Clipping Internacional

Clipping Mundo - 12/01/2022

Notícias internacionais sobre o Brasil; Notícias do Mundo; e Artigos

12/01/2022 08:31

(Reprodução/FUP)

Créditos da foto: (Reprodução/FUP)

 
1. NOTÍCIAS INTERNACIONAIS SOBRE O BRASIL

REFORMA TRABALHISTA/ O PT brasileiro e o PSOE espanhol concordam em continuar o diálogo sobre a reforma trabalhista. O compromisso foi feito em reunião virtual que Lula e dirigentes do PT e centrais sindicais brasileiras tiveram com representantes do governo espanhol, PSOE e sindicatos espanhóis para discutir possíveis mudanças nas reformas trabalhistas aprovadas nos dois países. "Os dois lados concordaram em continuar aprofundando o intercâmbio e o diálogo para melhorar a legislação trabalhista", informou o PT em comunicado divulgado por Lula em suas redes sociais. Do lado brasileiro, estarão presentes a presidente do PT, Gleise Hoffman, o presidente da Fundação Perseu Abramo, Aloizio Mercadante, e os dirigentes sindicais Sergio Nobre (CUT), Miguel Torres (Força Sindical), Ricardo Patah (UGT), René Vicente (CTB) ), Moacyr Roberto Tesch Auersvald (Nova Central Sindical) e Edson Carneiro Índio (Intersindical). (El Diário, Espanha; El País, Espanha) | bit.ly/3r8LEjv | bit.ly/3FmavWb

AMAZÔNIA-ASSASSINATOS/ Anistia Internacional “indignada” com homicídio de três ambientalistas no Brasil. O Brasil é o quarto país com mais ecologistas assassinados no mundo. As vítimas, que foram mortas a tiros, foram identificadas como “Zé do Lago”, a sua esposa Márcia, e a filha do casal, Joene (menor de idade), cujos corpos foram encontrados no domingo em estado avançado de decomposição perto de onde moravam, numa casa às margens do Xingu, um dos maiores e mais importantes rios da Amazónia brasileira. A família, que morava naquela região amazónica há duas décadas, destacava-se pelas suas ações de proteção ambiental e pelo esforço de salvar as tartarugas de rio, protegendo os seus ninhos e libertando centenas de crias todos os anos. Apesar de a Polícia Civil do Pará ter assumido a investigação, até ao momento não possui pistas ou suspeitos, nem uma tese sobre os possíveis motivos do triplo homicídio. Segundo a Anistia Internacional, o crime confirma o Brasil como o quarto país com mais ecologistas assassinados no mundo, de acordo com dados da organização Global Witness. (Expresso, Portugal) | bit.ly/31R3xL9

INFLAÇÃO/ A inflação do Brasil em 2021 é o dobro de 2020 e é a mais alta em seis anos. A inflação no Brasil em 2021 foi de 10,06%, com a qual o índice de preços encerrou o ano em dois dígitos, algo que não se via desde 2015, quando a taxa chegou a 10,67% em plena recessão econômica. Os responsáveis desta vez foram os altos custos dos combustíveis -especialmente gasolina- e eletricidade, desencadeados pela pandemia de coronavírus e pela crise energética que o país vivenciou devido à falta de chuvas. Os combustíveis acumularam alta de 49,02% no ano, enquanto a energia elétrica registrou alta de 21,21%, segundo relatório divulgado nesta terça-feira pelo IBGE. O Produto Interno Bruto (PIB) da maior economia da América Latina caiu 0,1% no terceiro trimestre em relação ao segundo, após ter contraído 0,4% nos três meses anteriores. (El Diário, Espanha) | bit.ly/3zR10wP

INUNDAÇÕES/ Dez pessoas morreram em inundações após chuvas torrenciais em Minas Gerais. As últimas dez pessoas que morreram em enchentes ou deslizamentos de terra, entre eles, cinco familiares - incluindo duas crianças de três e seis anos - morreram quando seu carro foi coberto por um deslizamento de terra em um deslizamento de terra na cidade de Brumadinho. Desde o início das chuvas no início de outubro, 19 pessoas morreram no estado devido às inundações, enquanto mais de 17.200 outras tiveram que deixar suas casas. Cerca de 145 dos 853 municípios mineiros tiveram, portanto, de declarar estado de emergência. (La Presse, Canadá; El Diário, Espanha; El Espectador, Colombia; Le Parisien, França; Global Times, China; Últimas Notícias, Venezuela) | bit.ly/3qsHowh | bit.ly/3K1FMkF | bit.ly/3Flyogg | bit.ly/3zOm4Ec | bit.ly/339E5RD | bit.ly/3qhKHWW

