CM8 Internacional

Clipping Internacional - 07/08/2019

Notícias internacionais sobre o Brasil; Notícias do Mundo; e Artigos

07/08/2019 09:23

O Ministro do Supreme Gilmar Mendes (Rosinei Coutinho/SCO/STF)

Créditos da foto: O Ministro do Supreme Gilmar Mendes (Rosinei Coutinho/SCO/STF)

 
NOTÍCIAS INTERNACIONAIS SOBRE O BRASIL

VAZAJATO
. Procuradores de Lava Jato planejaram buscar provas para remover um juiz do Supremo Brasileiro. Investigadores debateram o uso de averiguação sobre um condenado para reunir munição contra Gilmar Mendes, segundo mensagens vazadas. O objetivo era declará-lo suspeito ou solicitar seu impeachment. Eles planejavam recorrer a investigadores suíços para tentar coletar munição contra Mendes, embora investigar fatos relacionados a um membro do Supremo Tribunal exceda seus poderes constitucionais. (El País, Espanha) | bit.ly/31oWraQ

AMAZÔNIA.
O desejo de Bolsonaro de devastar a Amazônia é um problema de todos. Uma das maneiras mais fáceis de combater a mudança climática é parar de derrubar árvores velhas. É por isso que é problema de todos que o novo presidente brasileiro, Jair Bolsonaro, pareça determinado a cortar a floresta amazônica, a maior reserva de florestas antigas do mundo. De acordo com uma análise recente do New York Times, “as ações de fiscalização da principal agência ambiental do Brasil caíram 20% nos primeiros seis meses do ano, em comparação com o mesmo período de 2018”. Multas, avisos e eliminação de equipamentos ilegais de zonas de preservação estão entre as medidas que as autoridades brasileiras estão fazendo com menos frequência. (The Washington Pos, EUA) | bit.ly/33i7CDX

MORTE NA PRISÃO
. Líder de gangue do Brasil encontrado morto em cela após tentativa de fuga com uso de máscara e vestido como se fosse sua filha. A morte de Clauvino da Silva foi vista como humilhante para o sistema carcerário superpopulado. Funcionários do sistema penitenciário disseram que ele se suicidou. (The Guardian, Inglaterra) | bit.ly/2TjEbNi

MORTE NA PRISÃO
. Imprensa francesa destaca morte de traficante carioca que tentou fugir da prisão vestido de mulher. O site da Franceinfo noticiou nesta terça-feira (6) a morte de Clauvino da Silva, traficante que no último sábado (3) acabou se tornando destaque na imprensa internacional após um vídeo filmado por agentes penitenciários viralizar na internet. A cena que girou o mundo mostra o detento no momento em que remove peruca, óculos, roupas de mulher e, por fim, a máscara que usava de disfarce. (RFI, França) | bit.ly/33hZaEx

GOLPE
. História do sequestro da democracia no Brasil. Na Netflix, o filme "Democracia em Vertigem" indaga sobre o contexto político do país vizinho. O documentário de Petra Costa traça o impeachment de Dilma Rousseff, a aliança premeditada entre a direita e o "Partido" do Judiciário e a causa Lava Jato. E como se evitou o retorno de Lula ao poder. (Página 12, Argentina) | bit.ly/2TdiwWI

BOLSONARO
. "Alguns assassinatos" para salvar o Brasil? A personalidade e idiossincrasia de Bolsonaro são cobertas de violência, armas e morte de bandidos, dando todas as garantias de impunidade à polícia que atira para matar. Por Juan Arias. (El País, Espanha) | bit.ly/2ZFn1vT

BOLSONARO. Bolsonaro quer matar criminosos "como baratas". Apresentará um projeto de lei para que a polícia e os militares tenham garantias legais de que não serão julgados depois de matar um suspeito. "Os caras vão morrer na rua como baratas, e tem que ser assim", disse Bolsonaro, em entrevista publicada no You Tube com a jornalista Leda Nagle. (Página 12, Argentina) | bit.ly/2GSefmQ

BOLSONARO
. Bolsonaro, escorregões verbais recorrentes. Nas últimas semanas, o presidente brasileiro Jair Bolsonaro colecionou declarações tumultuosas. O presidente brasileiro, Jair Bolsonaro, acumulou nas últimas semanas as afirmações estrondosas sobre a Amazônia e a ditadura militar, provocando críticas entre alguns aliados, mas sem prejudicar o apoio de sua base eleitoral. Se, no início de seu mandato, ele falou quase exclusivamente no Twitter, o Chefe de Estado recentemente destilou dezenas de frases curtas em coletivas de imprensa improvisadas e quase diárias na saída de sua residência ou na margem de cerimônias oficiais. (Tribune de Genève, Suíça) | bit.ly/2M518CY

