Pelo Mundo

Venezuela recebeu mais migrantes brasileiros do que Brasil recebeu venezuelanos entre 2015 e 2017

Haviam 6.119 imigrantes brasileiros na Venezuela e 3.515 venezuelanos no Brasil até a metade de 2017, segundo relatório divulgado em dezembro pelo Departamento de Assuntos Econômicos e Sociais das Nações Unidas

14/03/2018 13:29

Gosia Malochleb

Créditos da foto: Gosia Malochleb

 

Em 3 de março, o Diário Liberdade publicou uma matéria em que afirmava que a Venezuela recebeu mais migrantes brasileiros do que o Brasil havia recebido venezuelanos no ano de 2017. Entretanto, como alguns leitores observaram, houve uma confusão nos dados

Na verdade, haviam 6.119 imigrantes brasileiros na Venezuela e 3.515 venezuelanos no Brasil até a metade de 2017, e não a partirdo início de 2017, segundo relatório divulgado em dezembro pelo Departamento de Assuntos Econômicos e Sociais das Nações Unidas, que pode ser baixado aqui

O relatório abarca o període de 1990 até 2017, dividindo o acumulado de migrantes a cada cinco anos. Sendo assim, em 2000 a Venezuela tinha 1.013.663 imigrantes em seu território, dos quais 4.828 eram brasileiros. Por sua vez, o Brasil tinha 684.596 imigrantes, sendo 2.167 provenientes da Venezuela

No último período (2015-metade de 2017), houve um aumento de 93 brasileiros que migraram para a Venezuela, enquanto que 90 venezuelanos fizeram o caminho inverso, de acordo com os dados oficias compilados pela ONU

Em 2015, o país caribenho tinha 1.404.448 imigrantes, dos quais 6.026 saíram do Brasil. Já na primeira metade de 2017, eram 1.426.336 os imigrantes que viviam na Venezuela, dos quais 6.119 eram brasileiros

Também em 2015, o Brasil tinha 716.568 imigrantes (3.425 venezuelanos). Até a primeira metade de 2017, o número total de imigrantes era de 735.557 e o de venezuelanos era de 3.515

Já em comparação com a Colômbia, o número de cidadãos desse país que migraram para a Venezuela entre 2015 e a metade de 2017 passou de 973.315 para 988.483, enquanto que o de venezuelanos que foram viver no país vizinho pulou de 48.714 para 49.829.



Emigrantes
Por outro lado, o número de cidadãos que saíram da Venezuela para viver em outros países era de 320.040 no ano 2000. Na primeira metade de 2017, era de 657.439, o que significa que a cifra mais do que dobrou

Entre 2015 (pouco após o início da crise econômica no país) e a metade de 2017, o crescimento no percentual de emigrantes foi de 2,6%, menor do que o do Brasil no mesmo período (3,5%) – o gigante sul-americano tinha 1.612.860 emigrantes em 2017, 66,4% a mais do que em 2000.



Conteúdo Relacionado