Arte/Humor

Diário do Bolso, 7 de junho de 2021

 

07/06/2021 13:14

(Reprodução/Facebook)

Créditos da foto: (Reprodução/Facebook)

 
Ah, Diário, que pena, o Caboclo, presidente da CBF, caiu...

Pô, só porque o cara fica bêbado e tentou comer a secretária? Quem é que não faz essas coisas?

O ruim nisso daí é que o Caboclo já tinha me garantido que amanhã, logo depois do jogo contra o Paraguai, ia dar um pé na bunda do Tite e chamar o Renato Gaúcho, que é meu fã.

Será que o novo presidente, o Coronel Nunes, vai fazer a mesma coisa? Se é coronel, tem que me obedecer, pô! Afinal, eu sou um Capitão seis estrelas, que manda em general e coronel, kkk!

Na CBF não tem erro: sai um, entra outro, mas é tudo da mesma turma. Acho até que podiam mudar o nome para Confederação Bolsonarista de Futebol.

Mas talvez deixem pra mandar o Tite embora depois da Cova, digo, Copa América. Só pros jogadores não abandonarem o barco de vez.

O Coronel Nunes já foi presidente da CBF antes. E usou um jatinho pago pela entidade para ir a Fernando de Noronha. Ele disse que foi se reunir com dirigentes do futebol local. Mas lá não tem nenhum clube profissional. Ah, esse Nunes..., kkk!

Ele é um cara muito bom de política. Consegue receber R$ 15 mil por mês como perseguido pelo regime militar, mesmo que em 1977 tenha sido nomeado prefeito da sua cidade natal (Monte Alegre, no Pará) pelo próprio regime militar.

Esse é craque! Dribla qualquer um!

A Cova, digo, Copa América tem que acontecer aqui de qualquer jeito. Senão meu gado não vai mais poder vestir a amarelinha. E não existe exército sem uniforme.

#diariodobolso

Conteúdo Relacionado