Arte/Humor

Diário do Bolso, 13 de maio de 2019

Me suspenderam por mais sete dias, mas tudo bem. Fiquei calado aqui, mas dei entrevista para o Silvio Santos, para a Luciana Gimenez e para o Milton Neves. Todos meus chapas. Chapas brancas, kkkk!

13/05/2019 13:40

 

 
Caro Diário, voltei.

Me suspenderam por mais sete dias, mas tudo bem. Fiquei calado aqui, mas dei entrevista para o Silvio Santos, para a Luciana Gimenez e para o Milton Neves. Todos meus chapas. Chapas brancas, kkkk!

O primeiro foi o Silvio. Até me chamou de “simpático e boa pinta”.

Depois foi a Luciana. Ela elogiou a minha mulher, falou bem dos meus filhos, perguntou qual era meu apelido, como foi meu acidente no tempo de paraquedista, mostrou fotos antigas... Parecia uma conversa de comadre. Só faltou um bolo de fubá.

E ontem foi a vez do Milton Neves, na rádio Bandeirantes. Com ele não tem perigo. É como jogar com o goleiro adversário comprado. Mandou na direção do gol, a bola entra. Ele falou da minha mãe, da Previdência, botou gol do Palmeiras pra eu escutar, me chamou de caipira... Mais fácil que treino contra dente-de-leite.

Milton, Luciana e Silvio foram puxa-sacos de primeira. Aliás, Diarinho, você sabia que o termo “puxa-saco” veio do exército? É que, durante as viagens, uns soldados carregavam o saco de roupa suja dos superiores. Daí começaram a ser chamados de puxa-sacos. Quartel também é cultura, kkkk!

No tocante a jornalismo, é desse tipo que eu gosto. Ninguém me pergunta “Cadê o Queiroz?”, ninguém quer saber dos sete laranjas que estavam no meu gabinete, ninguém fica falando sobre a crise na educação. É só piadinha e elogio. A imprensa podia ser sempre assim. Mas esses comunistas da Folha, do Estadão, da Globo, da Veja, da Isto é não entendem isso. Depois, quando o patrocínio acaba, os caras reclamam.

Porque nada é de graça no mundo. Nem simpatia.

Tanto que o pessoal da revista Meio & Mensagem já disse que o Milton Neves, a Luciana Gimenez, o Datena (Band), o Ratinho (SBT), o Rodrigo Faro, a Ana Hickmann e a Renata Alves (Record) vão ganhar para fazer mercham da reforma da Previdência. Todo mundo precisa ganhar seu pão, não é verdade? Ou caviar, no caso.

O importante é acabar com a imprensa marrom desses vermelhos!

Imprensa tem que ser é verde e amarela!

Amarela porque dá aquela amarelada e verde por causa do dólar, kkkkk!

@diariodobolso



Conteúdo Relacionado