CM8 Internacional

Clipping Internacional - 03/11/2019

Notícias internacionais sobre o Brasil; Notícias do Mundo; e Artigos

03/11/2019 09:50

 

 
1 - NOTÍCIAS INTERNACIONAIS SOBRE O BRASIL

LULA
. O Brasil "precisa de mais democracia e não menos". Dessa forma, ele respondeu à ameaça que o filho de Jair Bolsonaro, deputado Eduardo Bolsonaro, fez para tomar medidas usadas pela ditadura no Brasil "se a esquerda for radicalizada como no Chile". As declarações de Eduardo geraram uma ampla rejeição no Brasil. De fato, até o pai o criticou. No final, Bolsonaro Júnior teve que sair para pedir desculpas. Ele também aproveitou a oportunidade para criticar a política econômica que o presidente do Brasil está levando: “Bolsonaro fala besteira para confundir enquanto o ministro da Economia, Paulo Guedes, vende o país”. (Página 12, Argentina) | bit.ly/2Ncc7di

DERRAMAMENTO DE ÓLEO
. Um navio de bandeira grega que transportava petróleo venezuelano foi a fonte de um derramamento de óleo que atingiu milhares de quilômetros de costa nos últimos dois meses, anunciaram os investigadores brasileiros O procurador-geral do Brasil disse que o país buscará danos no caso, que manchou praias tropicais ao longo de 2.500 km de costa com uma lama espessa, prejudicando as comunidades de turismo e pesca na região mais pobre do nordeste. A polícia federal também realizou mandados de busca em escritórios no Rio de Janeiro vinculados a duas empresas com relações comerciais com o operador do navio. (The Guardian, Inglaterra) | bit.ly/2N9Pp5m

DERRAMAMENTO DE ÓLEO. Governo brasileiro agiu “tarde demais” contra poluição no litoral do Nordeste, critica Libération. A maioria dos jornais franceses não teve edição nesta sexta-feira (1°), Dia de Todos os Santos e feriado na França. Uma das exceções é o jornal Libération, que publica uma grande reportagem sobre as manchas de óleo nas praias do Nordeste brasileiro, com o titulo: “A maré negra“. (RFI, França) | bit.ly/2PIixCl

DERRAMAMENTO DE ÓLEO.
Petroleira grega nega envolvimento com mancha de petróleo que polui o litoral do Nordeste do Brasil. A empresa gestora Delta Tankers Ltd, do petroleiro grego Bouboulina, "principal suspeito", segundo autoridades brasileiras, pelo vazamento de petróleo no litoral nordeste do país, negou neste sábado (2) estar envolvida na poluição. (RFI, França) | bit.ly/2JFFum3

BOLSONARO
. Bolsonaro emula Trump e manda cancelar assinaturas do governo no principal jornal do Brasil. O ataque do presidente brasileiro à Folha de S. Paulo ocorre dois dias depois que ele avisou o canal de televisão Globo que ele pode ter dificuldade em renovar sua licença. (El País, Espanha) | bit.ly/2JKnoPO

BOLSONARO. Filho de Bolsonaro cita exemplo do Chile para justificar autogolpe no Brasil. O deputado Eduardo Bolsonaro falou em uma entrevista para um canal do YouTube sobre os eventos no Chile nas últimas semanas, catalogando-os como "atos terroristas da esquerda internacional" e justificou que seu pai recebesse mais poderes autoritários no caso de algo semelhante ocorresse no Brasil. (El Desconcierto, Chile) | bit.ly/2C8Ptfs

BOLSONARO. “O peixe é inteligente. Quando vê uma mancha de petróleo, foge”. Bolsonaro diz que consumo é seguro. Jorge Seif Júnior, secretário de Estado da Aquicultura e Pesca de Bolsonaro, garantiu que “inúmeros testes” comprovam que animais da zona afetada pelo derrame de petróleo no Nordeste do Brasil não foram contaminados. Especialistas aconselham cautela. (Público, Portugal) | bit.ly/2JKavoY

BOLSONARO. Bolsonaro diz que "alimentou" incêndios na Amazônia. O presidente brasileiro pareceu assumir sua parte de responsabilidade nos incêndios que devastaram parte da floresta amazônica, enquanto relativizava sua importância. (Le Parisien, França) | bit.ly/36vznuc

BOLSONARO
. Jair Bolsonaro chegando ao encontro no Palácio do Planalto em Brasília. O deputado federal David Miranda (PSOL-RJ) afirmou neste sábado (2) que iniciará negociações para um pedido de impeachment do presidente do Brasil, Jair Bolsonaro (PSL). Segundo publicou em sua conta no Twitter, o deputado federal pretende negociar ao longo da semana junto ao seu partido e os líderes da oposição a proposta de impedimento do presidente brasileiro. (Sputnik News, Rússia) | bit.ly/33bKAOL

