Clipping Internacional

Clipping Mundo - 17/10/2021

Notícias internacionais sobre o Brasil; Notícias do Mundo; e Artigos

17/10/2021 09:45

(Ueslei Marcelino/Reuters)

Créditos da foto: (Ueslei Marcelino/Reuters)

 
1. NOTÍCIAS INTERNACIONAIS SOBRE O BRASIL

LULA/ Lula acumula vitórias judiciais e busca aliados para as eleições. "A verdade vencerá", tem sido seu mantra desde as primeiras suspeitas. Quase todos os processos criminais contra o ex-presidente brasileiro foram arquivados nos últimos meses. Os tribunais e as pesquisas eleitorais deram grande alegria ao ex-presidente Lula da Silva, de 75 anos, nos últimos tempos. Sua sorte mudou drasticamente em 8 de março, quando suas duas condenações por corrupção foram inesperadamente anuladas pela Suprema Corte. Nos últimos meses, foram encerrados mais um punhado de casos em que o líder do PT foi investigado por suposta corrupção. O expediente de vários dos casos deriva de outra decisão judicial, que declarou que Sergio Moro não foi imparcial ao julgar o ex-presidente. Com a anulação das sentenças, Lula recuperou seus direitos políticos, mas ainda arrastou uma lista considerável de processos judiciais. Durante os últimos meses, eles foram diluídos até quase desaparecerem por um fio de decisões nos tribunais. Ele tem 19 vitórias, segundo sua defesa. (El País, Espanha) | bit.ly/3mZ6Y8V

BOLSONARO 1/Jair Bolsonaro será denunciado criminalmente por sua gestão durante a pandemia. O presidente do Brasil teria cometido onze crimes. Os legisladores consideram que ele não cumpriu "seu dever legal de prevenir a morte de milhares de brasileiros". A comissão de investigação da pandemia do Senado brasileiro acusará formalmente o presidente Jair Bolsonaro com queixas perante a Justiça brasileira por onze crimes, incluindo genocídio de povos indígenas, crimes contra a humanidade e desvio de dinheiro público para comprar remédios sem eficácia contra a Covid. O anúncio foi feito nesta sexta-feira pelo senador Renan Calheiros, relator da CPI. (Página 12, Argentina; Financial Times, Inglaterra; Telesur, Venezuela; Última Hora, Paraguai) | bit.ly/3viSMvc | on.ft.com/3vswhEo | bit.ly/3n0u6UK | bit.ly/3lVYh05

BOLSONARO 2/ Bolsonaro diz que vai alocar recursos de saúde e educação para os absorventes íntimos. O presidente do Brasil, alvo de críticas por seu veto à distribuição gratuita de absorventes higiênicos para meninas e mulheres em situação de vulnerabilidade social, afirmou que se o Congresso revogar sua decisão, alocará recursos de saúde e educação para “cumprir "com a lei. No Rio de Janeiro, manifestantes se reuniram no final da tarde na Praça da Cinelândia, onde criticaram a "falta de sensibilidade" do presidente. O projeto faz parte de um amplo pacote de leis para promover a saúde menstrual no país, onde uma em cada quatro meninas já parou de ir à escola por não poder comprar absorvente higiênico, segundo estudo da Organização das Nações Unidas (ONU). (El Diário, Espanha) | bit.ly/3aIXhWn

BOLSONARO 3/Bolsonaro diz que chora sozinho na casa de banho e que a mulher nunca viu. Presidente do Brasil participou num evento promovido por uma igreja evangélica em Brasília, onde voltou a criticar as medidas de confinamento por causa da pandemia de Covid-19. (Público, Portugal; El Mundo, Espanha) | bit.ly/3DN9cPr | bit.ly/3DMCOfZ

GUILHERME BOULOS/ Reeleição de Bolsonaro seria a "destruição do Brasil ", diz ex-candidato presidencial. Guilherme Boulos considera que brasileiros vão "lutar com todas as forças" contra reeleição do atual presidente. E vê 'geringonça' em Portugal como inspiração para o Brasil. Ex-candidato presidencial brasileiro elogiou o acordo parlamentar à esquerda, que viabilizou o governo socialista português em 2015. (Correio da Manhã, Portugal) | bit.ly/3mWbl4G | bit.ly/3AQUK7p

600 MIL MORTOS/ Bandeiras brancas em frente ao Congresso Brasileiro pelas 600.000 mortes de covid. Uma associação de vítimas colocou 600 bandeiras brancas em frente ao Congresso Brasileiro em Brasília na sexta-feira, em memória das mais de 600 mil mortes associadas à Covid-19 desde o início da pandemia no país. (El Diário, Espanha) | bit.ly/3APnxsM

