Clipping Internacional

Clipping Mundo - 11/06/2021

Notícias internacionais sobre o Brasil; Notícias do Mundo; e Artigos

11/06/2021 09:08

(Marco Verch/Flickr)

Créditos da foto: (Marco Verch/Flickr)

 
1. NOTÍCIAS INTERNACIONAIS SOBRE O BRASIL

LULA/ Lula diz que a “vitória” de Castillo é um “avanço na luta popular”. “Quero parabenizar Pedro Castillo pela importante vitória no Peru e saudar o povo peruano pelas eleições livres e democráticas. O resultado das urnas peruanas é simbólico e representa mais um avanço na luta popular em nossa amada América Latina”, declarou Lula. em suas redes sociais. O líder do progressista Partido dos Trabalhadores (PT) parabenizou Castillo, apesar de sua vitória não ter sido oficialmente confirmada, pois ainda faltam 0,97% dos votos. (El Diário, Espanha; Página 12, Argentina; El Clarín, Argentina) | bit.ly/2SsJqxV | bit.ly/3pKrUBq | bit.ly/3weOsNr

COPA AMÉRICA - 1/ STF deve liberar a Copa América, mas exigirá medidas sanitárias. Relator dá prazo para que governos apresentem plano de contenção do vírus. Presidente Bolsonaro admite que está isolado mundialmente e insiste em questionar número de mortes por Covid-19 no Brasil. “Os elementos que instruem o processo também relevam as informações sobre os riscos de realização do evento desportivo questionado sem a adoção de medidas sanitárias complexas, rigorosas e eficazes para prevenir e diminuir o perigo objetivo de aumento dos terríveis números de infectados e mortos que a pandemia tem alcançado no País”, frisou a ministra Cármen Lúcia, relatora de dois processos sobre a Copa América. (RFI, França; Sputnik News, Rússia; Le Monde, França; Deutsche Welle, Alemanha) | bit.ly/2TPM558 | bit.ly/3gdUaJP | bit.ly/3czUJv6 | bit.ly/3x9pSgI

COPA AMÉRICA – 2/ Multas, vacinas chinesas e PCR obrigatório para jogadores: Copa América planeja contra a Covid-19. A Conmebol presume que terá todos os atletas, comissão técnica e staff imunizados durante o torneio com doses da farmacêutica chinesa Sinovac, aprovada em apenas três países sul-americanos. O desafio é fazê-lo em um país onde a pandemia não foi contida. O Brasil, sob a gestão caótica de Jair Bolsonaro, registra mais de 17 milhões de infecções e mais de 476.000 mortes por Covid-19, de acordo com os últimos dados oficiais. (El País, Espanha) | bit.ly/35an1s7

CLÃ BOLSONARO/ O Bolsonaro ataca o presidente argentino Fernández depois de dizer que os brasileiros "vêm da selva". O presidente argentino foi acusado de ser "racista" após citar uma música incorretamente e teve que se desculpar nas redes sociais. Foi duramente criticado no Brasil, incluindo o presidente Jair Bolsonaro e seu filho, o deputado Eduardo Bolsonaro. (El Periódico, Espanha) | bit.ly/3zjvN4K

SOBRAL-EDUCAÇÃO/ Como passos simples levaram a um grande salto para as escolas do Brasil. A cidade de Sobral é vista por muitos como um modelo de acerto do ensino básico. Pode não haver um segredo simples para melhorar as escolas públicas, mas, se houver uma fórmula, então a cidade brasileira de Sobral pode reivindicá-la. Localizada no nordeste historicamente mais pobre do país, o município de 210.000 residentes já teve resultados de aprendizagem medianos. Uma avaliação de alunos da terceira série (de oito anos) há duas décadas descobriu que dois em cada cinco não sabiam ler uma palavra simples. (Financial Times, Inglaterra) | on.ft.com/3gdUngb

COVID-19/ A pandemia acelera: 90 mil novas infecções em 24 horas. Apesar da situação preocupante de saúde, casos recordes de coronavírus são notificados por dois dias consecutivos, o país receberá a Copa América de futebol a partir do próximo domingo, o Brasil, um dos países mais afetados pela pandemia, registrou 88.092 novos positivos pela Covid - 19 nas últimas 24 horas, naquele que foi o segundo dia consecutivo com quase 90 mil novas infecções. o país já acumula um total de 17.210.969 casos confirmados da doença, em pouco mais de 15 meses desde o início da pandemia. Terceiro dia consecutivo acima de 2.000 diários e confirmados 2.504 novos óbitos no nas últimas 24 horas. (El Espectador, Colômbia; Xihuanet, China; Diário Correo, Peru) | bit.ly/3iMEQWn | bit.ly/3gawhTo | bit.ly/35cONEd