PANDEMIA/ Coronavírus: isolamento obrigatório para pacientes assintomáticos reduzido de 10 para 5 dias. O governo brasileiro reduziu de 10 para 5 dias o isolamento obrigatório para pessoas que contraem coronavírus mas de forma assintomática. A redução do tempo de isolamento obrigatório para pacientes assintomáticos foi anunciada pelo ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, após reunião de técnicos em que foram analisadas medidas semelhantes adotadas por outros países, como Estados Unidos e Argentina. (EL Clarín, Argentina) | bit.ly/3qdgrwj

BOLSONARO/ Bolsonaro cria nova estratégia de mídia social antes das eleições no Brasil. Líder ‘populista’ muda para o Telegram enquanto os críticos denunciam a falta de responsabilidade do aplicativo. (Financial Times, Inglaterra) | on.ft.com/33daEy7

PANDEMIA-OMICRON/ Omicron já prevalece no Brasil. A variante Ómicron do vírus SARS-CoV-2, causador da covid-19, já prevalece no Brasil, anunciou esta terça-feira o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga. Ministro da Saúde brasileiro mencionou que o país tentou impedir que a Omicron entrasse no país, mas o vírus chegou e espalhou-se. "Infelizmente ela já é prevalente aqui no Brasil, nós estamos a assistir a um aumento de casos e, como em outros países que têm uma campanha de vacinação forte como a nossa, a nossa expetativa é que não haja um impacto em hospitalizações e em óbitos", disse o ministro. (Correio da Manhã, Portugal) | bit.ly/3HURGLm

JOVEM NA FAVELA/ Jovens de bairros pobres partem para conquistar o mundo digital. Até recentemente, moradores de bairros pobres do Brasil tinham pouco acesso ao mundo digital. Mas os jovens agora estão encontrando maneiras de ganhar dinheiro e reconhecimento, ao mesmo tempo em que escapam de sua realidade no mundo virtual. (Der Spiegel, Alemanha) | bit.ly/3Flyp3O

2. NOTÍCIAS DO MUNDO

CHILE/ ‘Filhos de Pinochet’: o governo de Sebastián Piñera lança um plano de busca de vítimas de adoção ilegal durante a ditadura. Organizações sociais criticaram que o governo não priorizou a criação de um banco nacional de dados genéticos. O governo chileno anunciou o lançamento de um projeto piloto para agilizar a busca e localização das cerca de 700 vítimas de adoções ilegais realizadas durante a ditadura cívico-militar de Augusto Pinochet (1973-1990) que estão no exterior e em território chileno. No entanto, da ONG ‘Hijos y Madres del Silencio’ e da comissão parlamentar para a investigação de adoções ilegais, lamentaram que o governo cessante não tenha cumprido o compromisso de criar um banco nacional de impressões digitais e não tenha trabalhado com organizações sociais para a assembleia de a iniciativa piloto. (Página 12, Argentina) | bit.ly/3Gp04Ck

PERU/Aumenta a rejeição à sentença de difamação contra um jornalista no Peru. Organizações alertam que um juiz questionou as obrigações internacionais do país sul-americano em termos de liberdade de expressão. A Associação Interamericana de Imprensa (SIP) e a divisão das Américas da ‘Human Rights Watch’ lamentaram a sentença de um juiz por difamação agravada contra um jornalista e o diretor da Penguin Random House no Peru por violar a jurisprudência internacional e as obrigações do Estado sobre a liberdade de expressão. Mais de uma dúzia de instituições peruanas e internacionais rejeitaram a decisão de segunda-feira, que deu razão parcial ao ex-candidato presidencial e empresário César Acuña, que argumenta que algumas frases do livro Plata como cancha -um perfil de sua carreira- prejudicaram sua "honra ". (El País, Espanha) | bit.ly/3qhGpif

EUA-6 DE JANEIRO/ Painel do Congresso sobre a invasão do Capitólio se aproxima do círculo íntimo de Trump com três novas intimações. As intimações sugerem que o comitê examine se o discurso de Trump no comício sugere que a Casa Branca tinha conhecimento prévio dos planos de ataque. As novas intimações mostram que o comitê seleto está se aproximando cada vez mais de Trump em sua investigação e sugere que o painel agora está examinando se o discurso do ex-presidente sugeriu que a Casa Branca tinha conhecimento prévio dos planos de ataque ao Capitólio. O congressista Bennie Thompson, presidente do comitê seleto, emitiu intimações aos ex-estrategistas da Casa Branca Andy Surabian e Arthur Schwartz, sugerindo que eles ajudaram a coordenar a aparição de Trump se comunicando com os organizadores e palestrantes do comício. (The Guardian, Inglaterra) | bit.ly/3reevTs

