CM8 Internacional

Clipping Internacional - 20/12/2019

Notícias internacionais sobre o Brasil; Notícias do Mundo; e Artigos

20/12/2019 12:01

(Ronny Santos/Folhapress)

Créditos da foto: (Ronny Santos/Folhapress)

 

1 - NOTÍCIAS INTERNACIONAIS SOBRE O BRASIL

CRIMES
. Os quatro homens, com idades entre 23 e 48 anos, foram torturados e mortos após serem chamados à favela Jardim Santo Inácio, na cidade de Salvador, na semana passada. Um quinto motorista fez uma fuga dramática e alertou a polícia. Ele e duas vítimas trabalhavam para a empresa de transporte brasileira 99; os outros para o Uber. O terrível assassinato de quatro motoristas do Uber e outro serviço de carona em uma favela brasileira pode ter sido motivado por vingança depois que a mãe doente de um líder de gangue teve uma carona cancelada, disseram a polícia. Dois suspeitos dos assassinatos foram mortos em um tiroteio com a polícia na sexta-feira, e os policiais encontraram o corpo do homem suspeito de ordenar os assassinatos na segunda-feira. Ele foi morto a tiros. (The Guardian, Inglaterra) | tinyurl.com/thkysmy

ÍNDIOS. "Eu não aceito religião na minha aldeia", diz índio Pataxó sobre evangélicos. O índio Arassari Pataxó se define “um guerreiro que luta pelo respeito dos direitos dos povos indígenas no Brasil”. Ele esteve em Roma para dar palestras em universidades, escolas e centros culturais sobre os problemas que sofrem os índios brasileiros, principalmente sobre a demarcação das terras. (RFI, França) | tinyurl.com/sqpe52z

BOLSONARISMO. O partido tem até 4 de abril para fazer isso. E dessa forma poder participar das eleições municipais de 2020. Como a validade das assinaturas digitais ainda não foi regulamentada e é motivo de controvérsias. a legenda bolsonarista aposta agora na caçada de firmas tradicionais em igrejas evangélicas, quartéis dos Bombeiros e da Polícia Militar, Exército, ruralistas e empresariado. (Sputnik News, Rússia) | tinyurl.com/t2gm7se

PREVIDÊNCIA. Informalidade corresponde a 30% do déficit da Previdência, projeta economista. Segundo dados do Índice de Economia Subterrânea (IES), a economia informal avançou pelo quinto ano consecutivo no Brasil. O instituto também apontou que a chamada "economia subterrânea" movimentou R$ 1,12 trilhão ao longo do ano, o que equivale a 17,3% do Produto Interno Bruto (PIB) do Brasil. O trabalho informal, ou seja, aquele que não é registrado na Carteira de Trabalho, também impacta a Previdência Social, isso se deve ao fato de que os trabalhadores informais não contribuem para o sistema previdenciário. Carlos Heitor Campani, professor da UFRJ, estimou que 30% do déficit atual da Previdência Social brasileira se deva ao alto número de trabalhadores que estão na informalidade. O economista também alertou sobre a possibilidade de muitas dessas pessoas, dependendo das condições, não poder ter direito a aposentadoria. (Sputnik News, Rússia) | tinyurl.com/ql43noh

LULA. Lula compara o governo Bolsonaro ao nazismo por sua guerra contra a cultura. Acompanhado pela ex-presidente Dilma Rousseff, ele acusou o presidente brasileiro de se mover por impulsos de vingança contra os artistas. Cercado por intelectuais e artistas, o ex-presidente brasileiro Luiz Inácio Lula da Silva (2003-10) comparou o governo de Jair Bolsonaro na época do nazismo, acusando o ultradireitista de atacar a cultura e as artes, como forma de destruir a sociedade Brasileira. “Como na Alemanha nazista, eles querem destruir o Brasil começando pela cultura. Nós não vamos permitir isso. Vamos resistir, como já resistimos a outros pesadelos”, disse Lula em um movimentado evento político no emblemático centro cultural Circo Voador, um marco histórico para importantes noites artísticas, no Rio de Janeiro. (ABC, Espanha) | tinyurl.com/vgbz6co

JOÃO DE DEUS.  Um médium popular é condenado a 19 anos de prisão por estupro. O médium brasileiro João de Deus foi condenado na quinta-feira a 19 anos e 4 meses de prisão por estuprar quatro mulheres, a primeira sentença desse curandeiro acusado de abusar sexualmente de várias centenas de pacientes. (La Presse, Canadá; Diário de Notícias, Portugal) | tinyurl.com/tgykqz8 | tinyurl.com/talxqs4

