Clipping Internacional

Clipping Mundo - 29/10/2021

Notícias internacionais sobre o Brasil; Notícias do Mundo; e Artigos

29/10/2021 08:40

(Joedson Alves/EPA)

Créditos da foto: (Joedson Alves/EPA)

 
1. NOTÍCIAS INTERNACIONAIS SOBRE O BRASIL

BOLSONARISTA CASSADO/Deputado brasileiro, próximo de Bolsonaro, cassado por desinformação. Fernando Francischini alegou, sem apresentar provas, que as urnas eletrônicas haviam sido manipuladas para impedir a vitória de Jair Bolsonaro em 2018. Seis dos sete juízes do TSE votaram pelo impeachment do deputado regional de direita Fernando Francischini, que tinha assento na legislatura do estado do Paraná (sul do país). Ele também foi declarado inelegível até 2026. O delegado da Polícia Federal Francischini também foi um dos coordenadores de campanha de Jair Bolsonaro para as eleições presidenciais de 2018. (Le Monde, França; Tribune de Genève, Suíça; El Espectador, Colômbia; Últimas Notícias, Venezuela) | bit.ly/3CuosR7 | bit.ly/3Bqs3ym | bit.ly/3boGJDI | bit.ly/3pLLUWr

BOLSONARO-PGR/Procurador abre investigação preliminar a supostos crimes de Bolsonaro. O procurador-geral da República (PGR) brasileiro abriu na quinta-feira uma investigação preliminar aos alegados crimes cometidos durante a pandemia de Covid-19 por 13 políticos, incluindo o presidente, Jair Bolsonaro, noticiou a imprensa local. Em causa está um relatório da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI), sobre alegadas falhas e crimes cometidos na pandemia no Brasil. (Jornal de Notícias, Portugal; Correio da Manhã, Portugal; Diário de Notícias, Portugal) | bit.ly/3Cuoto9 | bit.ly/3mnstkQ | bit.ly/3vZyxTU

BOLSONARO-MOURÃO/ A Justiça eleitoral arquiva denúncia a chapa Bolsonaro-Mourão nas eleições em 2018. Embora o Tribunal reconheça haver ‘indícios’, considerou que não havia "evidências" de que essas mensagens massivas, que até incluíram o uso de robôs, "tenham sido decisivas para desequilibrar o processo". Mas, o ministro Alexandre de Moraes, que presidirá o TSE nas eleições de 2022, indicou que há três anos a justiça "foi pega de surpresa por essas milícias digitais", embora tenha alertado que nas próximas eleições serão "travadas com todo o rigor" e novas regulamentações que cobrem o uso de redes sociais em campanhas. “Quem se envolver nessas práticas irá para a cadeia”, alertou De Moraes, também integrante do Supremo Tribunal Federal e responsável por um processo de informações falsas nas redes sociais, que tem o Bolsonaro entre os investigados. (El Diário, Espanha; La Diária, Uruguai) | bit.ly/3BqAOIA | bit.ly/3BrO8N4

BOLSONARO/Polêmica na Itália: Bolsonaro se tornará cidadão honorário de uma pequena cidade italiana. Controvérsia entre forças políticas. A diocese de Pádua: "Constrangimento pela decisão". Para o secretário regional do Partido Democrata Alessandro Bisato é uma "indignação inútil e fora de prazo" que visa o reconhecimento público de um "político misógino, alérgico à democracia e aos direitos civis, negador da Covid e antivax declarado". O presidente brasileiro Jair Bolsonaro viajará para uma pequena cidade no nordeste da Itália de onde seus ancestrais vieram na segunda-feira para receber uma polêmica cidadania honorária. A prefeita de Anguillara Veneta (Veneto) agradece ao Brasil a acolhida dispensada aos seus habitantes no final do século XIX, inclusive aos ancestrais do presidente brasileiro. Jair Bolsonaro, acusado por uma comissão de inquérito do Senado brasileiro de ter "deliberadamente exposto" seus compatriotas à "contaminação em massa" por sua negação da gravidade da crise de saúde, chegará na sexta-feira em Roma para participar da cúpula do G20 organizada neste fim de semana em Roma. (Tribune de Genève, Suíça; La Repubblica, Itália; La Stampa, Itália) | bit.ly/3bjbBFD | bit.ly/3bjM92E | bit.ly/3EHRe1B