PCC/Maior grupo criminoso brasileiro exibe força no Paraguai com seis assassinatos em uma semana. A influência do Primeiro Comando da Capital (PCC), a máfia mais poderosa da América do Sul, está crescendo nas cidades fronteiriças de Pedro Juan Caballero e Ponta Porã, focos do tráfico internacional de drogas. Uma série de mortes violentas em Pedro Juan Caballero, no Paraguai, alertou sobre o domínio de facções criminosas na fronteira daquele país com o Brasil. A região de fronteira de Pedro Juan Caballero e sua cidade gêmea, Ponta Porã, no estado brasileiro de Mato Grosso do Sul, tornou-se uma das áreas mais cobiçadas para o tráfico internacional de drogas. (El País, Espanha) | bit.ly/2YWJt82

O MANTO TUPINAMBÁ/ A volta do manto tupinambá: como indígenas da Bahia retomaram peça sagrada que só era vista na Europa. Quando viram pela primeira vez um manto tupinambá, por trás de uma vitrine da exposição que comemorava os 500 anos do Brasil, Dona Nivalda e Seu Aloísio choraram. “Toda história do nosso povo está aqui”, disse a líder indígena na ocasião. O manto de penas vermelhas do século 17 exposto era um dos raros exemplares desse objeto histórico e ritual tão importante para comunidades da costa brasileira, todos conservados em museus da Europa. (RFI, França) | bit.ly/3vkA2LP

ALEXANDRE DE MORAES/ Juiz Alexandre de Moraes, a besta negra de Bolsonaro. O ex-ministro da Justiça, com um passado polêmico, é no Supremo Tribunal Federal o relator das principais investigações contra o chefe de Estado e seus familiares. (Le Monde, França) | bit.ly/3vo61Lo

EXÉRCITO NORTE-AMERICANO/ Bolsonaro autoriza entrada e de militares dos EUA no Brasil para treino conjunto. O presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, autorizou a "entrada" e "permanência temporária" das Forças Armadas norte-americanas para um treino conjunto com o Exército entre 28 de novembro e 18 de dezembro em território brasileiro. O contingente de tropas dos Estados Unidos da América (EUA) será composto por 240 militares equipados com armas, munições, dispositivos óticos e sensores, entre outros, para a realização dos exercícios, conforme o decreto do presidente brasileiro. (Jornal de Notícias, Portugal) | bit.ly/3FX3xIL

MST/ No Brasil, financiamento ao resgate de camponeses "sem terra". A organização camponesa, que faz parte do movimento altermundialista, descobre as vantagens do capitalismo. E emite títulos para sobreviver. Desde sua fundação, o Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST), que desde 1984 faz campanha pela reforma agrária, se destacou principalmente pela ocupação de terras agrícolas improdutivas, em um país onde menos de 2% dos agricultores possuem terras. área rural. E agora os camponeses do MST estão invadindo ... o mercado de capitais! (L’Express, França) | bit.ly/2Z6fsmJ

2. NOTÍCIAS DO MUNDO

PANDORA PAPERS-SUÍÇA/‘Pandora Papers’. Na Suíça, a evasão fiscal prospera confortavelmente. Sob pressão internacional, a Suíça está retirando seu sigilo bancário sacrossanto, mas, em escala global, permanece no pódio das jurisdições que oferecem a caixa de ferramentas mais ampla e opaca para os detentores de capital. Mas como então? Se os banqueiros, no sentido estrito, devem agora manter a cabeça baixa, advogados, notários, consultores financeiros e gestores de fortunas, todos os quais podem assumir o papel dos primeiros, em grande parte mantêm as mãos livres e continuam a fazê-lo. lei sobre lavagem de dinheiro. Na primavera passada, o lobby da indústria suíça conseguiu adiar um projeto de revisão legislativa que obrigaria esses intermediários, os grandes arquitetos dos esquemas de evasão fiscal, a não mais se refugiarem em seu "sigilo profissional" para aumentar o número de empresas de fachada e proteger seus clientes a todo custo. (L’Humanité, França) | bit.ly/2XoCLrg

ARGENTINA/Documentário expõe as empresas e sua responsabilidade corporativa na colaboração com o terrorismo estatal argentino na ditadura. O documento discreto de Jonathan Perel se concentra nas empresas, ainda em atividade, que colaboraram com as mortes e torturas que se seguiram ao golpe de 1976. Jonathan Perel fez um documentário de um homem furtivamente poderoso sobre o envolvimento corporativo em atrocidades de direitos humanos durante a ditadura militar da Argentina após o golpe de 1976. É um relato de como as empresas ajudaram no terrorismo de estado: sequestro, tortura e assassinato de funcionários considerados subversivos, principalmente sindicalistas ou ativistas políticos. (The Guardian, Inglaterra) | bit.ly/3aIE47k

EUA/ Em Chicago, metade da polícia está suspensa por não dizer se foi vacinada contra o coronavírus. Prefeita Lori Lightfoot enfrenta o sindicato de policiais. A prefeitura de Chicago vai suspender metade de seus policiais a partir da meia-noite desta sexta-feira por se recusarem a informar se foram vacinados contra o coronavírus. A medida prejudica as relações entre parte da força policial e Lori Lightfoot, a prefeita da cidade com o maior número de assassinatos nos Estados Unidos. "Não vou ficar de braços cruzados enquanto a retórica dos teóricos da conspiração ameaça a saúde e a segurança dos residentes e dos primeiros respondentes de Chicago", disse a prefeita. (Página 12, Argentina) | bit.ly/3vin8hm