BOLSONARO
. Bolsonaro ignora críticas e insiste que o Brasil "tem tudo para desenvolver" sua Amazônia O presidente disse que em 20 anos o estado de Roraima poderá ter uma economia semelhante à do Japão. "Há tudo lá, mas 60% do território está imobilizado com reservas indígenas e outras questões ambientais", disse ele. (El Mercurio, Chile) | bit.ly/2MLA9Me

ÍNDIOS. Dia dos Povos Indígenas assinalado em Lisboa com manifestação e concertos. Está marcada para sexta-feira uma concentração no Largo Camões em Lisboa para comemorar o Dia Internacional dos Povos Indígenas. Iniciativa do Fórum Indígena Lisboa pretende alertar para a violência que continua a ameaçar estes povos em todo o mundo. (Esquerda.net, Portugal) | bit.ly/2TeAfNv

JUSTIÇA
. “O sistema judiciário se tornou espaço de disputas políticas”, diz juiz Rubens Casara. Juiz de Direito do Rio de Janeiro, Rubens Casara lançou no mês de junho em Portugal seu mais recente livro: “A era pós-democrática” (Ed. Exclamação). A obra é uma convergência das teorias envolvendo os poderes econômico, político e judiciário, desenvolvidas em seus dois últimos livros publicados no Brasil: “Sociedade sem lei” e “O Estado pós-democrático”. (RFI, França) | bit.ly/2KlrzSV

DEMOCRACIA
. Brasil vive "tentativa de imbecilização coletiva”, diz filósofo português. Os últimos anos da política brasileira, desde as manifestações de junho de 2013 até a eleição do presidente de extrema direita, Jair Bolsonaro, passando pelo impeachment de Dilma Roussef, chamaram a atenção da comunidade internacional. O filósofo Diogo Sardinha, pesquisador da Universidade de Lisboa e ex-presidente do Colégio Internacional de Filosofia em entrevista à RFI, ele detalhou as ideias contidas em seu próximo livro sobre as “grandes tendências da sociedade brasileira”. (RFI, França) | bit.ly/31pEOaY

REFORMA DA PREVIDÊNCIA
. Câmara aprova em 2º turno texto principal da reforma da Previdência. A Câmara dos Deputados aprovou nesta noite, em segundo turno, o texto-base da proposta de reforma da Previdência, o mesmo aprovado na Casa no último dia 10, em primeiro turno. Na sessão realizada nesta terça-feira, 369 deputados votaram a favor do projeto, enquanto 124 foram contra e houve uma abstenção. Eram necessários 308 votos para a aprovação. (Sputnik News, Rússia) | bit.ly/33eE765

DESMATAMENTO
. O desmatamento no Brasil explodiu em julho, em comparação com 2018. O Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais registrou 2.254 quilômetros quadrados de áreas desmatadas no mês passado, acima dos 596,6 de julho de 2018, um aumento de 278%. (Le Monde, França) | bit.ly/2GNxBJR

DESMATAMENTO
. Desmatamento multiplicado por quatro em julho ao longo de um ano, no Brasil. O governo Bolsonaro demitiu recentemente o diretor do INPE, Ricardo Galvão, acusado de fornecer dados "mentirosos" para "jogar o jogo da ONG". (Le Soir, Bélgica) | bit.ly/33itGy6

DESMATAMENTO
. O desmatamento acelera. O desmatamento no Brasil em julho foi quase quatro vezes maior no mesmo mês de 2018, de acordo com dados oficiais divulgados nesta terça-feira, confirmando uma situação preocupante, mas questionada regularmente pelo presidente de extrema direita Jair Bolsonaro. (La Presse, Canadá) | bit.ly/2YOC4pR

MOVIMENTOS SOCIAIS.
Quatro documentários retratam movimentos sociais no Brasil e suas diretoras relataram como a vitória de Bolsonaro afetou suas produções. (La Diária, Uruguai) | bit.ly/2KyIDDD

NOTÍCIAS DO MUNDO

VENEZUELA.
'Não vai funcionar': especialistas questionam as sanções da Venezuela enquanto Bolton as apregoa. Bolton afirmou que as medidas de Trump ajudarão a acabar com o reinado de Maduro, mas alguns temem que a crise econômica da Venezuela piore ainda mais. (The Guardian, Inglaterra) | bit.ly/2YMN7js

ARGENTINA
. “Smartmacri”. A “Frente de Todos” interpôs recurso na Justiça Eleitoral. Quando faltam poucos dias para as primárias abertas, simultâneas e obrigatórias, o escândalo em torno das mudanças na realização do escrutínio provisório continua a crescer. Dada a falta de transparência na mudança do sistema de contagem provisória nas próximas eleições, a Frente de Todos apresentou um amparo à Justiça para ordenar “a saída imediata” da empresa SmartMatic. Horas depois, a Câmara Eleitoral instou o governo a entregar o software questionado. (Página 12, Argentina) | bit.ly/2MKGR5d

