Mãe Terra

Votorantim e Suzano minimizam impactos sobre São Luis do Paraitinga

25/09/2007 00:00

SÃO PAULO - As duas maiores investidoras na região, as empresas Votorantim e Suzano, não confirmam a informação, e afirmam, por sua vez, que realizam diversos investimentos para o fomento a diversidade cultural e ambiental. A Votorantim, com 2 mil hectares de eucalipto em São Luis do Paraitinga, diz, através de sua assessoria de comunicação, que “é importante destacar que o plantio de eucalipto existe no Vale do Paraíba desde os anos 50, em função da vocação florestal da região, aliada ao declínio da atividade pecuária. Hoje, o eucalipto ocupa aproximadamente 10% da porção paulista do Vale do Paraíba”. Além disso, afirma que a empresa “é uma das que mais emprega mão-de-obra rural na região”.

A Suzano, também através de sua assessoria de comunicação, diz que “qualquer atividade extrativa e qualquer monocultura trazem seus impactos, e que a empresa procura minimizá-los. Temos um processo de licenciamento criterioso e um plano de uso de apenas 60% de nossas áreas, com aproximadamente 10% de nossos terrenos utilizados para infra-estrutura. Os 40% restantes são para preservação. De acordo com a legislação são necessários somente 25%, aproximadamente”.

*Leia mais reportagens do Grupo Editorial 100canais em www.culturaemercado.com.br


Conteúdo Relacionado