Arte/Humor

Diário do Bolso, 20 de novembro de 2019

 

20/11/2019 12:50

(Reprodução)

Créditos da foto: (Reprodução)

 
Diário, hoje trouxe você pro banheiro. Agora estou sentado na privada e olha que bonito: ao mesmo tempo em que escrevo na página em branco, pinto a porcelana branca. Muito prático! Bom, como acho que vai ser rapidinho, vou fazer só os meus sete “Kkks do Jair” (se bem que hoje deviam ser kokokôs, kkk!”).

1-) O imposto sobre grandes riquezas eu não vou propor, que eu não sou besta. Mas agora, com o imposto em cima do seguro-desemprego, inventamos o imposto sobre grandes pobrezas. Paulo Guedes é gênio! Opa! Será que não dá para cobrar IPTU de quem mora debaixo da ponte? Tem que ver isso daí.

2-) E o meu partido precisa de quinhentas mil assinaturas. Será que dá para usar os robôs do Twitter? Aí tá garantido.

3-) Pô, agora encontraram um post da jornalista Thais Bilenky, das 12h28 de 14 de março de 2018, dia da morte da Mariela, dizendo que eu antecipei a volta para o Rio naquele dia. E aí pode ser que eu tenha atendido o interfone e deixado o assassino entrar no condomínio. Ah, como eu odeio jornalista... É tudo fofoqueiro profissional!

4-) Mandei uma PEC que desobriga o governo de construir escola. Tem que gastar dinheiro em alguma coisa mais útil, pô. Tipo, sei lá, churrasqueira.

5-) De janeiro a maio fecharam 2.325 fábricas em São Paulo. O pior número em vinte anos. Vou jogar a culpa no Lula ou no Doria?

6-) A saída de dólares de 2019 já bateu o recorde de 1999. É a maior fuga de capital desde 1982, quando começou a se contar esse negócio. Vou botar a culpa na Dilma ou no Temer?

7-) Que maravilha aquele pessoal de Araçatuba cantando para a estátua da Liberdade da Havan. Isso é que é patriotismo, pô! No sete de setembro tem que ser no MacDonald’s, kkk!

Pronto, acabei!

@diariodobolso



Conteúdo Relacionado