ARÁBIA SAUDITA
. Após um tour internacional, o presidente Jair Bolsonaro voltou do Oriente Médio com uma promessa de investimento de US$ 10 bilhões da Arábia Saudita. A quantia, todavia, é 10 vezes menor do que o prometido à Índia. A quantia, contudo, é inferior aos US$ 100 bilhões prometidos à Índia, que já tem acordado o investimento de US$ 35 bilhões naquela que promete ser a maior refinaria de petróleo do mundo. O primeiro-ministro indiano, Nerenda Modi, também esteve na Arábia Saudita ao mesmo tempo que Bolsonaro. (Sputnik News, Rússia) | bit.ly/2WAXrHJ

AMAZÔNIA. Na Amazônia, o fogo rouba a respiração, mas a fumaça cheira a dinheiro. Os milhares de incêndios para deixar a terra limpa para o gado na floresta úmida brasileira é vista amplamente como um desastre ambiental. (The New York Times, EUA) | nyti.ms/2qkOYvW

AMAZÔNIA. Prosperar sem destruir a Amazônia. Em Mamirauá, a primeira reserva concebida para preservar essa região de natureza selvagem e, ao mesmo tempo, para hospedar população, a experiência mostra que é possível prosperar sem desmatar e queimar a selva. (El Periódico, Espanha) | bit.ly/33bTag5

MARIELLE FRANCO
. 599 dias e a mesma pergunta: quem mandou matar a Marielle brasileira? O assassinato de 20 meses atrás da política no Rio de Janeiro ainda está envolvido em incógnitas e incertezas. O caso está cheio de brechas, incluindo graves irregularidades, como um policial que tentou incriminar um vereador com uma confissão falsa e ainda está cercado por uma torrente de informações, muitas vezes contraditórias ou confusas, que suscitam novas questões sobre quem cometeu o assassinato. A investigação do seu assassinato emergiu da letargia nesta semana com um eletrochoque. A notícia de que um porteiro do condomínio onde Jair Bolsonaro morava antes de se mudar para Brasília mencionou o presidente mas no dia seguinte a Promotoria lançou dúvidas sobre o testemunho. (El País, Espanha) | bit.ly/32hlKf6

ASSASSINATO DE LÍDER INDÍGENA.
Guardião da floresta brasileira morto por madeireiros ilegais em emboscada. Paulo Paulino Guajajara foi morto por madeireiros armados na região de Araribóia, no Maranhão. Um defensor de terras indígenas brasileiro foi morto em uma emboscada por madeireiros ilegais em uma região de fronteira na Amazônia. Outro membro da tribo, Laércio Guajajara, também foi baleado e hospitalizado e um madeireiro foi desaparecido. Nenhum corpo ainda foi recuperado. Os membros da tribo são membros de um guarda florestal indígena chamado Guardiões da Floresta, formado em 2012 para afastar gangues de madeireiros que saquearam sua reserva rara e rica em madeira. (The Guardian, Inglaterra) | bit.ly/2NB2d3L

ASSASSINATO DE LÍDER INDÍGENA.
O assassinato de um 'guardião florestal' indígena sacode novamente a Amazônia brasileira. Ele foi morto a tiros no rosto quando foi surpreendido na selva por cinco madeireiros ilegais armados, que exigiram se render e entregar seu arco e flecha. (El Mundo, Espanha) | bit.ly/33dE3To

ASSASSINATO DE LÍDER INDÍGENA.
No Brasil, o militante indígena Paulo Paulino foi morto após confronto com madeireiros ilegais na Amazônia. A tragédia ocorreu sexta-feira na região de Araribóia, no Maranhão, uma das mais afetadas por incêndios e extração ilegal de madeira. (Le Monde, França) | bit.ly/2WD6wj6

ASSASSINATO DE LÍDER INDÍGENA.
Amazônia, outro líder indígena morto: ele protegia a floresta. Os mercenários de grupos agrários assassinaram Paul Paulino Guajajara, que liderava um dos grupos "Guardiões da Floresta" no estado do Maranhão. Há dois dias, na Colômbia, em Cauca, narcotraficantes mataram cinco nativos de uma comissão do governo que trabalha em novas estradas. (La Repubblica, Itália) | bit.ly/2qh1zAq

ASSASSINATO DE LÍDER INDÍGENA.
Paulo Paulino, líder indígena que protegia a floresta, foi morto na Amazônia. Outro líder indígena, Paulo Paulino, de etnia Guajajara, foi morto na Amazônia. "Paulino Guajajara - lê uma nota - é a mais recente vítima da incapacidade do Estado brasileiro de cumprir seu dever constitucional de proteger as terras indígenas". O assassinato ocorreu com uma emboscada de madeireiros no território indígena de Araribia. (Il Messaggero, Itália) | bit.ly/2JIAkG0

