Cidades

Com orçamento reduzido há três anos, Museu Nacional é atingido por incêndio

Com mais de 20 milhões de itens no acervo, Museu foi completamente tomado pelas chamas; não há vítimas

03/09/2018 08:33

 

 
Um incêndio atingiu o Museu Nacional, em São Cristovão, na zona norte do Rio de Janeiro (RJ) nesta noite de domingo (02). As chamas, que envolveram todo o prédio do museu, ainda estão sendo controladas pelos bombeiros até o fechamento dessa reportagem. A instituição, fundada por D. João VI, completou duzentos anos em 2018 e tinha em seu acervo mais de 20 milhões de ítens.

Ainda não se sabe a causa do fogo, mas a assessoria de imprensa informou que não há vítimas. O incêndio, que tomou o Museu por inteiro, começou às 19h30, após o encerramento do horário de visitas. Os quatro vigilantes que estavam dentro do prédio conseguiram sair em segurança.

Pertencente à Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), o Museu funciona com orçamento reduzido há três anos. No seu acervo, encontra-se o fóssil de “Luzia”, o ser humano mais antigo já encontrado no país. Além de servir como espaço de pesquisa, o Museu guarda uma quantidade inestimável de memória nacional, com coleções de biologia, botânica, arqueologia, geologia, paleontologia, zoologia, etnologia e antropologia.

Edição: Nina Fideles

*Publicado originalmente no Brasil de Fato

Conteúdo Relacionado