Pelo Mundo

Bernie Sanders: perguntas a Joe Biden

 

12/03/2020 13:37

 

 
Em uma coletiva de impressa, ontem (11), em Vermont, Bernie Sanders fez o discurso de se segue:

“Muito obrigado a todos por estarem aqui. Deixem-me começar reiterando o que eu tenho dito desde o primeiro dia desta campanha: Donald Trump é o presidente mais perigoso da história moderna do nosso país. E ele tem que ser derrotado.

Tragicamente, temos um presidente hoje que é um mentiroso patológico e vem executando uma administração corrupta. Ele claramente não entende a Constituição dos Estados Unidos e se acha um presidente que está acima da lei.

Na minha opinião, ele é racista, sexista, homofóbico, xenófobo e fanático religioso. Ele tem ser derrotado e farei tudo ao meu alcance para que isso aconteça.

Ontem à noite [referência às derrotas que teve na primárias de terça, 10], obviamente não foi uma boa noite para a nossa campanha do ponto de vista do número de delegados. Perdemos no maior estado em disputa ontem: o estado de Michigan. Perdemos no Mississippi, Missouri e Idaho.

Por outro lado, vencemos em Dakota do Norte e lideramos a contagem de votos no estado de Washington, o segundo maior estado em disputa ontem, com 67% dos votos contados estamos alguns milhares de votos na frente.

O que ficou ainda mais aparente, ontem, é que enquanto estamos perdendo na contagem de delegados, aproximadamente 800 delegados para Joe Biden e 660 para nós, estamos ganhando fortemente em duas áreas extremamente importantes o que determinará o futuro do nosso país.

Pesquisa após pesquisa, incluindo pesquisas de boca de urna, mostram que uma forte maioria do povo americano apoiam a nossa agenda progressista. O povo americano está profundamente preocupado com o nível grotesco de desigualdade de renda e de riqueza neste país e o povo americano quer que os ricos e as grandes corporações lucrativas comecem a pagar sua parcela justa de impostos. Há um apoio esmagador para isso.

O povo americano entende que o salário mínimo federal de 7,25 dólares por hora é um salário de fome. Eles querem aumentar o salário mínimo neste país para pelo menos US$ 15 por hora.

O povo americano entende que, para que nossos filhos consigam fazer parte da classe média deste país, devemos ter faculdades e universidades públicas e escolas técnicas gratuitas. O povo americano entende que não podemos continuar com um sistema de saúde cruel e disfuncional.

É incrível, para mim, ver que, mesmo em estados conservadores como o Mississippi, existe uma compreensão avassaladora de que agora estamos gastando, per capita, o dobro nos cuidados de saúde, do que as pessoas de qualquer outro país, ao mesmo tempo em que 87 milhões de nós permanecem sem seguro ou com seguro insuficiente.

Essa crise, esse sistema de saúde absurdo está ficando cada vez mais óbvio para o povo americano, em especial nesse momento em que enfrentamos o desafio do coronavírus pandêmico. Imaginem enfrentar uma pandemia e ter 87 milhões de pessoas em dificuldades para ir ao médico

quando precisam.

O povo americano sabe, ao contrário de Donald Trump, que as mudanças climáticas são uma ameaça existencial para o nosso país, para nosso planeta e que precisamos transformar nosso sistema de energia dos combustíveis fósseis para sistemas sustentáveis e com eficiência energética.

O povo americano também sabe que precisamos da transformação fundamental de um sistema de justiça criminal falido e racista, bem como um sistema de imigração cruel, que mantém milhões de pessoas vivendo com medo.

Mas não é apenas o debate ideológico que nosso movimento progressista está ganhando.

Estamos vencendo o debate geracional, enquanto Joe Biden continua se saindo muito bem com americanos mais velhos, especialmente aquelas pessoas com mais de 65 anos.

Nossa campanha continua a ganhar a grande maioria dos votos dos jovens e eu estou falando de pessoas não apenas na casa dos 20 anos, mas com 30 e 40 anos, as gerações mais jovens deste país

continuam apoiando, em números muito fortes, nossa campanha.

Hoje eu digo ao establishment democrata: para ganhar no futuro, você precisa ganhar os eleitores que representam o futuro do nosso país e você deve falar sobre os assuntos que lhes interessam. Você não pode simplesmente ficar satisfeito ganhando os votos de pessoas mais velhas.

Embora nossa campanha tenha vencido o debate ideológico, estamos perdendo o debate sobre elegibilidade.

Eu não consigo dizer a vocês quantas pessoas, com quem nossas campanhas falaram, que disseram e cito: "Gosto do que sua campanha representa. Concordo com o que sua campanha representa, mas vou votar em Joe Biden porque eu acho que Joe é o melhor candidato para derrotar Donald Trump”.

Ouvimos essa afirmação em todo o país. Não preciso dizer que discordo totalmente dessa afirmação, mas é isso que milhões de democratas e independentes hoje acreditam.

No domingo, estou muito ansioso para o debate no Arizona com meu amigo Joe Biden e deixem-me ser muito franco quanto às perguntas que farei Joe.

Joe, o que você fará pelas 500.000 pessoas que vão à falência em nosso país por causa de dívidas relacionadas a tratamento médicos?

O que você vai fazer para os trabalhadores deste país e pequenos empresários que estão pagando em média 20 por cento de sua renda com assistência médica?

 Joe, o que você vai fazer para acabar com o absurdo dos Estados Unidos da América ser o único país importante do mundo onde os cuidados de saúde não são um direito humano?

Você realmente vai vetar o projeto do ‘Medicare for all’ se for aprovado no Congresso?

Joe, como você vai responder aos cientistas que nos dizem que temos sete ou oito anos remanescentes para transformar nosso sistema de energia antes que danos irreparáveis ocorram neste planeta por causa da devastação das mudanças climáticas?

Joe, em um momento em que a maioria dos jovens precisa de ensino superior para conseguir fazer parte da classe média, o que você vai fazer para garantir que todas pessoas possam ir para a faculdade ou para escolas técnica independentemente da sua renda?

O que você vai fazer com os milhões de pessoas que estão lutando com níveis ultrajantes de dívida estudantil?

Joe, em um momento em que temos mais pessoas na prisão do que a China comunista, uma nação quatro vezes maior que a nossa, o que você vai fazer para terminar com o encarceramento em massa e um sistema de justiça criminal racista?

O que você vai fazer para acabar com o terror que milhões de pessoas sem documentos experimentam nesse momento por causa do nosso sistema de imigração falido e desumano?

Joe, o que você vai fazer com o fato de termos a maior taxa de pobreza infantil entre quase todos os grandes países do mundo e com nossa convivência com o fato de que 500.000 pessoas hoje à noite estarão sem-teto e os 18 milhões de famílias que estão gastando metade suas rendas para colocar um teto sobre suas cabeças?

Igualmente importante, o que você vai fazer para acabar com o absurdo de bilionários comprarem as eleições e as três pessoas mais ricas da América possuírem mais riqueza do que a metade inferior do nosso povo?

Então, deixe-me concluir como comecei: Donald Trump tem que ser derrotado e farei tudo ao meu alcance para fazer isso acontecer.

No domingo à noite, no primeiro debate individual desta campanha o povo americano terá a oportunidade para ver qual candidato está melhor posicionado para atingir esse objetivo

Muito obrigado a todos.”

*Tradução de César Locatelli

Conteúdo Relacionado