BOLSONARO/ Em vídeo Jair Bolsonaro perguntou quanto custa nomear um juiz no Tribunal, sem saber que estava já no ar. “Preste atenção: quanto você acha que vale um cargo para o Tribunal Supremo ...?” Perguntou o presidente brasileiro, que parou ao perceber que suas próprias redes sociais estavam transmitindo ao vivo. O presidente sofre bloqueio no Senado para aprovar a nomeação de seu ex-ministro da Justiça André Mendonça, pastor presbiteriano que é uma das bandeiras de seu governo. Esta é a segunda nomeação de Bolsonaro para um cargo no Supremo Tribunal Federal: em 2020, os senadores aprovaram o nome de Kassio Nunes Marques para preencher a vaga do ex-juiz Celso de Mello. (Página 12, Argentina) | bit.ly/3bjbutH

REUNIÃO G-20/ Bolsonaro viaja a Roma para participar da Cúpula do G20. De acordo com o Itamaraty, as "prioridades" do Brasil nesta cúpula se concentram em quatro grandes eixos: saúde, comércio exterior, meio ambiente e inclusão social. Ao contrário de outros líderes do G20, que após comparecerem à reunião de Roma seguirão para a cidade escocesa de Glasgow para participar da COP 26, Bolsonaro ficará mais dois dias na Itália. Na segunda-feira ele segue para a cidade de Anguillara Veneta, em Pádua, de onde saiu o primeiro Bolsonaro que emigrou para o Brasil no final do século 19 e de onde receberá o título de "cidadão honorário". (El Diário, Espanha) | bit.ly/3vZX8Yv

MEIO AMBIENTE/ As emissões de gases de efeito estufa do Brasil crescem 9,5% em 2020. As emissões de gases de efeito estufa cresceram 9,5% no ano passado no Brasil impulsionadas pelos efeitos do desmatamento na Amazônia e atingiram o maior nível dos últimos 14 anos, segundo estudo divulgado. As emissões líquidas de dióxido de carbono equivalente (CO2e) do país em 2020 foram de 2.160 milhões de toneladas, ante 1.970 milhões em 2019. “O Brasil conseguiu a façanha de ser talvez o único grande emissor que aumentou a poluição no primeiro ano da pandemia. Os dados da SEEG confirmam que os destruidores da floresta, impulsionados pela política anti-ambiental do (presidente) Jair Bolsonaro, não ficavam trabalhando em casa", disse Marcio Astrini, secretário executivo do Observatório do Clima. (El Diário, Espanha) | bit.ly/3GxIDjK

LINGUAGEM INCLUSIVA/Governo brasileiro veta uso de linguagem inclusiva em projetos culturais. Criadores que pretendam financiar as suas iniciativas com recursos do Estado terão de evitar substituir artigos masculinos ou femininos pelas letras "x", "e" ou pelo símbolo arroba(@). (Correio da Manhã, Portugal) | bit.ly/3mqfQpe

2. NOTÍCIAS DO MUNDO

JULIAN ASSANGE 1/ Julian Assange: em recurso, "seguros" e riscos. O estado mental do fundador do WikiLeaks e suas possíveis condições de detenção nos Estados Unidos, que motivaram a recusa de extradição pronunciada em janeiro em primeira instância, estiveram no centro dos dois dias de audiência, nesta quarta e quinta-feira em Londres , perante o Supremo Tribunal de Justiça. Estranha audiência, decididamente, aquela que decorreu, nestas quarta e quinta-feira, em Londres, no âmbito dos painéis do Supremo Tribunal de Justiça britânico. Estranho no início porque o homem cujo destino está em jogo neste processo, o fundador do WikiLeaks, não estava na sala - seu advogado francês, Antoine Vey, disse ao Liberation que seu pedido para estar fisicamente presente foi recusado. (Libération, França) | bit.ly/3mp0DEE

JULIAN ASSANGE 2/ Recurso de extradição de Assange: advogados citam novas alegações de conspiração da CIA para prejudicá-lo. EUA buscam derrubar decisão de que o fundador do WikiLeaks não poderia ser extraditado devido ao risco de suicídio. (The Guardian, Inglaterra) | bit.ly/3Gz0Zk3

EUA-PLANO BIDEN/ Joe Biden mostra seu plano social e ambiental reduzido aos democratas no Capitólio. O projeto foi reduzido para 1,75 trilhão de dólares dos 3,5 trilhões iniciais. O presidente falhou em seu objetivo original de obter voto favorável no Congresso para um plano muito mais ambicioso que contemplava um jogo de 3,5 bilhões de dólares, antes de viajar a Roma para se encontrar com o Papa Francisco e os líderes do G-20, e depois a uma ONU cúpula do clima em Glasgow, Reino Unido. (Página 12, Argentina) | bit.ly/2ZxXutP