ÍNDIOS. Jair Bolsonaro quer autorizar atividades de mineração em terras indígenas. No Brasil, apenas as culturas tradicionais são autorizadas nos territórios reservados às populações indígenas, às quais o presidente quer acabar. Ele não descarta o caso. O presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, anunciou na quinta-feira que em breve um projeto de lei autorizando atividades de mineração em terras indígenas seria submetido ao parlamento e também defenderia a criação de gado nesses territórios. (L’Express, França) | tinyurl.com/vdekbuv

PORTA DOS FUNDOS. Sátira com Jesus gay gera recordes de petições: “irmãos” da Itália pede para retirar o filme. Realizado pelo grupo cômico brasileiro Porta dos Fundos causou a reação dos poderosos movimentos evangélicos locais, mas também do filho do primeiro-ministro Bolsonaro: foram coletados dois milhões de assinaturas para que a Netflix retirasse o vídeo, enquanto a Câmara convocava os dirigentes da plataforma. (Il Messaggero, Itália) | tinyurl.com/rynrl6d

JOÃO DE DEUS. Médium espiritual 'João de Deus' preso por estupros. Um medium espiritual brasileiro, com grande número de seguidores australianos e neozelandeses, foi condenado a mais de 19 anos de prisão por estupro no primeiro de muitos casos de abuso sexual contra ele. João Teixeira de Faria, conhecido como João de Deus ou João de Deus, atraiu pessoas de todo o mundo para o meio do Brasil, a oeste da capital Brasília, com promessas de cura para tudo, desde a depressão ao câncer. Ele atendeu a 10.000 pacientes por semana. Centenas de mulheres, incluindo a filha de Faria, alegaram que o curandeiro se envolvia regularmente em abusos, desde tatear até estuprar durante sessões privadas. (The Sydney Morning Herald, Austrália) | tinyurl.com/syo54wo

ESTADO POLICIAL. Os soldados dispararam dezenas de tiros em sua família, matando o marido. Alguém será responsabilizado? Duzentos e cinquenta e sete tiros de soldados dispararam na direção de sua família - uma barragem inesperada de balas ainda sem qualquer causa clara - enquanto eles estavam dirigindo para um chá de bebê em uma tarde de domingo em abril.  Sessenta e duas balas perfuraram o Ford Ka, que carregava o marido, o padrasto e o filho de 7 anos. Esses são os números que assombram Luciana dos Santos Nogueira, os números que ela não consegue esquecer nem - meses depois - mal conseguem acreditar. Agora, os brasileiros aprenderão se o Estado pode se responsabilizar. Nesta semana, os 12 homens envolvidos no tiroteio deram testemunho pela primeira vez em um tribunal militar. (The Washington Post, EUA) | tinyurl.com/vx3sczq

BOLSONARO. Mídia brasileira afirma que Bolsonaro temia que seu filho fosse preso pelos crimes acusados. "De cada dez tópicos sobre os quais ele falou, dois eram sobre a situação de seu filho",  segundo fontes. Nas últimas semanas, o presidente brasileiro Jair Bolsonaro expressou sua preocupação com os parlamentares próximos por temer que seu filho mais velho, atual senador Flávio Bolsonaro, seja novamente investigado pela causa da corrupção que o envolve, assim como pela ex-polícia. Fabrício Queiroz, um velho amigo do presidente. De acordo com as informações obtidas pela Folha de São Paulo, o presidente da ultradireita esperava que as ordens de busca de informações emitidas pelo Ministério Público do Rio de Janeiro fossem realizadas no próximo ano. (La Diária, Uruguai) | tinyurl.com/v8u688r

CLÃ BOLSONARO. Filho de Bolsonaro teria cometido lavagem de dinheiro, suspeitam os promotores. Nos últimos dias, o Ministério Público brasileiros vem realizando buscas domiciliares pelo filho do presidente. Nesta quinta-feira, vazou na imprensa brasileira um documento que contava as suspeitas do Ministério Público brasileiro sobre o possível crime de lavagem de dinheiro que teria sido cometido por Flavio Bolsonaro, filho do presidente Jair Bolsonaro e atual senador. (Diário Correo, Peru) | tinyurl.com/txhml6n

2 - NOTÍCIAS DO MUNDO

PANAMÁ
. Trinta anos após a invasão americana do Panamá. O dia em que Bush Sr. chamou os três Carlos latino-americanos. O atual presidente, Laurentino "Nito" Cortizo, é o primeiro presidente do Panamá que declara um duelo nacional pelos mortos de seu país durante a invasão americana. (Página 12, Argentina) | tinyurl.com/rwzhno9

ESCÓCIA. A Escócia pede formalmente a Boris Johnson um novo referendo de independência. Nicola Sturgeon, principal ministra da Escócia, afirmou que os resultados dos nacionalistas escoceses nas eleições do Reino Unido concedem o "mandato democrático" para realizar um segundo referendo no final de 2020. O Partido Nacional Escocês conquistou 48 dos 59 assentos na Escócia nas eleições. (El Diário, Espanha) | tinyurl.com/ryyo66l