2. NOTÍCIAS DO MUNDO

PERU/ Eleições: terminou a contagem e Pedro Castillo acrescentou ainda mais votos. Resta rever os desafios e pedidos de nulidade para a proclamação oficial. O fujimorismo reluta em aceitar sua derrota eleitoral e prejudica ainda mais um ambiente já polarizado. Sem provas, ela insiste em falar em fraude eleitoral. Segundo vários especialistas, o resultado é irreversível, mas a direita se recusa a aceitá-lo. Castillo vence com 50,2 a 49,8 por cento da direita Keiko Fujimori, uma vantagem de 70 mil votos. (Página 12, Argentina) | bit.ly/3pH6ANe

PERU/ Um promotor peruano pede que Keiko Fujimori volte a cumprir prisão preventiva. O representante do Ministério Público considera que a candidata, investigada por corrupção, violou as restrições impostas pelo juiz. Em meio ao escrutínio tenso, a política peruana foi a tribunal com Keiko Fujimori como protagonista principal. O promotor José Domingo Pérez acaba de pedir ao juiz Víctor Zúñiga que reordene a prisão preventiva da filha do autocrata encarcerado. A candidata tem mobilidade limitada e deve informar o juiz sobre seus movimentos pelo país ou com quem está se reunindo. Zúñiga afirma que Fujimori, acusado de ter lavado bens e outros crimes, violou as regras de conduta estabelecidas pelos tribunais. Ela é suspeita de ter recebido dinheiro ilegal da construtora brasileira Odebrecht para as campanhas de 2011 e 2016. (El Periódico, Espanha) | bit.ly/35eaa8l

ARGENTINA/ Cinco agentes da repressão da ditadura argentina foram condenados à prisão perpétua por crimes contra a humanidade. O Tribunal Oral Federal nº 4 de San Martín condenou à prisão perpétua cinco dos seis réus no julgamento contra a humanidade pelos crimes cometidos contra militantes que participaram da ‘Contra-ofensiva Montoneros’ durante a última ditadura cívico-militar eclesiástica. Os líderes da Inteligência do Exército Luis Angel Firpo, Roberto Dambrosi, Jorge Bano, Eduardo Ascheri e Marcelo Cinto Courteaux foram condenados por sequestros, torturas e assassinatos cometidos contra 94 pessoas entre 1979 e 1981. Para os cinco, esta é a primeira condenação por crimes a direitos humanos. (Página 12, Argentina) | bit.ly/3pGUp34

CHILE/ Marcha à ré: Santiago do Chile retorna ao confinamento. Colapso da saúde e aumento de casos na região metropolitana. Devido ao aumento sustentado de casos e ao colapso da saúde, as autoridades chilenas impuseram nesta quinta-feira uma nova quarentena total na região metropolitana. Embora com 57% da população vacinada, o Chile está próximo do percentual desejado para alcançar a imunidade de rebanho, as mortes e infecções estão aumentando. Isso se deve, em parte, ao fato de 82% das doses aplicadas corresponderem à fórmula do Sinovac (CoronaVac), cuja eficácia na prevenção da disseminação da doença gira em torno de 56%. Desta forma, embora tenha uma maior capacidade de evitar hospitalizações e mortes, a propagação do Sars CoV-2 e suas variantes não para. (Página 12, Argentina) | bit.ly/3cvRt3W

COLÔMBIA/ Crise no Governo: Colômbia investiga 21 homicídios. O governo colombiano se comprometeu quinta-feira à Comissão Interamericana de Direitos Humanos (CIDH) a esclarecer 21 mortes ocorridas durante a mobilização social que abala o país desde o final de abril. A delegação da CIDH, instituição subordinada à OEA, chegou ao país no domingo para fazer um balanço da situação dos direitos humanos desde o início da crise social. As Nações Unidas, os Estados Unidos, a União Europeia e várias ONGs internacionais denunciaram de forma notável os graves excessos cometidos pelas forças de segurança. (La Presse, Canadá) | bit.ly/3v9o7Pv

CUBA/ Cuba iniciará o ensaio clínico da vacina Soberana em crianças. O Centro de Controle Estatal de Medicamentos, Equipamentos e Dispositivos Médicos (CECMED) de Cuba aprovou nesta quinta-feira o primeiro ensaio clínico a ser realizado no país na população pediátrica com as vacinas candidatas contra Covid-19, as Soberana 02 e Soberana Plus. “A aprovação emitida pelo CECMED é baseada no contexto epidemiológico atual, com o aumento considerável de casos positivos na população pediátrica e com base nos resultados de segurança e imunogenicidade apresentados pelas vacinas candidatas, no âmbito dos ensaios clínicos de fase. I e fase II ", especifica a declaração do órgão regulador. (La Jornada, México) | bit.ly/2Titpe8