HuffPost, EUA | bit.ly/2Nwnwn6


Expresso, Portugal | bit.ly/32bYe2W


Público, Portugal | bit.ly/34takpI


Diário de Notícias, Portugal | bit.ly/2C9cf6Y


The Independent, Inglaterra | bit.ly/2NcxWcL


Al Jazeera, Catar | bit.ly/2WNbutX


2 - NOTÍCIAS DO MUNDO

REINO UNIDO
. Superricos se preparam para deixar o Reino Unido "em questão de minutos" se o Partido Trabalhista vencer a eleição. Ricos consideram possíveis impostos por Jeremy Corbyn como ameaça maior que o Brexit. Advogados e contadores das famílias mais ricas do Reino Unido disseram ter sido inundados com ligações de clientes milionários e bilionários, pedindo ajuda e conselhos sobre a mudança de países, mudando suas fortunas para o exterior e fazendo presentes precoces aos filhos para evitar a ameaça do líder trabalhista de tributar todas as heranças. acima de £ 125.000. (The Guardian, Inglaterra) | bit.ly/2PIlKlm

EUA
. A oposição de Trump às "guerras sem fim" atrai aqueles que lutaram nelas. Pesquisas mostram que a maioria dos veteranos se arrepende das guerras travadas após 11 de setembro, mesmo quando os dois partidos políticos pressionam por uma presença militar no Oriente Médio. As atitudes instáveis de tantos que serviram nas guerras ajudam a explicar por que o presidente Trump tem apoio entre os veteranos quando ele leva as tropas para casa. (The New York Times, EUA) | nyti.ms/2PKiWnY

ARGENTINA.
Não há dólares para todos. A necessidade de elaborar uma política econômica com um regime de controle de câmbio eficiente, baseado no bem-estar geral e no desenvolvimento. Macri deixará a Casa Rosada deixando um desastre econômico com um controle cambial improvisado. O próximo governo deve conviver com o déficit cambial e a tensão de um sistema essencial de gerenciamento de moeda. (Página 12, Argentina) | bit.ly/2C5nyNq

CHILE
. Violência machista. Violações, toques e abusos: denúncias de violência sexual contra policiais e militares nos protestos do Chile. Existem várias queixas que acusam os militares ou a polícia de terem cometido atos de violência sexual contra mulheres, homens e adolescentes durante os protestos no Chile. Também houve violência contra o coletivo LGTBI, algo que "sempre foi", mas "nesses contextos é onde é mais demonstrado", diz Erika Montecinos, fundadora da organização lésbica Rompiendo El Silencio. (El Diário, Espanha) | bit.ly/2JIAvkE

CHILE
. Opositores apresentaram sete propostas a Sebastián Piñera. Eles propõem um plebiscito para fazer uma nova Constituição. Três partidos de oposição chilenos no sábado apresentaram uma contraproposta à agenda social do presidente Sebastián Piñera para superar a crise, que inclui a convocação de um plebiscito para a elaboração de uma nova Constituição. Os líderes do Partido Socialista (PS), do Partido para a Democracia (PPD) e do Partido Radical (PR), que formam a chamada Convergência Progressiva, consideraram que as medidas propostas por Piñera são "insuficientes" e apresentaram uma lista de sete propostas superar a crise política e social que o país vive há mais de duas semanas. (La Diária, Uruguai) | bit.ly/2qeyMMW

ALEMANHA
. Trinta anos após a queda do Muro de Berlim. Os alemães ainda não concordam com o significado da reunificação. O descontentamento pode até estar crescendo. (The Economist, Inglaterra) | econ.st/33cg3Ah

ALEMANHA
. Em Dresden se adverte sobre os riscos no avanço da extrema direita. Pela primeira vez, uma cidade alemã declarou o “estado de emergência nazi”. Enquanto os preparativos estão em andamento para celebrar o 30º aniversário da queda do Muro de Berlim, uma cidade no leste da Alemanha acaba de declarar a "emergência nazista" diante da extrema direita. Dresden, capital da Saxônia, aprovou uma resolução para a proliferação de "ideias e ações antidemocráticas, antipluralistas e misantrópicas". (Página 12, Argentina) | bit.ly/2psn2Xh

BOLÍVIA
. Tribunal eleitoral boliviano conclui processo sob crítica a Mesa e ratifica a vitória de Evo Morales venceu, de acordo com a ata aprovada, com 47,08%, em comparação com Mesa, com 36,51%. A lei diz que, pela diferença de mais de 10 pontos com o candidato da oposição, o presidente, no poder desde 2006, governará até 2025. (El Mercúrio, Chile) | bit.ly/2psRW1I

3 - ARTIGOS/ENTREVISTAS

Alfredo Serrano Mancilla – América Latina (Página 12, Argentina) | “América Latina, mais progressista” | bit.ly/2qgvSar

Eduardo Mocca
– Argentina (Página 12, Argentina) | “A demolição e um novo começo” | bit.ly/2NdxeM0

Martin Granovski
- Argentina (Página 12, Argentina) | “Festa para Macri, desafio para Fernández: Um relatório do Observatório da Dívida descreve o ‘fluxo cúmplice de capitais’ dos últimos quatro anos como um ‘grande calote’” | bit.ly/2qfv2uI

McIntire, Yourish e Buchanans
– EUA (The New York Times, EUA) | “Os alimentadores no twitter de Trump: conspiradores, racistas e espiões” | nyti.ms/2pFJsEr




Conteúdo Relacionado