CHILE/ Foi formada a comissão que estudará a denúncia que visa destituir Piñera. Esta quarta-feira foi apresentada no Congresso chileno uma denúncia constitucional contra o presidente Sebastián Piñera pela venda de uma mineradora por meio de uma empresa offshore localizada nas Ilhas Virgens Britânicas. O documento foi apresentado com a assinatura de representantes de todas as bancadas da oposição. Além da acusação constitucional, a revelação dos ‘Pandora Papers’ levou à abertura de uma investigação pelo Ministério Público do Chile. Em abril, um grupo de deputados chilenos já havia estudado a possibilidade de ajuizar uma acusação constitucional contra Piñera, por ter apresentado recurso para bloquear a terceira retirada de fundos de pensão. (La Diária, Uruguai) | bit.ly/3DTdTYh

ITÁLIA/200 mil pessoas se mobilizam contra o fascismo. A esquerda mostra músculo. “Fascismo, nunca mais” diziam as faixas dos manifestantes pedindo o banimento do grupo neofascista Fuerza Nueva (FN), cujos dirigentes estão entre os presos após a destruição da sede da CGIL após uma manifestação em que protestaram contra o obrigação de portar passaporte de saúde em todos os locais de trabalho. “Não é uma opinião, é um crime”, declarou Pierpaolo Bombardiere, secretário-geral da UIL, a organização sindical que convocou a mobilização. Enquanto isso, o chefe da CISL, Luigi Sbarra, exortou o governo a "dissolver imediatamente todas as organizações neofascistas e neonazistas". (Página 12, Argentina; El Diário, Espanha) | bit.ly/3AUb5Id | bit.ly/2XqjvK0 | bit.ly/3DNGcHp

VENEZUELA/ Governo venezuelano suspende participação no diálogo com a oposição. Alex Saab extraditado para os Estados Unidos. O empresário é suspeito por Washington de ser o chefe de uma rede que permitiu a Nicolas Maduro desviar ajuda alimentar para a Venezuela. (Le Monde, França) | bit.ly/3BP2OqA

CUBA/ Cuba busca sair da pandemia e se prepara para um “grande” retorno do turismo. Com os casos da Covid em declínio, o governo quer revitalizar um setor crucial para a economia. (El Clarín, Argentina) | bit.ly/3lQymXC

3. ARTIGOS/ENTREVISTAS

Eric Nepomuceno – Brasil (Página 12, Argentina) | “Brasil: crescem a miséria e a fome” | bit.ly/3DMCHkz

Guilherme Boulos, entrevista (áudio) – Brasil (Lusa, Portugal) | “Guilherme Boulos vê 'geringonça' em Portugal como inspiração para o Brasil” | bit.ly/3ANA1RN

Andrés del Río e André Rodrigues –Brasil (El Espectador, Colômbia) | “Sob o governo de Bolsonaro: 1.000 dias de mentiras e uma verdade” | bit.ly/3viSHro

Jean Wyllis e Julie Wark – Brasil/meio ambiente (Counterpunch, EUA) | “Brasil, Amazônia, Mundo: Crimes Contra a Humanidade” | bit.ly/3vy11E5

Maurizio Landini, entrevista - Extrema direita/Europa (El País, Espanha) | "O fascismo é um problema europeu, não apenas italiano" | bit.ly/3j8rL8W

Eduardo Febbro – Extrema direita/França (Página 12, Argentina) | “O voto trabalhador francês migrou para a ultradireita” | bit.ly/3voyfp5

Cas Mudde – EUA (The Guardian, Inglaterra) | “Surpreso em ver os republicanos dos EUA se aproximando da extrema direita europeia? Não esteja” | bit.ly/3lO6kf9

Gita Gopinah, entrevista - Economia mundial (El País, Espanha) | “Estagflação? A economia mundial vai crescer uns 5,9 % este ano.” | bit.ly/3aMxOeY

Carlos Noriega – Peru (Página 12, Argentina) | “Crise no Peru: o partido do presidente Pedro Castilho saiu do governo” | bit.ly/2Xo1EmU

Amaury Valdivia – Cuba (Esquerda.net, Portugal) | “Cuba no pós-quarentena com as reformas a meio caminho” | bit.ly/3DPBj0I

Boris Acosta Reyes – Bolívia (Esquerda.net, Portugal) | “Bolívia: Marchas, tensão política e ameaças de desestabilização” | bit.ly/3DLK4bW

Jerôme Gautheret – Itália (Le Monde, França) | “A ambiguidade da direita italiana diante dos neofascistas” | bit.ly/3lOq6Hl

Joana Ramiro – Portugal/vacinação (Jacobin, EUA) | “Portugal é o país mais vacinado do mundo porque sua população confia em seu sistema de saúde gratuito” | bit.ly/3lLXEGe



Conteúdo Relacionado