Arte/Humor

Diário do Bolso, 31 de maio de 2020

 

31/05/2020 13:40

 

 
Diário, eu me distraí! Me desculpe! Já estamos no dia 31 e eu ainda não escolhi o meu funcionário do mês.

Então vamos lá, que o pessoal gosta de ganhar medalhas.

Um bom candidato sempre é o Ricardo Salles, aquele que disse que a covid era uma oportunidade pra passar desregulamentações de baciada. Mas por esses dias quebraram o sigilo bancário dele e encontraram 54 repasses para sua conta pessoal. Pô, se o cara não sabe esconder dinheiro, perdeu ponto comigo.

O Weintraub calado no STF foi um poeta. Que silêncio eloquente!

O Guedes também foi bem este mês. Naquela reunião, ele dizendo que o país estava decolando foi ótimo! Como o cara mente bem! Nem pisca.

Mas este mês o vencedor só pode ser um: o incrível, o magnífico, o augusto... Aras!

Com ele na PGR eu não tenho medo de nada! Aliás, agora essa sigla significa Pizzaria Geral da República, kkk!

Pra começar, ele topou ser indicado mesmo sem estar na lista tríplice dos procuradores. Depois veio falar comigo umas sete vezes antes de ser nomeado oficialmente, pra gente ir ajustando os ponteiros.

Esses dias ele aceitou a minha visita surpresa à PGR e, quando eu saí de lá dizendo que acreditava no arquivamento do inquérito aberto por causa das acusações do Moro, ele nem se importou.

O Aras também ganhou pontos no dia em que arquivou, de uma só vez, seis representações que pediam a abertura de investigação contra mim por conta do que eu fiz na pandemia. Rolezinho, aglomerações, essas bobagens.

Mas o grande lance do cara foi pedir o fim da investigação das fake news. Se o Aras achasse mesmo que a coisa era ilegal, tinha feito o pedido seis meses antes. Só fez quando viu o perigo. Hoje ele é meu guarda-costas. Ou guarda-hemorroidas.

Mas eu só podia esperar isso dele. O Aras veio bem apadrinhado. Foi uma indicação do deputado federal Alberto Fraga (DEM-DF), um ex-coronel pertencente à bancada da bala e envolvido em denúncias de corrupção.

Enfim, Diário, o Aras vai botar o Geraldo Brindeiro, aquele procurador do FHC, no chinelo. E olha que o Brindeiro ficou conhecido como o Engavetador Geral da República.

Mas, com o Aras, a coisa não vai pra gaveta. Vai pra fogueira, kkk!

#diariodobolso






Conteúdo Relacionado