com o comércio livre. (LE MONDE, França) https://goo.gl/edM1Kx 

CÚPULA DO G-20. À margem da cúpula do G20, vários conflitos para desarmar. Reuniões bilaterais sob alta tensão se multiplicarão por ocasião do G20 em Buenos Aires. Entre eles dos EUA com a China e dos EUA com a Rússia. (LES ECHOS, França) https://goo.gl/KMpKc6 

ARGENTINA. Onda de repúdio da decisão judicial. Organizações de Direitos Humanos criticaram o fechamento do caso pela morte de Santiago Maldonado. Mães e avós da Plaza de Mayo, HIJOS, CELS e APDH, entre outras, apontaram a ministra da Segurança, Patricia Bullrich, e alertaram sobre as consequências da decisão. Eles exigiram que os culpados fossem encontrados e punidos. (PÁGINA 12, Argentina) https://goo.gl/KPmymy 

ARGENTINA. A Argentina já viu o G-20 como uma chance de brilhar. Más notícias estão no caminho. Quando os planos foram feitos pela primeira vez para a Argentina sediar os chefes de Estado das principais economias do mundo na reunião desta semana do G20, o governo viu o encontro como uma oportunidade de ouro para retratar a Argentina como um país próspero e estável. Mas quando os líderes mundiais chegarem a Buenos Aires na sexta-feira, eles encontrarão um país que se recupera de uma grave recessão e está abalado por uma série recente de incidentes de segurança. (THE NEW YORK TIMES,EUA) https://goo.gl/vARLf3 

VENEZUELA. Cúpula de falcões que sobrevoam a Venezuela. Bolsonaro e Bolton coordenaram ações contra o regime de Maduro. O presidente eleito do Brasil, Javier Bolsonaro, disse que na conversa que teve ontem no Rio de Janeiro com o conselheiro de segurança nacional dos EUA, Jon Bolton, eles discutiram medidas para lidar com a crise na Venezuela. "Temos que procurar soluções para a Venezuela. Você tem que tomar medidas ", disse o líder de direita, mas não especificou quais medidas devem ser tomadas. (PÁGINA 12, Argentina) https://goo.gl/nA1idC 

EUA. Michael Cohen dá um passo crítico para Mueller, que expõe Trump a um novo risco. Um Trump agitado tentou minimizar o acordo de seu ex-assessor com os promotores - mas os especialistas o chamam de "potencialmente muito significativo". Um acordo anunciado na quinta-feira entre Michael Cohen, o advogado pessoal de longa data e quebra galho de Donald Trump, e promotores federais deixou o presidente e sua família vulneráveis a novos riscos legais e poderia representar um dos avanços mais significativos até agora no trabalho de especial. conselho Robert Mueller, analistas jurídicos, disse. (THE GUARDIAN, Inglaterra) https://goo.gl/k67NnP 

EUA. O Trumpismo ameaça o crescimento mundial. À medida que a cúpula dos Vinte se abre em Buenos Aires, as nuvens se acumulam sobre uma economia oscilante, ameaçada pelo dumping fiscal e pela guerra comercial de Trump. (L’HUMANITÉ, França) https://goo.gl/LPdmpX 

EUA. "Individuo 1": Trump surge como o sujeito central da investigação de Mueller. Em dois grandes desenvolvimentos esta semana, o Presidente Trump foi rotulado no jargão das investigações criminais como um assunto importante de interesse, completo com um nome de código legal opaco: "Individual 1." Novas evidências de duas frentes separadas do conselho especial Robert S Mueller. A investigação lança novas dúvidas sobre a versão de Trump dos principais eventos envolvendo a Rússia, sinalizando potencial perigo político e legal para o presidente. (THE WASHINGTON POST, EUA) https://goo.gl/j8bh1E 

EUA E CHINA. EUA e China buscam acordo para aliviar as tensões comerciais. Washington adiaria novas tarifas e os dois lados discutiriam grandes mudanças na política econômica chinesa sob o acordo. (THE WALL STREET JOURNAL, EUA) https://goo.gl/tDXq3k 

ARÁBIA SAUDITA. Quem vai apertar as mãos do herdeiro saudita Mohammed bin Salman, apelidado de "MBS"? Quebra-cabeça no topo do G20. Exibir-se ao lado do príncipe saudita é um pesadelo para alguns dos líderes reunidos nesta sexta-feira e sábado na Argentina. (TRIBUNE DE GENÈVE) https://goo.gl/2kSHjg 

ALEMANHA. A sede do maior banco alemão, o Deutsche Bank, em Frankfurt, foi alvo de buscas. As investigações têm como alvo, em particular, dois funcionários mas também outros dirigentes da entidade bancária. São acusados de terem participado na lavagem de capitais e também por não o terem denunciado. A investigação começou a tomar forma depois de terem sido avaliados, pela polícia de Investigação criminal, dados divulgados no âmbito de denúncias como as lançadas nos “Panama Papers”. (EURONEWS, Portugal) https://goo.gl/ggug3n 

FRANÇA. Com os "coletes amarelos", alianças inéditas. "Coletes amarelos", sindicatos, movimentos antiracistas, estudantes, todos chamam para demonstrar sábado, 1 de dezembro, em Paris. Mas se esse dia os fizer convergir, os vários componentes desse movimento social estão longe de concordar. 1º de dezembro em Paris: todos demonstram, mas nem todos juntos. (MEDIAPART, França) https://goo.gl/fnE992 

