Arte/Humor

Diário do Bolso, 10 de dezembro de 2020

 

10/12/2020 12:15

 

 
Diário, demiti o Marcelo Álvaro Antônio.

Ele vai deixar de ser ministro do Turismo e vai fazer turismo de verdade, kkk!

Por que eu mandei o sujeito embora? Por vários motivos.

Primeiro, porque é muito estranho um cara que não tem sobrenome. Nunca sei se chamo ele de Marcelo, de Álvaro ou de Antônio. Por via das dúvidas, nas reuniões ministeriais só chamava de “Laranjinha”, por causa das coisas que dizem que ele fez lá na eleição em Minas Gerais. Eu sou muito engraçado e brincalhão.

Em segundo lugar, porque eu vou precisar do cargo dele pra negociar com o Centrão, no tocante a colocar o Arthur Lira como presidente da Câmara (dizem que ele andou fazendo rachadinha, mas desde quando eu me importo com isso?).

Em terceiro, porque o sem sobrenome andou fazendo fofoca no grupo de zap-zap dos ministros, dizendo pra todo mundo que eu queria o cargo dele. É claro que era a pura verdade, mas desde quando é pra dizer a verdade no zap-zap?

E, por último, porque assim eu dou uma promoção (mesmo que só por dois meses) pro Gilson Machado, que estava na Embratur.

O Gilson é um cara com várias qualidades: gosta de pescar, é bom na sanfona e defende os cassinos. Os cassinos são muito importantes no meu sonho de transformar o Brasil nuns Estados Unidos. A gente precisa de uma Las Vegas, pô!

O Velho Oeste eu já garanti com o fim do imposto pra importação de revólver, kkk!

#diariodobolso

PS: Descobriram que uma empresa de vídeo (que já ganhou mais de um milhão no meu governo) fez a cobertura da festa da empresa do Renanzinho de graça. E que o freguês da empresa do Renanzinho é o governo federal. Mas e daí? É uma mamata do bem, pô!



Conteúdo Relacionado