EUA-DIREITO AO VOTO/ Biden parte para a ofensiva e exige que Congresso aprove reforma eleitoral. O presidente dos Estados Unidos defende o fim da prática parlamentar de longa data da necessidade de uma maioria qualificada de três quintos no Senado para realizar projetos legislativos. A Casa Branca transferiu para o território sagrado dos direitos civis sua mensagem de apoio à reforma eleitoral, à qual os republicanos se opõem e que definha no Senado devido ao rigor imposto pela prática arraigada da obstrução, que traduzida em números, implica a necessidade de reunir três quintos (60 votos de um total de 100) para que uma lei seja aprovada. Com 19 estados da União que aprovaram no ano passado 34 leis que dificultam o voto das minorias em geral, mas especialmente dos negros, o presidente declarou em julho a luta contra as regras republicanas restritivas como “o teste mais significativo para a democracia americana. desde a Guerra Civil”. (Libération, França; El País, Espanha) | bit.ly/3fek9Q7 | bit.ly/3fcYN5D

EUA-GUANTANAMO/ Guantánamo aos 20 anos: 'Um símbolo global da injustiça americana, tortura e abuso de poder'. No 20º aniversário da chegada dos primeiros detidos dos EUA à Baía de Guantánamo, DW falou sobre a situação com um especialista em direitos humanos, bem como com o homem encarregado de fechar a prisão em 2013. (Deutsche Welle, Alemanha) | bit.ly/3fgLxwF

CANADÁ-PANDEMIA/A Província de Quebec vai tributar os não vacinados. A província canadense, fortemente afetada pela onda Omicron, implementará nas próximas semanas um novo imposto – chamado “contribuição de saúde” – que afetará apenas pessoas não vacinadas contra a Covid-19. Estes representam 10% da população. "Estamos trabalhando em uma contribuição de saúde" para "todos os adultos que se recusam a ser vacinados" porque representam "um fardo financeiro para todos os quebequenses", disse o primeiro-ministro de Quebec, François Legault. (Les Echos, França) | bit.ly/3FeCpTS

VACINA-NOVAS VARIANTES/Novas doses de reforço das mesmas vacinas não são estratégia viável contra novas variantes, diz OMC. Especialistas pedem o desenvolvimento de novas vacinas que protejam contra a transmissão do vírus em primeiro lugar. Especialistas da Organização Mundial da Saúde alertaram que a repetição de doses de reforço das vacinas originais contra o Covid não é uma estratégia viável contra variantes emergentes e pediram novas injeções que protejam melhor contra a transmissão. (The Guardian, Inglaterra) | bit.ly/3ng8yEA

3. ARTIGOS/ENTREVISTAS

Guilherme Camponês, entrevista - Brasil/barragens (RFI, França) | "’Em Minas Gerais, vivemos com bombas-relógio’, diz biólogo do Movimento dos Atingidos por Barragens” | bit.ly/3fdUoze

Rocca, Magalhães, Pearson, reportagem – América Latina/religião (The Wall Street Journal, EUA) | “Por que a Igreja Católica está perdendo a América Latina. Pentecostais conservadores fazem grandes incursões apesar do primeiro papa da região” | on.wsj.com/3tsJpdo

Rocío Montes – América Latina (El País, Espanha) | “Os 10 riscos políticos que ameaçam a América Latina em 2022” | bit.ly/31TmVHm

Ricardo Romero - América Latina (Tiempo Argentino, Argentina) | “Fechar as veias abertas” | bit.ly/3fxoQol

Osvaldo Torres – Chile (Página 12, Argentina) | “Chile: o futuro está aberto” | bit.ly/3JY4HFT

David Acemoglu, entrevista - Capitalismo/desigualdade (The New York Times, EUA) | “Economista culpa mais a tecnologia pelo aumento da desigualdade” | nyti.ms/3r9JfF5

Clair Mac Dougall – EUA/direitos humanos (The Nation, EUA) | “Guantánamo ainda é ‘um buraco negro de sigilo’" | bit.ly/3GnpvV4

Dave Zirin – Austrália/Djokovic (The Nation, EUA) | “Novak Djokovic não é Spartacus. Enquanto a estrela do tênis é petulante e egoísta, o Estado australiano é racista e arbitrário.” | bit.ly/3qmlaeY

Conteúdo Relacionado