CM8 Internacional

Clipping Internacional - 02/12/2019

Notícias internacionais sobre o Brasil; Notícias do Mundo; e Artigos

02/12/2019 11:22

(Ueslei Marcelino/Reuters)

Créditos da foto: (Ueslei Marcelino/Reuters)

 

1 - NOTÍCIAS INTERNACIONAIS SOBRE O BRASIL

LEONARDO DI CAPRIO
. E o ator cruzou com Bolsonaro. O presidente o acusou de financiar incêndios na Amazônia. Em um comunicado publicado em sua conta oficial no Instagram, o ator reagiu às declarações de ontem de Bolsonaro, que acusou organizações não-governamentais e ativistas ambientais de estarem por trás dos recentes incêndios na Amazônia e disse que DiCaprio havia lhes dado dinheiro para isso. Ele acrescentou: "Eu continuo comprometido em apoiar as comunidades indígenas brasileiras, governos locais, cientistas, educadores e o público em geral que trabalham incansavelmente para proteger a Amazônia com o futuro de todos os brasileiros em mente". (Página 12, Argentina) | tinyurl.com/vto7ea3

BOLSONARO
. Bolsonaro quer que militares tenham licença para matar. Bolsonaro sugere a possibilidade de legislar para que militares possam ser chamados para conter manifestações sem terem de responder criminalmente pelos seus atos. Ministro da Economia rememora ditadura militar. (Esquerda.net, Portugal) | tinyurl.com/vzfsjrc

ESTADO POLICIAL.
Nove mortos, pisoteados em uma batida policial durante uma festa em uma favela em São Paulo. Os agentes invadiram uma enorme dança funk de manhã cedo para deter dois suspeitos que haviam atirado. Nove pessoas que participaram de uma festa do funk em uma favela em São Paulo foram pisoteadas na manhã de domingo, quando a polícia começou a perseguição de dois suspeitos que se misturaram na multidão para fugir dos agentes. Os mortos são sete homens adultos, um adolescente de 14 anos e uma mulher. (El País, Espanha) | tinyurl.com/s4kzjtw

LEONARDO DI CAPRIO
. Acusado por Bolsonaro de ser cúmplice dos incêndios na Amazônia, DiCaprio o refuta. Ele é o novo alvo do presidente brasileiro. Leonardo DiCaprio negou as acusações de Jair Bolsonaro de que apoiaria organizações acusadas pela polícia brasileira de provocar incêndios na Amazônia. "Embora eles certamente mereçam apoio, não financiamos organizações que são denunciadas agora", disse o ator norte-americano de 45 anos, ativista da defesa do meio ambiente, em comunicado no sábado. na imprensa brasileira. (L’Express, França) | tinyurl.com/r7jgdbp

BOLSONARO
. Bolsonaro quer ter militares nas ruas com licença para matar. O Presidente brasileiro e alguns ministros multiplicam acenos à ditadura, sugerindo a possibilidade de legislar para poderem chamar militares para conter manifestações e dispersar ocupações de terras. (Público, Portugal) | tinyurl.com/veyw6mc

ESTADO POLICIAL
Intervenção da polícia em festa em São Paulo provoca a morte de nove pessoas. Pelo menos nove pessoas ficaram esmagadas e sete ficaram feridas na madrugada deste domingo, quando dois suspeitos armados se infiltraram num baile funk e a polícia respondeu aos tiros dos suspeitos. A intervenção aconteceu durante um baile funk, populares entre as comunidades suburbanas do Brasil, realizada em Paraisópolis, uma das maiores favelas de São Paulo, onde vivem cerca de 100 mil pessoas, segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. É uma das maiores favelas brasileiras. (Público, Portugal) | tinyurl.com/vnn9bc9

ESTADO POLICIAL.
Nove pessoas morrem esmagadas durante intervenção policial em festa de S. Paulo. Pelo menos nove pessoas morreram esmagadas e sete ficaram feridas durante uma intervenção da polícia numa grande festa na favela de Paraisópolis, em São Paulo, Brasil, anunciou a polícia local. A intervenção aconteceu durante uma festa de 'funk', uma dança popular entre as comunidades suburbanas do Brasil, realizada em Paraisópolis, uma das maiores favelas de São Paulo, onde vivem mais de 55.000 pessoas. Segundo o boletim de ocorrências da polícia, os agentes estavam a perseguir duas pessoas que se deslocavam de motorizada em Paraisópolis, quando estes dispararam contra a polícia e fugiram para o meio da festa, onde se encontravam mais de 5.000 pessoas. (Diário de Notícias, Portugal) | tinyurl.com/t49gasm

ESTADO POLICIAL
. Ex-assessora de Marielle diz que elite do Rio de Janeiro aprova retórica violenta de Witzel. A deputada brasileira e ex-assessora de Marielle Franco, Mónica Francisco, disse em entrevista à Lusa que a elite da sociedade do Rio de Janeiro, que vive longe das favelas, compactua com a retórica violenta do Governador Wilson Witzel. (Diário de Notícias, Portugal) | tinyurl.com/uejb8fl

ESTADO POLICIAL
. Nove pessoas morreram pisoteadas em uma dança funk em uma favela. A entrada da polícia militar levou ao pânico e a corrida. Várias versões circularam sobre o que aconteceu no início da manhã de ontem na favela de Paraisópolis, em São Paulo, durante uma dança funk nas ruas que reuniu mais de 5.000 pessoas. A Polícia Militar disse que ele estava na área perseguindo dois suspeitos de terem cometido um crime, que, além disso, atirou nele. Os homens começaram a dançar e os policiais os seguiram, mas, de acordo com sua versão, foram recebidos com pedras e garrafas, às quais responderam atirando gás lacrimogêneo e balas de borracha. (La Diária, Uruguai) | tinyurl.com/u3ljzz9

