Pelo Mundo

'É sempre sobre a trapaça': Ocasio-Cortez diz que 'praticamente todas' as políticas de Trump são feitas para saquear os cofres públicos e enriquecer seus amigos

"Já que a corrupção não é uma política popular, o racismo trabalha para escamotear a trapaça. É por isso que falar sobre racismo não é uma 'distração' - é chave para entender a batalha contra o povo trabalhador"

09/09/2019 10:45

(Drew Angerer/Getty Images)

Créditos da foto: (Drew Angerer/Getty Images)

 
Em uma thread que viralizou no Twitter, a deputada Alexandria Ocasio-Cortez detalhou sua visão sobre o fato de que quase todos os elementos da agenda política de Donald Trump são feitos para saquear cofres públicos e enriquecer a ele mesmo e seus amigos.

"Praticamente todas as políticas que Trump persegue trabalham para roubar dinheiro público e enriquecer a ele e seus amigos", disse a Democrata de Nova Iorque, que disse que Trump entrega racismo e xenofobia como uma "fachada para acobertar essas trapaças".

Como exemplos concretos, Ocasio-Cortez citou a decisão da administração de Trump de abrir monumentos nacionais para a exploração corporativa (o que enriquece executivos do combustível fóssil), expandir "campos de concentração nas fronteiras" (o que enriquece CEOs de cadeias privadas), e apontar Betsy DeVos como Secretária de Educação (o que enriquece os tubarões do crédito e financiamento).

De acordo com Ocasio-Cortez, a corrupção gritante da administração Trump não seria possível "sem contar com a simpatia pelas políticas racistas. É sobre isso que era a 'rainha negra da assistência social' de Reagan".

"É por isso que falar sobre racismo não é uma 'distração' – é chave para entender a batalha contra o povo trabalhador. Culturalmente, o racismo é usado como o cacete inominável contra políticas a favor da classe trabalhadora."

A thread do Twitter de AOC veio em resposta à relatos de que, durante sua visita à Irlanda essa semana, o vice-presidente Mike Pence ficou no Hotel Internacional Trump & Golf Links em Doonbeg a pedido do presidente.

"Ao invés de ficar segunda a noite em Dublin, o vice-presidente ficou a 181 quilômetros de distância no outro lado da Irlanda – no Hotel Internacional Trump & Golf em Doonbeg", relatou o NYT. "A pessoa que sugeriu que ele ficasse lá foi o próprio dono do hotel, o presidente Trump."

Leia a thread completa de Ocasio-Cortez:

Praticamente todas as políticas de Trump são feitas para saquear os cofres públicos e enriquecer seus amigos

Estripar monumentos nacionais paga CEOs do combustível fóssil

Campos de concentração nas fronteiras pagam CEOs de cadeias privadas

Betsy DeVos paga tubarões do crédito

É sempre sobre a trapaça. https://t.co/ggINFg52Kw

— Alexandria Ocasio-Cortez (@AOC) 3 de setembro, 2019

É por isso que falar sobre racismo não é uma 'distração' – é chave para entender a batalha contra o povo trabalhador.

Culturalmente, o racismo é usado como o cacete inominável contra políticas a favor da classe trabalhadora./2

— Alexandria Ocasio-Cortez (@AOC) 3 de setembro, 2019

Por exemplo:

Ao conquistar apoio para políticas de imigração super racistas, (campos de concentração, banimento de muçulmanos, etc), os apoiadores ignoram os bilhões de dólares que estão indo para os CEOs de cadeias privadas – que, então, dão um pouco de volta para Trump (exemplo: comitês inaugurais) /3

— Alexandria Ocasio-Cortez (@AOC) 3 de setembro, 2019

A corrupção gritante da administração Trump não seria possível sem contar com a simpatia pelas políticas racistas.

É sobre isso que era a 'rainha negra da assistência social' de Reagan.

Se as pessoas pensam que estão "pagando para outra pessoa", eles irão desmantelar sua própria assistência de saúde.

— Alexandria Ocasio-Cortez (@AOC) 3 de setembro, 2019

Além de moralmente errado, o racismo é uma ferramenta política poderosa usada para desmantelar bens públicos e direitos civis.

Enquanto simpatias preconceituosas existirem (sutis ou gritantes), elas serão usadas. É por isso que convencer as pessoas de que o racismo é uma distração e não algo amplo e institucional, é uma ação estratégica.

— Alexandria Ocasio-Cortez (@AOC) 3 de setembro, 2019

*Publicado originalmente no Common Dreams | Tradução de Isabela Palhares

Conteúdo Relacionado