2 - NOTÍCIAS INTERNACIONAIS SOBRE O BRASIL

ESQUERDA.NET, Portugal |
Governador do Rio de Janeiro detido por alegado envolvimento em casos de corrupção. Luiz Fernando Pezão, governador do estado do Rio de Janeiro, foi detido esta quinta-feira no âmbito da operação Lava Jato, que investiga esquemas de corrupção na Petrobras e em órgãos públicos do Brasil. https://goo.gl/KxQCpY

LE MONDE, França | Aproximação entre a administração Trump e o presidente brasileiro Bolsonaro. John Bolton afirmou ter tido uma "discussão muito produtiva sobre muitos assuntos" com Jair Bolsonaro e sua equipe. O conselheiro de segurança nacional da Casa Branca reuniu-se quinta-feira, 29 de novembro, no Rio com Jair Bolsonaro, primeiro entre os Estados Unidos e os Estados Unidos. eleito presidente de extrema direita do Brasil. https://goo.gl/emkuFH

LE MONDE, França Brasil: Governador do Rio de Janeiro preso por suspeita de corrupção. Luiz Fernando Pezão teria recebido subornos de 40 milhões de reais (entre 9 milhões de euros) entre 2007 e 2015, segundo a Polícia Federal, que o prendeu na quinta-feira. https://goo.gl/nYGx8Q

EL PAÍS, Espanha | Bolsonaro fortalece laços com a administração Trump. O presidente eleito do Brasil se reúne no Rio de Janeiro com o secretário de Segurança Nacional dos EUA. Com uma saudação militar e um nervoso silêncio, como se não quisesse arranhar um inglês diante das câmeras, o presidente eleito do Brasil, Jair Bolsonaro, recebeu ontem o secretário de Segurança dos Estados Unidos, John Bolton. https://goo.gl/Z6Pb7x

SPUTNIK NEWS, Rússia | Vitória de Bolsonaro desmontou o sistema político. Essa é a opinião do cientista político Paulo Baía, da UFRJ – Universidade Federal do Rio de Janeiro. Pesquisa “Beyond Populism? Revisited – Global Advisor”, da organização internacional Ipsos, realizada em 24 países, aponta que o Brasil lidera o ranking de países com maior percepção de declínio: 7 em cada 10 brasileiros (67%) concordam com essa concepção. Além disso, 64% dos entrevistados no Brasil pensam que os partidos e políticos tradicionais não se importam com a população. Os resultados dessa pesquisa, realizada em junho e julho deste ano, explicariam, pelo menos parcialmente, a eleição de Jair Bolsonaro. https://goo.gl/3bxGgD

DIÁRIO DE NOTÍCIAS, Portugal | Bolsonaro recebe assessor de Trump com uma continência e um café. John Bolton, conselheiro de Segurança Nacional dos EUA, esteve reunido com o presidente eleito no Rio de Janeiro. Convidou-o para um encontro com Trump. https://goo.gl/xZ9psT

EL TELÉGRAFO, Equador | Justiça brasileira decidirá novo pedido de liberdade de Lula. A Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal analisará na próxima terça-feira, 4 de dezembro, um novo pedido de liberdade solicitado pela defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, preso por suposta corrupção desde abril passado. https://goo.gl/p4m9z1

THE CLINIC, Chile | Bolsonaro diz que não vai colocar o exército nas ruas ... sem respaldo jurídico. https://goo.gl/BngRrf

EL PAÍS, Uruguai | Macron esfria o acordo com o Mercosul e aguarda Bolsonaro. O presidente francês disse que eles não estão em posição de fechar o acordo de livre comércio. https://goo.gl/cYaZhX

3 - ARTIGOS/ENTREVISTAS

Nicos Georgiou – Economia Política, União Europeia (Esquerda.net, Portugal): “O acordo de May para o Brexit vai sobreviver? A teoria dos jogos tem uma resposta” https://goo.gl/zf3GR9

Martin Wainfeld – Direitos Humanos, Argentina (Página 12, Argentina): “Outra vez, a injustiça federal” https://goo.gl/qGXow8

The Guardian, Editorial – Redes Sociais (The Guardian, Inglaterra): “A visão do The Guardian sobre o Facebook de Zuckerberg: regule-a como uma empresa de mídia”. https://goo.gl/8aM6y4

Paul Krugman – Política, EUA (The New York Times, EUA): “Quando a fantasia do MAGA (Make America Great Again) encontra a realidade do ‘cinturão da ferrugem’ – Trump não pode liderar o país berrando para o povo.” https://goo.gl/9Bvqk9

Robert Fisk – Pelo Mundo, Oriente Médio (The Independent, Inglaterra): “Ditadores do Oriente Médio sempre acabam trazendo seus aliados ocidentais para baixo - e agora eles têm suas engrenagens na Casa Branca” https://goo.gl/CMTb97

Alexis Spire – Economia Política, França (Le Monde Diplomatique, França): “Nas raízes da cólera contra o imposto – as classes populares e a injustiça fiscal” https://goo.gl/K4gUWx

George Monbiot – Meio Ambiente (Democracy Now, EUA): “É necessário acabar com o consumo de carne e laticínios para evitar os piores impactos da mudança climática” https://goo.gl/af6xWr



Conteúdo Relacionado