ARGENTINA. Alberto Fernández consegue romper o bloqueio parlamentar contra seu plano de emergência econômica. A lei pode ser aprovada  hoje no Senado argentino com algumas mudanças no texto inicial. Os deputados federalistas do ex-candidato presidencial Roberto Lavagna e Juan Schiaretti, governador de Córdoba, permitiram que ele chegasse ao necessário para iniciar um debate de maratona na Câmara sobre o programa de emergência econômica. O novo presidente argentino disse ter os votos necessários para aprovar o pacote de medidas, que concordou em suprimir ou moderar as seções mais controversas. (El País, Espanha) | tinyurl.com/wydj83a

ESPANHA. Catalunha: justiça europeia corrige justiça espanhola. O Tribunal de Justiça Europeu decidiu a favor de Oriol Junqueras, o ex-líder da independência, marcando um sério revés para a justiça espanhola e o Parlamento Europeu, que seguiu as recomendações de Madri ao recusar que o catalão fosse reconhecido como eurodeputado. A decisão é válida para Carles Puigdemont e Toni Comin que residem na Bélgica. (Le Soir, Bélgica) | tinyurl.com/rp78tmw

EUA. Pelosi atrasa o envio de artigos de impeachment. A presidente da Câmara dos Deputados, Nancy Pelosi, indicou que adiaria o envio dos artigos de impeachment ao Senado, buscando mais clareza sobre as regras do julgamento do presidente Trump e potencialmente empurrando os procedimentos para o novo ano. (The Wall Street Journal, EUA) | tinyurl.com/wu6z7z7

EUA. Donald Trump se torna o primeiro presidente impugnado a concorrer à reeleição. Sua absolvição pelo Senado parece certa e o impacto em sua candidatura à reeleição é imprevisível. (The Economist, Inglaterra) | tinyurl.com/sotw8uv

HAITI. As forças de paz da ONU no Haiti geraram centenas de crianças e depois as abandonaram. Meninas empobrecidas de 11 anos de idade foram exploradas sexualmente pelo pessoal da ONU e depois deixadas para cuidar de si mesmas - e de seus bebês, diz um novo estudo acadêmico. (HuffPost, EUA) | tinyurl.com/tywe8nb

CHINA. China "jamais tolerará" ingerências externas em Macau e Hong Kong. O Presidente chinês afirmou hoje que a China "jamais tolerará" ingerências externas nas suas regiões semiautónomas, numa altura em que o aniversário da transição de Macau coincide com uma grave crise política em Hong Kong. Sublinhou o desenvolvimento da região e apelou ainda para a melhoria das condições dos cidadãos. (Diário de Notícias, Portugal) | tinyurl.com/u4zksvj

POLÔNIA. Protestos massivos na Polônia pela tentativa do governo de controlar a justiça. O partido de Lei e Justiça no poder quer punir os juízes dissidentes. Centenas de milhares de poloneses foram às ruas das principais cidades da Polônia ontem para defender os juízes contra a campanha de difamação e retaliação desencadeada contra o judiciário pelo governo do Partido. Com faixas que diziam “Tribunais livres! ou "Apoiamos os juízes rebeldes!" e bandeiras da Polônia e da União Europeia, centenas de milhares de manifestantes denunciaram os ultrajes do governo. (La Vanguardia, Espanha) | tinyurl.com/sqe54bu

CHILE. Chile dá o primeiro passo legal em direção a uma nova Constituição.  O Senado chileno aprovou uma reforma constitucional que convocará um plebiscito em 26 de abril para os chilenos decidirem se querem uma nova Magna Carta que substitua a vigente desde a ditadura de Augusto Pinochet (1973-1990). "Hoje uma página muito importante se abre na história de nosso país", disse o presidente do Senado chileno, o adversário Jaime Quintana. Com 38 votos a favor e 3 contra, os senadores deram luz verde ao projeto de lei que reforma o capítulo XV da atual Constituição, aprovada em 1980. (El Espectador, Equador) | tinyurl.com/vfhbvrz

3 - ARTIGOS/ENTREVISTAS

Mario Wainfeld – Argentina (Página 12, Argentina) | “O primeiro passo de um plano inédito” | tinyurl.com/ud8pg4m

Eric Nepomuceno – Brail (Página 12, Argentina) | “O mais ridículo do governo Bolsonaro” | tinyurl.com/rgeubaa

Paul Krugman – EUA (The New York Times, EUA) | “Os democratas ainda podem nos salvar. Os defensores da democracia nos EUA se posicionam.” | tinyurl.com/tmqh53g

Nara Roberto Silva – Brasil (Jacobin, EUA) | “O novo capítulo do neoliberalismo de Bolsonaro no Brasil” | tinyurl.com/ttg8ven

Conteúdo Relacionado