Idades da Vida

Plataforma numa Cidade Educadora*

04/04/2004 00:00

São Paulo - Osmar Araujo, gerente de projetos, Daniel Cara, coordenador do projeto Grêmio em forma e Marcus Goes, coordenador do projeto Pólos da Paz, mediaram o debate em que os jovens participantes lançaram a idéia de maior participação e espaço na sociedade para que tenham uma vida melhor. Abaixo estão algumas das alternativas que os jovens sugeriram:

- aprender a elaborar projetos;
- captar recursos;
- executar os projetos elaborados;

Para que essas alternativas possam dar certo, é preciso que as pessoas olhem os jovens de outra maneira, tais como:

- A sociedade deve aceitar o jovem como ele é, independentemente do seu estilo, vestimenta, gosto musical, etc.
- Os jovens devem ter espaço amplo de participação para opinar e criticar as decisões governamentais;
- O jovem é responsável também pela preparação das próximas gerações;
- O jovem deve ser ouvido na questão da maioridade penal e das cotas nas universidade.

*. Reportagem escrita voluntariamente por repórteres comunitários formados nos Telecentros da Prefeitura de São Paulo. Mais informações em http://www.agentenarede.com.br


Conteúdo Relacionado