ESTADO POLICIAL
. Nove mortos após perseguição policial na favela. (La Jornada, México) | tinyurl.com/vnw445j

ESTADO POLICIAL
. Bolsonaro ameaça governar por um apoio militar. Primeiro, seu filho Eduardo disse que "se a esquerda radicalizar", eles poderiam refletir a AI-5 de 1968, o que eliminava as garantias constitucionais. Então o ministro da Economia voltou-se para a mesma figura. O medo do contágio regional e o fator Lula livre. (El Tiempo Argentino, Argentina) | tinyurl.com/uor3ah7

2 - NOTÍCIAS DO MUNDO

VENEZUELA
. Suspeita de corrupção no entorno de Juan Guaidó. Suspeitas de corrupção pesam sobre deputados próximos a Juan Guaidó, enfraquecendo a estratégia do chefe da oposição venezuelana para afastar o presidente socialista Nicolas Maduro. (La Presse, Canadá) | tinyurl.com/wfkjygf

VENEZUELA.
Colaboradores próximos de Guaidó suspeitos de corrupção. Nove parlamentares da oposição intervieram a favor de um empresário colombiano alvo de sanções dos EUA, segundo uma investigação da mídia venezuelana. (Tribune de Genève, Suíça) | tinyurl.com/wuh63ka

ARGENTINA
. Macri: despedida com uma última rodada de aumentos. Voltaram a subir a gasolina e nos supermercados as remarcações não param. Depois de iniciar a administração dizendo que combater a inflação seria uma tarefa fácil, o presidente Mauricio Macri deixa o governo, acrescentando cada vez mais combustível ao aumento dos preços. As companhias de petróleo anunciaram no domingo um novo aumento de até 6,5% no valor dos combustíveis e em apenas um mês o aumento chega a 17,8%. (Página 12, Argentina) | tinyurl.com/ugmwy89

ALEMANHA
. Críticos de coligação com Merkel lideram o Partido Social Democrata, SPD. Candidatos que se opõem a continuar na aliança com o partido de Merkel vencem as eleições do Partido Social Democrata, derrotando aliados da chanceler alemã. O resultado deixa dúvidas quanto ao futuro do governo. (Esquerda.net, Portugal) | tinyurl.com/uyforj2

ALEMANHA
. A extrema direita alemã fornece oxigênio para sua ala mais radical com um jovem líder da região oriental. A “Alternativa para a Alemanha” (AfD) decide dar a copresidência a um representante da região onde o partido é mais forte. (El País, Espanha) | tinyurl.com/uu6jrkz

MÉXICO
. Os problemas aumentam, mas os mexicanos mantêm a fé em seu presidente. Com um ano de mandato, o presidente Andrés Manuel López Obrador enfrenta uma economia estagnada e uma violência crescente, mas os mexicanos continuam depositando suas esperanças nele. (The New York Times, EUA) | tinyurl.com/qtxa4ju

MÉXICO
. Um tiroteio entre a polícia e supostos narcotraficantes deixa pelo menos 21 mortos no México. Os mortos no confronto na cidade de Villa Unión são 17 civis armados, supostos pistoleiros do Cartel do Noroeste e quatro agentes. (El País, México) | tinyurl.com/qo2kbob

CÚPULA DO CLIMA
. O mundo se joga na Cúpula de Madri que não dilui a luta contra a crise climática. A renúncia do Chile espalhou o medo de que a pressão para interromper o aquecimento global fosse quebrada enquanto o presidente dos EUA torpedeia o Acordo de Paris. Um problema, Austrália, Brasil, Japão ou Rússia chegam a Madri freando a ação contra as mudanças climáticas: ninguém está no caminho de cumprir seus compromissos em 2020, segundo a ONU. A demanda social que pede para acelerar as ações entra em conflito com a natureza do COP, que só avança com base em consenso. (El Diário, Espanha) | tinyurl.com/tn4off8

CÚPULA DO CLIMA
. Clima, a Conferência Mundial abre em Madri. A ONU: "Estamos perto do ponto sem volta". A cúpula das Nações Unidas reúne negociadores de quase 200 países na capital espanhola até 13 de dezembro. Greta Thunberg também é esperado. O secretário-geral da ONU, Antonio Guterres: “Para interromper o aquecimento global os atos até agora são completamente insuficientes”. (La Repubblica, Itália) | tinyurl.com/tvgkyun

3 - ARTIGOS/ENTREVISTAS

Eric Nepomuceno – Brasil (Página 12, Argentina) | “Bolsonaro, insuperável no Brasil” | tinyurl.com/wmmpqxn

George Monbiot
– Reino Unido (The Guardian, Inglaterra) | “Um voto pelo planeta significa um voto nos Trabalhistas ou nos Verdes” | tinyurl.com/v3qwruy

Evo Morales, entrevista
– Bolívia (Página 12, Argentina) | “Se sirvo mais à Bolívia preso, retorno” | tinyurl.com/yx2b3t8x

Eduardo Aliverti –
Argentina (Página 12, Argentina) | “E se dizem republicanos....” | tinyurl.com/ugpkztc

Robert Fisk
– Israel (The Independent, Inglaterra) | “O relatório da ONU de Michael Lynk sobre os assentamentos israelenses fala a verdade - mas o mundo se recusa a ouvir” | tinyurl.com/qmnk4sr


Conteúdo Relacionado