VACINA-PATENTES/Médicos Sem Fronteiras acusam Europa de travar acordo sobre suspensão de patentes. A ONG diz que a União Europeia, Reino Unido, Suíça e Noruega estão a tentar arrastar o processo de negociações na Organização Mundial do Comércio para o levantamento das patentes da vacina contra a Covid-19. (Esquerda.net, Portugal) | bit.ly/3ixFAyn

RACISMO ESTRUTURAL/ Jogadores de futebol não brancos jogaram melhor quando os estádios estavam vazios durante a pandemia. Os jogadores brancos se saíram pior, o que sugere que a interferência racista pode ter um impacto. Poderia ser um exemplo do problema: "Às pessoas ... que fizeram os ruídos de macaco: Que vergonha. Que vergonha ”, postou Mario Balotelli, então atacante do Brescia, no Instagram no final de 2019. Ele se referia aos torcedores do Hellas Verona, um clube rival de futebol, que lançaram abusos racistas contra ele e que ultrapassaram até mesmo as provocações típicas do superaquecimento“ ultras ”. Em um ponto durante a partida, o jogo foi suspenso quando um desesperado Balotelli chutou a bola em zombadores e ameaçou sair do campo. (The Economist, Inglaterra) | econ.st/3zhJqS1

EUA/ Departamento de Justiça de Trump secretamente requisitou registros de dois democratas do Congresso. O Departamento de Justiça em 2018 secretamente intimou a Apple para os dados de dois democratas no Comitê de Inteligência da Câmara, bem como os dados de seus funcionários atuais e ex-funcionários e membros da família, em um impulso agressivo do governo Trump para determinar quem estava vazando informações confidenciais para a mídia, de acordo com um funcionário do comitê e um dos legisladores afetados. (The Washington Post, EUA) | wapo.st/3wjy1iW

3. ARTIGOS/ENTREVISTAS

José Miguel Tavares – Brasil (Público, Portugal) | “Um fascista é um fascista” | bit.ly/2RJqLxA

Marcelo Cantelmi – Brasil (El Clarín, Argentina) | “A aliança Lula-Cardoso: o Brasil que não olhamos e o desafio das lideranças regionais” | bit.ly/3gcsVz3

Robert Reich - EUA/desigualdade (The Guardian, Inglaterra) | “Quando os homens mais ricos da América pagam US $ 0 em imposto de renda, isso é a supremacia da riqueza” | bit.ly/3grzehh

Michael Mechanic – EUA/desigualdade (Mother Jones, EUA) | “Não se trata apenas de imposto de renda. Bilionários também não pagam impostos sobre herança.” | bit.ly/3wag4TL

Rafael Behr – Guerra Fria (El Diário, Espanha) | “A missão de Biden no G7 é recrutar aliados para a próxima guerra fria (que não é com a Rússia)” | bit.ly/3pIZIyV

Vincent Ni – Guerra Fria (The Guardian, Inglaterra) | “Guerra fria ou paz difícil: definir a competição EUA-China é importante? Muitos estão começando a temer que o mundo possa em breve ser pego no fogo cruzado entre Pequim e Washington” | bit.ly/3gawciy

Au Loong Yu, entrevista- China (Esquerda.net, Portugal) | “Os desafios da esquerda mundial face à China” | bit.ly/2RKONZb

Frédéric Lemaître – Europa/China (Le Monde, França) | “Europeus reticentes a uma oposição direta a Beijing. A União Europeia, como os países asiáticos, continua dividida entre o medo do expansionismo chinês e a atratividade de seu mercado.” | bit.ly/3cBZ691

Paul Krugman – EUA (The New York Times, EUA) | “Por que os republicanos não reconstruirão os Estados Unidos? Um acordo bipartidário de infraestrutura nunca irá acontecer.” | nyti.ms/3pMq5UW

Alejandro González Basurton- El Salvador (Jacobinlat, América Latina) | “Do naufrágio da guerrilha à ascensão do tirano ‘millenium’” | bit.ly/3vf8xBZ

Laura Carlsen - Colômbia (Counterpunch, EUA) | “Colômbia, entre o extermínio e a emancipação” | bit.ly/3wh1nhB

Gerardo Szalkowicz – Peru (Página 12, Argentina) | “Pedro Castillo: uma esperança plebeia para a América Latina?” | bit.ly/2Tpxe1m

Conteúdo Relacionado