ARGENTINA
. Censuram a imagem de Eva Perón nos estádios de Buenos Aires. O direito de admissão é aplicado a Evita. No campo de Banfield, a polícia provincial impediu a entrada de bumbos e bandeiras com a imagem de Eva Perón, por ordem do Aprevide. O mesmo já acontecera na corte de Sarmiento de Junín. (Página 12, Argentina) | bit.ly/2OIOcEQ

PORTUGAL
. Antifascistas contra conferência neonazi em Lisboa. 65 organizações antifascistas lançaram um manifesto e uma petição pública que apela à proibição de uma “conferência neonazi” em Lisboa no próximo sábado. São contra “a normalização do discurso de ódio” e prometem fazer uma contramanifestação. (Esquerda.net, Portugal) | bit.ly/2Mcjt1d

MÉXICO.
A condenação por ser indígena ou de pele escura no México. A condenação por ser indígena e morena no México. Um estudo da Oxfam afirma que povos indígenas, afrodescendentes e mulatos têm menor probabilidade de terminar a escola, ter acesso a empregos formais ou acumular riqueza. (El País, Espanha) | bit.ly/2GUxZWV

ITÁLIA. A Itália adota um decreto anti-imigrante, com multas recordes para quem vem em seu socorro. O texto prevê multas de € 150.000 a € 1 milhão para barcos de resgate de ONGs no Mediterrâneo, e até 10 anos de prisão por resistência. (Le Monde, França) | bit.ly/2KlA6VR

EUA e CHINA.
Disputa comercial EUA-China. Trump minimiza as consequências da guerra comercial na China. Altos assessores econômicos disseram que o presidente quer negociar a despeito da escalada recente. (Financial Timer, Inglaterra) | on.ft.com/33k8ZCe

EUA
. Como o tiroteio de El Paso expõe as fissuras na política do Texas. O massacre em El Paso, onde um atirador que denunciou uma "invasão hispânica" matou 22 pessoas, destacou as tensões políticas do conservador Texas rural. Uma crescente população multiétnica e suburbanos repelidos pelo presidente Trump estão dando aos democratas mais esperança em todo o estado. (The New York Times, EUA) | nyti.ms/2yL7K0x

URUGUAI
. O Uruguai acusa os EUA de influenciar suas eleições. O ministro das Relações Exteriores do Uruguai, Rodolfo Nin Novoa, acusou na terça-feira a embaixada dos EUA de tentar influenciar a campanha eleitoral no Uruguai com uma declaração na qual recomendou aos que visitam o país que tomem extremo cuidado diante do aumento do crime. O ministro das Relações Exteriores também ironizou a alegação dos Estados Unidos de alertar seus cidadãos sobre a segurança no restante dos países: "eles têm a missão divina de qualificar todos os países do mundo". (La Jornada, Uruguai) | bit.ly/2OGojWn

CACHEMIRA
. Cercada por tropas indianas, Caxemira chora perda de autonomia. Em meio a um toque de recolher paralisante por um terceiro dia, os moradores prometem resistir à iniciativa da Índia de acabar com o status especial da região. (Al Jazeera, Catar) | bit.ly/2OKGom7

EUA e CHINA
. Declaração de “manipulador de moeda” pelos EUA não tem fundamento, dizem analistas. A acusação dos Estados Unidos busca perturbar a economia da China e a ordem financeira. (Global Times, China) | bit.ly/2KlEXqf

ARTIGOS/ENTREVISTAS

George Monbiot – Indústria do Petroleo (The Guardian, Inglaterra) | “Como a indústria mais poluente do mundo aprendeu a poluir nossa política” | bit.ly/2YOi96n

Adya Chakrabortty
– Grã Bretanha (The Guardian, Inglaterra) | “Os superricos fizeram da Grã Bretanha uma nação de perdedores” | bit.ly/2ZAEgyi

Juan Manuel Karg
– América do Sul e EUA (Página 12, Argentina) | “Como estão atuando os EUA nas eleições na América do Sul?” | bit.ly/2MJmEg5

Jelani Cobb
– EUA (The New Yorker, EUA) | “Como a trilha da supremacia branca nos EUA levou a El Paso.” | bit.ly/2GTot6B

Jean-Claude Delaunay, entrevista –
Guerra Comercial (L’Humanité, França) | “Os norte-americanos não sairão ganhando com o confronto com a China” | bit.ly/2OI1mC5



Conteúdo Relacionado