UBER-TRABALHADORES/ Protesto de motoristas da Uber parou trânsito em Bruxelas. A iniciativa aconteceu no final do II Fórum de Alternativas à uberização que juntou dezenas de organizações representativas de trabalhadores uberizados. Nesta cidade, realizou-se nos últimos dias o II Fórum de Alternativas à uberização que juntou dezenas de associações, sindicatos e coletivos de trabalhadores de vários setores afetados pelo modelo de precarização do trabalho e de redução de direitos das plataformas digitais. (Esquerda.net, Portugal) | bit.ly/3BqtJrH

ENCONTRO BIDEN-PAPA FRANCISCO/ As chaves para o encontro histórico entre Joe Biden e o Papa Francisco. Bergoglio recebe nesta sexta-feira o segundo presidente católico dos Estados Unidos: o Pontífice mostra assim seu apoio a uma liderança que se une pela defesa do meio ambiente, pela luta pela vacinação universal e pelo ódio aos setores ultracatólicos, a tal ponto que muitos bispos norte-americanos querem negar-lhe a comunhão por sua defesa do aborto. (El Diário, Espanha) | bit.ly/2XZdyE4

EQUADOR/ Mobilizações contra o presidente Lasso terminam com incidentes em Quito. As manifestações foram feitas para protestar contra o aumento dos combustíveis e a reforma trabalhista e tributária promovida pelo presidente neoliberal. Em Quito e em outras cidades do Equador, ocorreram na terça-feira protestos contra o governo chefiado por Guillermo Lasso, que assumiu o cargo em maio deste ano. Organizações sociais, sindicais, indígenas e estudantis lideraram as mobilizações em que as principais reivindicações foram o repúdio ao aumento dos combustíveis e o questionamento da chamada Lei de Criação de Oportunidades. Este projeto tenta reduzir a crise econômica que existe no país, acentuada pela pandemia do coronavírus, mas segundo as centrais sindicais implica uma precariedade do trabalho. (La Diária, Uruguai) | bit.ly/3GuBHDQ

COLÔMBIA/ Cerca de 180 soldados colombianos são detidos por plantadores de coca na fronteira entre a Colômbia e a Venezuela. Cerca de 180 soldados que erradicaram plantações de drogas foram detidos por plantadores de coca na fronteira da Colômbia com a Venezuela, informou uma fonte militar nesta quinta-feira. O general Ómar Sepúlveda denunciou como "sequestro" a captura de seus homens por comunidades que se opõem à destruição de plantações ilegais. O militar disse que as tropas foram cercadas por camponeses com paus e facões enquanto realizavam "tarefas de combate a toda a cadeia do narcotráfico". (La Jornada, México) | bit.ly/3vUNaYz

3. ARTIGOS/ENTREVISTAS

Ana Sofia Rocha – Brasil/Bolsonaro (Jornal de Notícias, Portugal) | “Bolsonaro à tona tenta salvar eleições de 2022” | bit.ly/2ZwhjBo

Georgia Wright, Liat Olenick e Amy Westervelt – EUA/Meio ambiente (The Guardian, Inglaterra) | “’Os doze condenados’ (‘The dirty dozen’)’: conheça os principais vilões do clima da América” | bit.ly/3Epa0KQ

Kate Aronoff EUA/Meio ambiente (The Guardian, Inglaterra) | Joe Biden está prestes a aparecer na Cop26 de mãos vazias?” | bit.ly/3vTKYAk

Susan B. GlasserEUA/Plano Biden (Yje New Yorker, EUA) | “Biden não consegue fechar o acordo - com seu próprio partido. ‘Todos estão a bordo’, disse o presidente. Mas eles não eram, pelo menos não ainda.” | bit.ly/3w42UbO

Paul Krugman – EUA (The New York Times, EUA0 | “Covardes, não malucos, estão destruindo os EUA.” | nyti.ms/3EsZLW0

Ishaan TharoorReunião do G-20 (The Washington Post, EUA) | “O G-20 se torna a vitrine de uma ordem global disfuncional” | wapo.st/3vTPf6W

Tarik Ali, entrevistaJulian Assange (Democracy Now, EUA) | “Julian Assange, do WikiLeaks, não deve ser extraditado por expor crimes de guerra no Afeganistão” | bit.ly/3nJ6Nzb

Phillip Inman – Países pobres/dívida (Other News, Itália) | “Países mais pobres gastam cinco vezes mais com dívida que com a crise climática” | bit.ly/3mnb8Zk

James MuldoonBig Tech/Facebook (Jacobin, EUA) | “O Facebook agora é meta. E quer monetizar toda a sua existência.” | bit.ly/3CtaTS7



Conteúdo Relacionado