CM8 Internacional

CM8 Internacional - 31/01/2019

Notícias internacionais sobre o Brasil; Notícias do Mundo; e Artigos

31/01/2019 08:15

(AP)

Créditos da foto: (AP)

 
1 - NOTÍCIAS INTERNACIONAIS SOBRE O BRASIL

THE GUARDIAN, Inglaterra |
Permissão para Lula participar do funeral do irmão chega tarde demais. O irmão de Lula, Genival Inácio da Silva, morreu na terça-feira de câncer. A defesa de Lula entrou com um pedido na justiça horas depois pedindo permissão para ele participar do funeral. Na quarta-feira, o juiz do Supremo Tribunal do Brasil concedeu licença temporária ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva para visitar o corpo de seu irmão recentemente falecido. Mas a decisão chegou tarde demais para que Lula comparecesse ao funeral, pois seu irmão já estava prestes a ser enterrado. https://goo.gl/kCR4YZ 

PÁGINA 12, Argentina | Lula não pôde comparecer ao funeral do irmão. A Polícia Federal e a Justiça Federal lhe negaram permissão para sair temporariamente no Brasil. Vinte minutos antes de Vavá ser enterrado, o presidente da Suprema Corte autorizou a saída do ex-presidente para ver sua família, apesar de não comparecer ao funeral. Incapaz de comparecer à cerimônia, Lula desistiu de viajar. https://goo.gl/ZQ97PH

ESQUERDA.NET, Portugal | Manifesto internacional “Queremos Jean Wyllys vivo”. Ante os sinais de que “a democracia no Brasil está em risco e que a violência ganhou contornos absolutamente inadmissíveis”, centenas de personalidades e organizações lançaram um manifesto solidário com os defensores dos direitos humanos no país. https://goo.gl/YdPpGZ

EL DIÁRIO, Espanha | Jair Bolsonaro, mais de quinze anos defendendo e legitimando as milícias paramilitares. O presidente brasileiro, mesmo em vários discursos no parlamento, sempre mostrou conivência com os grupos de extermínio. Amizades perigosas com militantes o deixam e a seu filho Flávio em uma posição muito complicada neste começo da legislatura https://goo.gl/T8sa6g

THE WALL STREET JOURNAL, EUA | Acidente mortal na mina do Brasil coloca barragens de resíduos na alça de mira. O colapso mortal levanta questões sobre se as empresas de mineração estão gastando o suficiente para construir e manter barragens de água e rejeitos. Número de mortos já chega a 99 e teme-se que atinja 300. https://goo.gl/g7pe3Whttps://goo.gl/2ZyLy9

EMOL, Chile | Lula desiste de sair da prisão para o funeral de seu irmão por receber uma permissão legal já ultrapassada no tempo. "Eles não me deixaram dizer adeus a Vavá por pura maldade", disse o ex-presidente, que não pôde comparecer à cerimônia por causa do atraso da resolução. https://goo.gl/4noCdj e https://goo.gl/xUpyTx

LA JORNADA, México | Negaram a Lula autorização para assistir o funeral de seu irmão. https://goo.gl/xL7GTv

EL DESCONCIERTO, Chile | As contradições da justiça brasileira para impedir que Lula atenda ao funeral de seu irmão. Embora seja um direito, o pedido de defesa do ex-presidente foi negado pelos tribunais inferiores da justiça brasileira, em uma série de decisões polêmicas. Ela havia negado o comparecimento de Lula ao enterro de seu amigo Sigmaringa Seixas alegando que essa autorização era restrita a parentes. Mas para os funerais de seu irmão ela também foi negada. https://goo.gl/3thSoi

EL PAÍS, Uruguai | Lula se recusou a deixar a prisão para ver sua família após a morte de seu irmão. O ex-presidente do Brasil pediu permissão para ir até o velório, mas foi rejeitado. Ele foi autorizado a uma reunião com sua família num quartel, mas recusou e acusou a perseguição política de que é vítima. https://goo.gl/jxAdKL

DIÁRIO DE NOTÍCIAS, Portugal | Autorização para Lula sair só chega depois do funeral do irmão. Decisão inicial do Supremo Tribunal Federal previa presença no enterro mas só foi tornada pública já depois do sepultamento de Genival da Silva, o que levou Lula a recusar viajar. Então Lula recusou viajar após essa autorização https://goo.gl/sXtTeV https://goo.gl/UftyQw https://goo.gl/G3iCjb 

PÚBLICO, Portugal | Só deixaram Lula ir ao funeral do irmão um dia depois de ser enterrado. Instâncias judiciais inferiores tinham negado a saída do antigo Presidente brasileiro da prisão. Mas Lula recusou ir, pois o irmão já fora sepultado. https://goo.gl/QpwjjF

TRIBUNE DE GENÈVE, Suíça | A conta da catástrofe cresce. As equipes de resgate brasileiros encontraram mais corpos, levando a tragédia do ruptura da barragem a já 99 mortos.  https://goo.gl/yyEyRZ

EL ESPECTADOR, Colômbia | Lula, a quem foi negada autorização para comparecer ao funeral de seu irmão morto no dia anterior, mas teve permissão para se encontrar com sua família em um quartel militar em São Paulo, preferiu permanecer em sua cela na sede da Polícia Federal no cidade de Curitiba. https://goo.gl/rmPa4C

