Editorial

O 'ILUMINISMO' DEMOTUCANO: DEPOIS DO ABORTO, A CAÇA ÀS 'BRUXAS'

07/10/2010 07:18

ESTADÃO DEMITE MARIA RITA KHEL: "Fui demitida pelo jornal o Estado de S. Paulo pelo que consideraram um "delito" de opinião (...) Como é que um jornal que anuncia estar sob censura, pode demitir alguém porque a opinião da pessoa é diferente da sua?"[entrevista ao portal Terra]

Artigo que motivou a demissão criticava a desqualificação dos votos dos pobres pelos ricos

Trechos do artigo de Maria Rita Khel, 'Dois Pesos"

'Não se fazem mais pés de chinelo como antigamente'

"O argumento já é familiar ao leitor: os votos dos pobres a favor da continuidade das políticas sociais implantadas durante oito anos de governo Lula não valem tanto quanto os nossos. Não são expressão consciente de vontade política. Teriam sido comprados ao preço do que parte da oposição chama de bolsa-esmola".