2 - NOTÍCIAS DO MUNDO

EUA e VENEZUELA
. A ação dos EUA para sacar Maduro da Venezuela assinala a primeira marca no plano de reconfigurar a América Latina. O objetivo mais amplo da administração Trump é ganhar influência sobre Cuba e conter as recentes incursões na região pela Rússia, Irã e China. (THE WALL STREET JOURNAL, EUA) https://goo.gl/KrvMZ9 

VENEZUELA. Evo Morales advertiu que a ameaça dos EUA para a Venezuela é para toda a América Latina. (LA JORNADA, México) https://goo.gl/aVPfYC 

VENEZUELA. Um protesto esquálido. A concentração antiChávez foi muito menor que o esperado. A praça Altamira, uma fortaleza da oposição, reuniu milhares de manifestantes. Guaidó foi visto no Hospital Central da Universidade. (PÁGINA 12, Argentina) https://goo.gl/H8Mhjh 

VENEZUELA. Mujica: soam os tambores de guerra na Venezuela. Pepe Mujica mostrou-se pessimista com a situação na Venezuela, onde vê um regresso ao pior passado de intervencionismo norte-americano. Mas também criticou o governo venezuelano. Para o ex-presidente uruguaio, o mais importante, e difícil, é evitar a guerra. (ESQUERDA.NET, Portugal) https://goo.gl/pN7jYR 

VENEZUELA. Trump presume que a pressão dos EUA já forçou Maduro a negociar. O presidente dá seu "apoio total" a Guaidó em conversa telefônica. (EL PAÍS, Espanha) https://goo.gl/r2Um7h 

VENEZUELA. México e Uruguai convocam uma cúpula de países "neutros" sobre a situação na Venezuela. A reunião ocorrerá em 7 de fevereiro em Montevidéu e busca "estabelecer as bases para estabelecer um novo mecanismo de diálogo" que ajude a "restaurar a estabilidade e paz "no país caribenho. (EMOL, Chile) https://goo.gl/w22T6t 

MÉXICO. O estilo AMLO revoluciona a presidência mexicana. Andres Manuel Lopez Obrador está à caça das despesas do executivo e pretende "pacificar o país". Oito em cada dez mexicanos apoiam. (LE MONDE, França) https://goo.gl/GTLYjK 

ESPANHA. Vox, Espanha e a deriva da Europa. Para uma grande parte da classe política europeia, parece que esta situação de desamor pela Europa não tem responsáveis concretos. E que a crise econômica caiu do céu pela força dos deuses e que a situação da ascensão do nacionalismo e do crescimento da extrema direita seria resolvida com o apelo a uma refundação do projeto europeu iluminado. (EL DIÁRIO, Espanha) https://goo.gl/ETYVhF 

AFEGANISTÃO. Guerra sem fim. Uma visita com os talibãs no Afeganistão. Mais de 17 anos após a invasão do Afeganistão, liderada pelos EUA, o país ainda está em guerra. O exército afegão está fraco, o ressurgente Taleban está montando novos ataques e novas negociações de paz não incluem Cabul. A paz continua sendo um objetivo distante. (DER SPIEGEL, Alemanha) https://goo.gl/s9QHDg 

CHILE. Seis colaboradores de Pinochet foram condenados pelo assassinato de Frei. Um juiz chileno sentenciou seis colaboradores da ditadura de Augusto Pinochet a três a dez anos de prisão por sua responsabilidade no assassinato do ex-presidente Eduardo Frei Montalva em 1982. Depois de mais de 15 anos de investigação, o juiz Alejandro Madrid decidiu condenar os seis acusados por "simples homicídio por envenenamento” após uma intervenção cirúrgica em 1982, em meio à ditadura. (LA JORNADA, México) https://goo.gl/iDssL6 

PORTUGAL
. Ciberguerra: antifascistas e neonazis em escalada de tensão. Na véspera da manifestação em defesa de Salazar e do contraprotesto de organizações antifascistas, em Lisboa, os dois lados cantam vitórias na internet e contam as páginas e perfis no Facebook que conseguiram mandar abaixo ao "inimigo". (DIÁRIO DE NOTÍCIAS, Portugal) https://goo.gl/fqKcs2 

ISRAEL. A Anistia Internacional pede que as principais empresas de turismo digital do mundo terminem as listagens com assentamentos israelenses. Pedem para que parem de listar hotéis e atrações israelenses na Cisjordânia e Jerusalém Oriental foi ferozmente atacada como antisemita na quarta-feira por líderes israelenses, que disseram ser outra tentativa de negar a herança judaica e deslegitimar Israel. (THE WASHINGTON POST, EUA) https://goo.gl/CEAFjX 

3 - ARTIGOS/ENTREVISTAS


Eric Nepomuceno – Política, Brasil (Página 12, Argentina): “Carrascos perversos covardes” https://goo.gl/DJeSk8

Eric Toussant – Pelo Mundo, Venezuela (Esquerda.net, Portugal): “Macron, Sánchez, Merkel e May não têm o direito de lançar um ultimato à Venezuela” https://goo.gl/yY7fYu

Adam H. Johnson – Pelo Mundo, EUA e América Latina (Truthdig, EUA): “Seu guia completo ao apoio do jornal The New York Times aos golpes apoiados pelos Estados Unidos na América Latina” https://goo.gl/hMEAKb

Conteúdo Relacionado